Nota oficial do Minas Tênis Clube



“O Minas Tênis Clube lamenta e repudia o episódio envolvendo o jogador Wallace e uma torcedora não identificada, ocorrido durante o jogo entre Vivo/Minas e Sada/Cruzeiro, ontem, à noite, na Arena Vivo.  Na partida pela oitava rodada do returno da primeira fase da Superliga de Vôlei Masculino 2011/2012, vencida pelos minastenistas por 3 a 2, o atleta do time cruzeirense teria recebido, de uma mulher nas arquibancadas, xingamento de caráter racista. É justo destacar que se tratou de manifestação individual, impossível de ser controlada pelo Clube e que em nada reflete a filosofia e os valores do  Minas.

Vale lembrar que o Minas sempre se pautou pela retidão moral e ética, inclusive no esporte, sendo uma das mais tradicionais agremiações sócio-desportivas do País, fundada há 76 anos. É o único clube  a disputar todos os campeonatos nacionais de vôlei, desde os anos 1950, e o detentor do maior número de títulos brasileiros no masculino (nove)”



  • Marco Túlio

    Como Mineiro que sou, sempre torci para o Minas, até o Sada virar Sada Cruzeiro, ai sendo mais Cruzeirense que tudo, mudei minha torcida.

    Apesar disso, simpatizo muuito com o Minas e lamento que o grande jogo tenha ficado em segundo plano.

    E lamento também essa nota acima em que o Minas preocupa mais em vangloriar dos seus feitos que preucupar-se com a atitude da torcedora.

    Mesmo não sendo sócio do clube, em BH sabemos que o Minas Tênis é um clube sério e valoroso e esperamos que mantenha a fama, tomando as medidas para que a torcedora seja punida.

    Por último, esse papo “torcedora não identificada” é balela, a Arena deve ter um milhão de câmeras pra esse tipo de situações e os próprios torcedores conseguiriam facilmente identifica-la.

  • Fernando

    Lembrando que em nota oficial quando o acontecimento foi com a torcida do Sada, a diretoria nem deu o braço a torcer direito, alegando que estava mais pra mídia do VF do que tudo.

    Se o Minas tiver que ser multado, que seja mesmo, vale como um alerta pra todos os times e torcida do Brasil. Mas o que o Minas poderia falar mais nessa nota a não ser que repudia determinada atitude, que não tem a ver com a filosofia do clube? Um caso totalmente isolado, que foge ao controle de todo mundo.

    O erro do clube pode ter acontecido se o delegado da partida avisou mesmo a segurança no momento, ali sim daria pra identificar, a segurança falhou. Fora isso, sinceramente acho impossível identificar depois de passado o ocorrido.

  • Luiz

    A diretora do Vôlei Futuro avisou quando o Cruzeiro foi punido com apenas uma multa. As palavras dela foram proféticas: “Agora o MACACO, o Bixa, o Alejado está liberado, pois agora é só pagar um multa”.

    Acho que pelo o que ocorreu com o Michael do Vôlei Futuro, o ultimo jogo deveria ter acontecido às portas fechadas, sem a torcida. Como acontece no futebol. Se isto acontecer com o Minas não será justo, pois o Cruzeiro não foi punido da maneira devida.

  • Alessandra França

    Já se sabe se o grito foi vindo da parte dos associados ou da torcida ? Se for na area reservada, fica mais fácil identificar. Mas o Wallace estava perto do lado da torcida quando reclamou, então acredito ser lá. De lá do ginásio mesmo, nao estando perto deste ser desprezível e racista, não deu pra ouvir.
    Eu acho que o Minas não tem câmeras ali no ginásio pelo que eu conheço, mas com imagens do Sportv, imagens que os clubes fazem dos jogos também, pode ser que consigam identificar, apesar de difícil. Com a repercussão do caso, quem estava perto ou viu a mulher gritando, pode ajudar também se ver em fotos do jogo e tal.

