O jogo mais bizarro que já vi



Pessoal, na íntegra minha coluna que sairá neste domingo, no LANCE!. Não consegui guardá-la para publicação mais tarde devido ao surreal Brasil 3 x 0 Venezuela, que acabo de ver.

O torcedor que pagou ingresso para ver Brasil x Venezuela, neste sábado, em Cuiabá, pelo Campeonato Sul-Americano masculino, deveria receber o dinheiro de volta. Os venezuelanos protagonizaram, no segundo set, a maior lambança que já vi em um jogo internacional entre profissionais.

Antes do início da parcial, em um procedimento de praxe, o assistente técnico do cubano Ídolo Herrera passou a escalação para os mesários, mas os atletas estavam fora de posição. Bom, imaginei enquanto via pela TV, que já no segundo ponto o treinador, que já havia dado um esporro no responsável pelo erro, faria uma substituição para corrigir o equívoco. Ledo engano.

O time jogou todo o set com a formação errada, entregando para o Brasil oito pontos de graça por falhar no posicionamento na hora de receber o saque. Até os árbitros, bem fracos, diga-se de passagem, pareciam não entender o que acontecia. Já Bernardinho, por sua vez, tentou ajudar, explicando para os jogadores venezuelanos em qual lugar da quadra eles deveriam ficar. Surreal.

As vaias até que foram poucas para tamanha bizarrice. E olha que estamos falando da Venezuela, até quatro anos atrás a segunda força do continente e que disputou a última edição da Olimpíada.

Mas o esdrúxulo set é um bom sinônimo para o baixíssimo nível da competição. Paraguai e Chile, por exemplo, com times completamentes amadores, com jogadores gordinhos e baixinhos. Nível escolar. Brasil e Argentina, ”  patinhos feios”   do torneio, foram contagiados pela ruindade alheia. Sofreram com falta de concentração e motivação, erraram mais do que de costume e ficaram devendo uma apresentação de alto nível. O sufoco que o Brasil teve para fechar o terceiro set contra a Venezuela resume bem isso. Ainda assim, brasileiros e argentinos se garantiram com folga na Copa do Mundo, classificatório para a Olimpíada de Londres, único motivo que tiveram para que jogassem com seus principais astros na capital mato-grossense.

Hoje, o clássico define o campeão continental. Que o público seja, finalmente, brindado com um jogo que preste.



  • emanuella

    realmente esse torneio foi sofrível, é tão chato que nem da vontade de ver, e nem dá para analisar nada, porque como não se tem adversário até como treino o jogo é ruim. Agora vem o feminino, que será a mesma coisa, nível baixo, e pior sem nenhuma segunda força.

    Ps. fiz um cartaz para o #albumdasuperliga da uma olhada http://twitpic.com/6pvlph

    • Diogo Márcio

      Parabéns Manu, to achando que você trabalha na Panini kkkkk’ – CBV e os Times precisão atualizar as fotos do jogadores.

      • emanuella

        obrigada Diogo, trabalho não. kkk
        as fotos peguei algumas no site da CBV e algumas nos sites dos proprio clubes.

  • Diogo Márcio

    Culpa maior é do Técnico, ídolo Herrera, pois deveria ter passado a posição correta e ajuda seus subordinados. Jogadores jovens e sem experiência internacional, tem que ter apoio maior do seu técnico. Lamentavel! A federação venezuelana deve buscar outro profissional para essa posição, pois são bons jogadores e com muito futuro.

  • Álvaro Médio

    Cara, que coisa troncha esse jogo!!
    Agora, o técnico da Venezuela é muito ruim. Fez uma renovação a fórceps e nem sabe posicionar o time em quadra.
    Parece que a “decente” geração de Harry Gomez foi enterrada com direitos a várias pás de cal.

    Agora, Daniel, vi o jogo Espanha e Holanda pelo feminino europeu de vôlei. Mas o time espanhol é muito meia-boca.
    Como pode um país com uma liga atuante não ter jogadoras medianas?

    • Diogo Márcio

      Espanha ganhou 1 set da Rússia e marcou + de 15 pontos em ace; fazendo com que a Rússia fique temporariamente em 2° no seu grupo. Para um time meia-boca eu acho que tá bom!

      Liga espanhola era igual a italiana, se contratava muitas jogadoras de bom (ou mediano) nível, enquanto as nativas tinha pouco espaço. Se não tinha uma boa equipe antes, não é agora que vai ter; Pois a base nem foi para os mundiais anteriores, mostrando que a renovação não é tão efetiva.

      A Liga espanhola deixou de ser atuante faz muito tempo!!!

      • Álvaro Médio

        Cara, muito mais por incompetência da Rússia do que por mérito da Espanha. A Rússia não se encontrou desde o título do mundial. Fez uma Copa Yeltsin sofrível, um grand prix decepcionante e já começa cambaleando no europeu.
        E a liga espanhola é atuante sim, não está em primeiro nível como Rússia, Itália e Turquia, mas sobreexiste no cenário europeu. Agora é ridículo que a equipe espanhola não tenha nível nenhum.
        No jogo contra a Holanda, elas pareciam as sulamericanas jogando. Foi a a isso que me referi.

        • Diogo Márcio

          Tá louco!!! Os tocos que a Gamova (e as outras jogadoras) levou + Vários pontos de saque + Ganhar 1° set da favorita (se tratado de um pais emergente no volei). Se isso tudo não é ter méritos, então eu não sei mais…

          Liga Espanhola não é atuante p*rra nenhuma!!! Já foi bem forte, com times entre os melhores da Europa, mas tem sofrido com problemas financeiros. Não é destino de jogadores de bom nível e nem é citada mais.

