Ninguém para o Sada/Cruzeiro



Mineiro, Copa Brasil, Mundial e agora Sul-Americano. Falta apenas a Superliga para o Sada/Cruzeiro ser campeão de tudo no vôlei.

A incrível sequência de conquistas do time comandado por Marcelo Mendez esteve por um fio, na noite de domingo. A valente (e competente!) equipe da UPCN chegou a abrir 2 sets a 0 e tinha vantagem na terceira parcial. Ignorava a Arena Vivo lotada e um rival acostumado a vencer. Mas sucumbiu. Assim como o Vivo/Minas no Estadual, o Sesi na Copa Brasil e o Novosibirsk no Mundial…

E acho que este fator “saber ganhar” pesou. Vejamos:

– O Sada/Cruzeiro parecia preso até a metade do terceiro set. O saque não entrava, Wallace e Leal não desequilibravam, o time não sorria. William não era o mesmo. Filipe errava. Serginho não conseguia contagiar os companheiros com suas defesas. Os donos da casa pareciam incomodados com os erros. E viam os hermanos jogando muita bola. Garrocq defendendo demais, Olteanu e Fillardi dando estabilidade para o passe e Theo cumprindo a obrigação de um oposto: virar as bolas.

– Marcelo Mendez trocou o oposto, o central… Nada parecia funcionar. Até que o saque entrou e passou a incomodar, principalmente com Leal e Eder e, mais tarde, com Filipe. Neste mesmo momento, Wallace, no melhor estilo Wallace, cravou duas, três bolas. E o jogo mudou.

– O tie-break foi um capítulo à parte. Os mineiros abriram 8 a 3 e depois 12 a 6. A fatura parecia liquidada.  Até brinquei no Twitter dizendo que ninguém deveria usar o título “virada à mineira”. Mas a UPCN reagiu, empatou e por pouco não calou a Arena Vivo.

Estamos vendo a história ser construída, senhoras e senhores. Daqui a alguns anos, talvez a próxima geração esteja discutindo o tamanho das façanhas cruzeirenses no vôlei.



  • Léo

    Para mim o MVP foi o Filipe. Mesmo nos momento de instabilidade do time cruzeirense ele foi o único que se manteve bem do início ao fim. Detalhe: ele passa mais que o Serginho.
    Parabéns CRUZEIRO!!!!
    A torcida ontem deu Show.

    • Bruno

      Sem dúvida o MVP foi o Filipe. Jogador regular, todos os passes são precisos, principalmente nos pontos decisivos, saca muito bem e no ataque, mesmo na maioria das bolas sendo com bloqueio duplo/triplo, mantém uma regularidade….Jogador espetacular……Time de campeões…

  • João Paulo

    Que orgulho do meu time.
    Uma pena que o Minas não tenha tido competência para fazer a final contra o Sada/Cruzeiro. Seria melhor ainda batê-los dentro da casa deles, contra time, torcida e artimanhas de Henrique e companhia.

  • wms

    Oi, Daniel.
    Na verdade não falta o título da superliga, né? Certamente vc está se referindo à essa temporada, que só precisa desse título pra fechar em 100%. Vendo as escolhas do SESI no sábado, penso que daqui a pouco não faltará mais nada pra esse 100% do Cruzeiro. Tenho mais simpatia pelo Minas, apesar de ser Cruzeiro no futebol, mas como resistir indiferente à essa campanha do cruzeiro competição após competição? Só resta aplaudir e torcer também por eles, pois o merecimento é incontestável.

    • Daniel Bortoletto

      sim. falo de fechar a mesma temporada

  • Jairo(RJ)

    Se faltava motivação, nesse jogo “louco” com certeza o Cruzeiro encontrou a motivação que faltava para finalizar a Superliga. Que venham os touros, pois o toureiro já está esperando!

    Daniel, do UPCN quem você destacaria?

    • Daniel Bortoletto

      O time titular é muito bom. Se eu fosse dirigente de time brasileiro, olharia com carinho para eles na próxima temporada

      • newton carvalho

        Como joga fácil o romeno “Olteanu”, o cara é realmente bom de bola. O levantador Gonzalez mostrou-se muito interessante também. Legal também ver o Theo voltando à boa forma que o consagrou na Cimed e que lhe permitiu brilhar pela seleção (Liga Mundial e mundial de 2010). Certa vez Bernardinho, às vésperas da olimpíada, comentou que Theo era o melhor bloqueador à disposição da seleção. Não sei se era apenas retórica, uma forma de lhe dar ânimo e fazer com que lutasse para cravar uma das vagas para os jogos de Londres, mas o fato é que ele bloqueia muito mesmo. Não é normal (ao menos para mim) um oposto fazer a quantidade de pontos que ele marcou no block, especialmente no tie break.

      • Jairo(RJ)

        Só complementando, como um ponteiro passador (Fillardis, se não me engano), do alto dos seus 1.88, conseguiu se criar contra os grandões do Cruzeiro Leal, Eder e cia?

  • giorgio fiori junior

    Bom dia Daniel t bem?

    Existe alguma especulação do Sada Cruzeiro para o mundial? Obrigado

    • Daniel Bortoletto

      nenhuma, Giorgio

  • Marcos

    AValio de uma forma um pouco diferente.
    Sem tirar os méritos dos jogadores do RJ, o SESI tinha interesse em perder o jogo.
    Explico: ficando em 2o, pega o São Bernardo e depois, possivelmente, o Brasil Kirim. Se ficar em 1o, pega o Maringá (que engrossou os jogos contra eles, o jogo do Maringá “encaixa” contra o SESI, além do desgaste de viajar, etc) e depois, provavelmente o Minas.
    Perdendo, joga Maringá e Minas para o Cruzeiro.
    Enfim, não sei se nesse nível alguém entra para perder, mas com certeza o pessoal do SESI fez esse cálculo que eu fiz aqui…

  • Bernado

    Olá, Daniel!

    Ouvi falar há uns dois anos atrás de que o Sada Cruzeiro pensava em criar um time feminino para a superliga. Há alguma especulação sobre isso, de fato?

    • Daniel Bortoletto

      não ouço nada atualmente

MaisRecentes

Dia de aplaudir o Zenit Kazan



Continue Lendo

Praia x Minas e Sesc x Vôlei Nestlé. Quer mais?



Continue Lendo

Agora líbero, Murilo volta a ser relacionado após 8 meses



Continue Lendo