Notícia a lamentar – 1



O bom “Falando de Vôlei” deixou órfãos uma legião de seguidores hoje após essa mensagem: http://www.falandodevolei.com.br/opiniaomestre.php?id_noticia=461

Não conheço pessoalmente o Rodrigo e isso me deixa à vontade para escrever estas linhas sem parecer que estou fazendo média. Ele escrevia com conhecimento de causa, demonstrava profundidade e colocou o dedo em várias feridas do esporte.

Que seja apenas uma parada momentânea. O vôlei perde com esse espaço que se fecha.



  • klaus

    Sempre acompanhei o blog dele.Nem sempre comentava, mas todo dia acessava pra ler suas opiniões de grande conhecimento e ele me ensinou muita coisa.Parece que o vôlei brasileiro está numa crise sem fim.É mais um veículo que deixa de falar sobre o vôlei.Triste por tudo o que está acontecendo,mas na vida devemos eleger prioridades e acho que ele fez a escolha.Muita sorte a ele .

  • ALINE

    Voleibol definhando… Acabando… EM TODOS OS ASPECTOS:
    1. NÃO HÁ RENOVAÇÃO DECENTE TANTO NO MASCULINO QUANTO NO FEMININO;
    2. DESORGANIZAÇÃO DE HORÁRIOS QUE NÃO BATEM COM A TABELA;
    3. CAMPEONATOS ENFRAQUECIDOS E DESMOTIVANTES;
    4. DIRIGENTES CORRUPTOS;
    5. FALTA DE PLANEJAMENTO;
    6. ENGESSAMENTO DO ESPORTE PELA MÁQUINA PÚBLICA;
    7. EXCESSO DE BUROCRACIA DEVIDO AO DOMÍNIO DO ESTADO SUPER-PROTETOR SOBRE OS ESPORTES QUE DESMOTIVAM INVESTIMENTOS E PATROCINADORES;
    8. PRECIOSISMO EM EXIGêNCIAS PARA A REALIZAÇÃO DE UMA PARTIDA DE VÔLEI;
    9. CADA VEZ MENOS GENTE “FALANDO DE VÔLEI” NA INTERNET, TORNOU-SE CHATO, CANSATIVO E DESMOTIVANTE COMENTAR SOBRE UM ESPORTE, QUE NO BRASIL, ESTÁ EM FRANCA DECADÊNCIA, POR CULPA DOS PRÓPRIOS DIRIGENTES E, PORQUE NÃO, DE ALGUNS CLUBES QUE JOGAM CONTRA O VÔLEI: UMA PENA!!!
    10. O PONTO CULMINANTE DESSA SUJEIRADA FOI O VOLOCH SER CONVIDADO VIP DO ARY GRAÇA PARA PASSEAR NA ITÁLIA E POLÔNIA NOS MUNDIAIS MASCULINO E FEMINIINO, MAS O UOL DEU UM BASTA NELE, AINDA BEM!

    • Edu

      Eu evitava me referir aquele blog , que justiça se faça deu vários furos, pelas noticias virem maculadas de interesses pessoais.O curioso daquele profissional e que ele foi contratado para ser o diretor geral de uma grande rádio que recebeu um enorme investimento de um banco privado abandonando seu emprego no UOL por uma melhor condição de trabalho e nem ficou trinta dias corridos naquele cargo.Sendo quase que imediatamente demitido.Outro reparo, sendo necessário que se faça, é que o UOL andou dispensando alguns colaboradores e aquele blogueiro entrou na medida de forma coletiva.Lamentei inclusive que o Livio Oricchio , o melhor repórter e texto jornalistico da F1 entrou na lista.Com uma sentida postagem de decepção e contrariedade de despedia.Ele fazia um excelente trabalho de forma digna e ética que infelizmente foi abreviada de forma muito precoce por aquele portal.

  • Neide

    Algumas justificativas do Rodrigo para encerrar o Falando de Vôlei:
    “… não consigo mais assistir, não consigo mais ler, não consigo mais acompanhar. Em parte por eleger prioridades, ainda que quisesse fazer do Falando de Vôlei, um dia, minha profissão. Mas, ainda não era. ‘Em grande parte por ver um voleibol apodrecido em seu cerne, em suas estruturas e perceber em mim pouco prazer em escrever sobre isso.'”

    Está realmente difícil assistir a jogos ruins, os jogos principais não são transmitidos nem pela TVA decadência do Voleibol, da CBV e da FIVB, junto a um “empurrão” da Globo destruíram o Voleibol que está em metástase como um paciente terminal de Câncer.

    Coitado do Voleibol, o último que apague a luz!

  • Alex

    O Volei esta acabando no Brasil.

    • Edu

      Com o grande auxilip das Organizações Globo e da CBV pela submissão e os contratos leoninos.A entidade não tem o que reclamar afinal tem receita em direitos de televisão e patrocínio de 100 milhões de reais ano.

  • Alaor

    Vai tarde, contribuiu tanto para o vôlei quanto o blogueiro do UOL que também bateu em retirada.

  • daniel

    Mais uma perda para o voleibol.

  • marcian

    É uma pena eu não conhecer esse canal sobre vôlei. Conheci no seu fim. Mais, analisando o esporte no Brasil, o vôlei era aquele que tínhamos orgulho, de dizer: somos os melhores. Mas uma serie de fatores não fizeram esse melhor continuar no mesmo patamar. Está havenndo uma queda progressiva, até que um dia, talvez, será um esporte em que o Brasil vai ser um mero participante.

  • JR

    Infelizmente mais um bom espaco se fecha. Lia sempre com mta expectativa as opinioes e entrevistas do Falando do Volei. Ele e o saque eram meus preferidos. A pergunta q fica e Onde vamos parar? Ja passou da hora dos acomodados e arrogantes dirigentes do volei brasileiro repensarem a realidade do nosso esporte e definir novos rumos para ele. Para o bem do voleibol e nosso.

MaisRecentes

Joelho afastará Gabi das quadras



Continue Lendo

As primeiras transmissões da Superliga na TV



Continue Lendo

Vaivém: Thaisa jogará a Superliga



Continue Lendo