          Atuante é a liga da Rússia, Turquia e Azerbaijão!

          • Álvaro Médio

            Pois eu aposto como o Praia Clube ganhava desse time da Espanha com sobras. E favorito por favorito, o time masculino da Rússia perdeu um set da seleção portuguesa no europeu masculino.
            E a liga espanhola é atuante sim. Agora se você não sabe a diferença entre liga atuante e liga de primeira linha, isso não é problema meu.
            E quando responder a meus comentários, tenha a educação de não escrever palavrões. Se quiser baixar o nível, vá para o outro blog.
            Aqui é um espaço pra discutir pontos de vista e não para agir com descortesia.

          • Diogo Márcio

            Álvaro – O time português teve méritos próprios para vencer o set da Rússia, que não se concentrou achando que o jogo seria fácil.
            Sei muito bem a diferença. Entretanto, se você não soube interpretar o que eu quis dizer do motivo que ocasionou ela deixar de ser atuante, problema é seu.
            Os comentários são meus, escrevo da maneira que me convém. Quem não gostar… exclua, o dono do blog – Que não é o seu caso!

    • Adriano

      Agora, você vê. Esse time fraco da Espanha que tomou um sacode da Holanda hoje fez jogo duríssimo com a Rússia. Perdeu o primeiro set por 32 x 30, ganhou bem o segundo e nos outros dois fez jogo parelho. Isso com ponteiras com 25% de aproveitamento no ataque.

      Alguém mais acha que a Rússia vai ficar de fora da Copa do Mundo pela terceira vez consecutiva? Eu acho… (E tô falando isso sem ter visto os jogos. Só dei uma espiada no final da vitória surpreendente da Croácia sobre a Turquia. Sérvia e Itália sofreram [relativamente] pra ganhar seus jogos, mas ainda acho que são os favoritos para ir pra Copa.)

      • Diogo Márcio

        Holanda, Polônia e Alemanha não é pariu para as russas; depende de uma ou outra jogadora.

        Itália ou Sérvia? Prefiro um encontro com a Sérvia, pois acredito que a possibilidade possa ser maior, já que elas entram embalada com a vitória na decisão do 3°lugar do GP.

  • graca

    a bagunca na selecao VENZUELA e’ um reflexo da bagunca na qual se encontra a DITADURA HUGO CHAVEZ, nao so’ no volei, mas tambe’m no BASQUETE e em outros esportes a VENEZUELA tem sofrido um RETROCESSO imenso, a COLOMBIA esta’ investiindo mais e veio para tomar o lugar da VENEZUELA como terceira forca SULAMERICANA. Quem diria que a VENEZUELA ja’ foi campea DO PAN derrotando o TIME DE BERNARDINHO NA SEMIFINAL e que em PEQUIM 2008 quase vence o TIME CAMPEAO OLIMPICO DOS EUA no TIE BREAK.
    Contudo, BRASIL X ARGENTINA tem tudo para ser um partidaco, no mais torco para que o projeto COLOMBIANO de FRUTOS, para que possamos ver voleibol de mais ALTO NIVEL por aqui.

  • graca

    DANIEL enquanto acontece esses vexames aqui tipo o da VENEZUELA, na EUROPA, COSTAGRANDE esta’ sendo o MAIOR DESTAQUE do campeonato EUROPEU ate’ agora, demonstrando toda sua categoria e versatilidade, COSTAGRANDE esta’ atuando numa posicao INUSITADA na qual NINGUEM ESPERAVA: OPOSTA-PASSADORA, isso mesmo, ale’m de ser a MATADORA do TIME, tambe’m assumiu o PASSE, pq a UNICA LIBERO ITALIANA, LEONARDI, esta’ jogando contundida. CARDULO E MERLO, liberos que estavam na pre-lista do EUROPEU estavam contudidas e nao puderam ser inscritas, como so’ LEONARDI estava inscrita como terceira LIBERO, a ITALIA so’ pode jogar com 12 JOGADORAS, enquanto as demais selecoes que inscreveram 2 liberos estao jogando com 14. COSTAGRANDE esta’ no melhor de sua FORMA e nas OLIMPIADAS pode dar muito trabalho, pois e’ a jogadora EUROPEIA mais completa em ATIVIDADE.

    • Diogo Márcio

      Estou vendo o campeonato europeu é para mim, a CG só é mais uma atacante da Itália!!!! Se a situação da libero estivesse tão ruim assim… Barbolini colocaria a Bosseti em quadra pois ela tem a melhor recepção, dentre as ponteiras. O real propósito dele é da ritmo de jogo as suas principais ponteiras, para que as substituições nos playoff’s mantenha o nível e a concentração desejada, já que elas estão com o bom ritmo.

      Só para ressaltar o que disse, no jogo de hoje contra a emergente Turquia. A “Contundida” voltou a sua posição para recepcionar, pois o “maior destaque” e as outras ponteiras estava com problema na recepção.

      P.S. Itália 2 x 3 Turquia – Oszoy mandou lembranças para “Maior destaque” (com problemas na recepção), a Costa Grande!!!

MaisRecentes

Joelho afastará Gabi das quadras



Continue Lendo

As primeiras transmissões da Superliga na TV



Continue Lendo

Vaivém: Thaisa jogará a Superliga



Continue Lendo