    Cada vez mais fico impressionada como temos ainda seres humanos tão pobres de espírito como essa moça. Isso é lamentável, não é humano. E outra, um jogo tão bonito, tão rico tecnicamente, cheio de emoção, infelizmente ficou em segundo plano.
    Que essa mulher pague pelo que fez!

    • Rafa

      mas nem tem área reservada…

      • volei

        Rafa, vc mora em bh ou já foi ao minas tenis clube?

        socio tem area reservada sim, assim como a torcida da vivo e usiminas.

        o restante usa outras dependencias do ginasio que por sinal acho um dos melhores (se não) do brasil.
        quanto a essa cidadã tem que ser punida sim, e quem estava do lado da mesma com certeza vai identifica-las nos proximos jogos.

      • Carlos E

        Area reservada eu quis dizer a area que ficam os sócios e convidados, tem sim, atrás das comissões tecnicas.

  • Fernando
  • Carlos E

    Posso estar enganado, mas algumas vezes falam com certeza afirmando ser uma senhora, Minas Tenis vem falando em ser sócia e poder deixar de ser. Não sei, acho que o Minas pode ser que até juntamente com Wallace, já conseguiram identificar esta mulher. Mas ainda sem falar nada, porque pra poder fazer alguma coisa precisa de ter certeza e provas.

  • Aline

    Nada será feito como no caso do Maicon, o Cruzeiro não foi devidamente punido naquele caso e o Minas não será punido.
    Os ginásios estão se transformando em um estádio de futebol, daqui a puco terá briga entre as torcidas, isso quando certos liberarão ingressos para seus rivais.
    Estou assistindo Sesi x Minas não ouvi nenhum jogador ser xingado de forma pejorativa. Deve ser pq a torcida vai apenas pra assistir o jogo.

    • Luiz

      Aline, eu já twittei para os jogadores do Cruzeiro mil vezes sobre o que tem acontecido. Mas, eles são os primeiros a botarem na torcida.
      Eu já disse isto aqui antes, e vou repetir: esta história de rivalidade Vôlei Futuro x Cruzeiro ainda vai acabar mal; ainda vai dar em morte. Esta torcida do Cruzeiro só quer é fazer barraco e ver confusão. Temo muito pelo jogo de hoje à noite, que já começou quente, pois agora no twitter me informaram que ontém, durante o treinamento do Vôlei Futuro lá em Minas a luz acabou. Espero que tenhamos bastante segurança no jogo de hoje e câmeras bem posicionadas para grvar tudo. Aquilo lá se transformou em um campo de guerra. Eu aposto que ainda vai ter gente chamando o Michael daqueles nomes.

  • César Castro

    Chamar um negro de macaco!

    Desculpem-me os racistas, mas que coisa mais cafona!
    Eu não vou nem falar do aspecto jurídico, fico só na questão dos costumes mesmo.

    Isso de desqualificar negros é assunto colonial,uma soma histórica de ignorância e pretensão.
    Quem reedita episódios como esse dessa torcedora faz questão de estar à escuridão.
    Tadinha!
    Não deve entender de nada. Deve ter visto a fila do ginásio e achou que era pra receber alguma coisa.
    Daí, viu um rapaz mais pardo do que sua pardez e achou de compará-lo a um símio.
    Que coisa mais inteligente! Que sacada genial!
    Sinceramente, tem cada um!

  • Marco Túlio

    É Luiz, acho que esse lixo de comentário que você fez, foi muuuuito contrariado no jogo de ontem em Contagem, com uma homenagem do Vôlei Futuro ao Wallace e o total respeito da torcida do Cruzeiro com os jogadores.

MaisRecentes

Semana positiva das Seleções adultas



Continue Lendo

Coluna: O polêmico teste na regra do vôlei



Continue Lendo

Vaivém: Mais estrangeiras na Superliga?



Continue Lendo