Na RedeTV!, final da Superliga terminou no 4 a 1 do quinto set



Não é primeira, nem a segunda, muito menos a terceira vez. Mas certamente é a pior.

A RedeTV! cortou a transmissão da FINAL da Superliga Cimed Masculina no início do TIE-BREAK. Letra maiúscula para deixar bem claro que era o TIE-BREAK DA FINAL. O Sada/Cruzeiro vencia Sesi no set decisivo por 4 a 1, quando o telespectador que acompanhava o jogaço ficou a ver navios. Ou melhor: passou a a ver Top Game, um joguinho que oferece prêmio em dinheiro para quem acertar a imagem diferente das outras, caso seja atendido na ligação telefônica paga.

Nada contra quem gosta de ligar no programa e tentar faturar uma graninha extra, mesmo sabendo que a chance de a conta de telefone vir alta no mês seguinte. Mas é uma total falta de respeito com o telespectador que ficou 2h30min vendo a transmissão da emissora e talvez não saiba quem venceu o jogo.

Deu para sentir o constrangimento do narrador Marcelo do Ó (sem qualquer culpa na situação) ao anunciar que “mais informações sobre a final poderiam ser vistas no decorrer da programação”. Não venham me dizer que era possível seguir acompanhando a partida pela internet, no site da RedeTV!. Estou falando de televisão aberta.

Evandro encara o bloqueio de Alan, no duelo dos opostos (CBV Divulgação)

TV aberta que perde telespectadores ano após ano. TV aberta que precisa vender horários em sua grade de transmissão para sobreviver. E essa é a explicação para o desrespeito com o fã do vôlei. O horário pré-jogo (até 15h) e o pós-jogo (pouco depois de 17h30) é de um anunciante. Ele compra e usa o espaço como quiser. E o que ele paga faz muita diferença nos cofres do vencedor do espaço. Uma lógica até certo ponto simples para a emissora. Mas dane-se o resto, né?

Fico pensando aqui com meus botões, depois dos vários casos de cortes nos jogos, como deverá ser fácil vender uma cota de patrocínio para mostrar o vôlei na RedeTV! na próxima temporada. “Compre e vamos mostrar na íntegra os jogos que acabarem rapidamente”.

LEIA TAMBÉM

+ Em grande jogo, Sada/Cruzeiro sai na frente na final da Superliga



MaisRecentes

Dentil/Praia Clube conquista a Supercopa. Mas tem muito a evoluir



Continue Lendo

Dirigente morre ao jogar torneio master em Saquarema



Continue Lendo

Coluna: Uma Superliga 100% transmitida



Continue Lendo