Morte do filho de Milinkovic causa comoção no vôlei



Como pai de dois meninos é bem difícil escrever um post sobre o assunto. Morreu Luka, 13 anos, filho do ex-jogador argentino Marcos Milinkovic.

O adolescente, que já tentava seguir os passos do pai no vôlei nas categorias de base do Vojvodina (SER), morreu afogado em um lago, na Croácia, onde passava férias com a mãe e a irmã, após um acidente de caiaque.

Rapidamente vários expoentes do esporte usaram as redes sociais em solidariedade. Javier Weber, parceiro de Milinkovic durante vários anos na seleção, escreveu no Twitter: “Irmão de alma, te abraço com todo meu coração. Sempre ao seu lado”.

Milinkovic e Giba são amigos (Divulgação)

Milinkovic e Giba são amigos (Divulgação)

O River Plate, clube de coração de Marcos e Luka, enviou condolências à família. A hashtag #FuerzaMarcos logo ganhou destaque na Argentina.

Milinkovic, que atuou no Brasil por Cocamar (PR), Olympikus (RJ), Chapecó, Unisul e Cimed (SC), tem muitos amigos por aqui. Dois anos atrás, vários deles estiveram presentes na despedida do jogador no Ginásio Luna Park, em Buenos Aires, como Giba, Carlão, Kid, Maurício. O ex-oposto, atualmente com 45 anos, jogou até os 41. Ele possui três Olimpíada no currículo.

“Hoje recebi uma noticia muito ruim, um grande amigo irmão Marcos Milinkovic perdeu seu filho Luka em um lago na Croácia. Que Deus te dê forças meu amigo na sua jornada daqui pra frente. E que os anjos cuidem do pequeno Luka”, escreveu Giba, no Instagram.

Os campeões olímpicos Nalbert e William foram outros que utilizaram as redes sociais para lamentar o ocorrido. Marcelo Mendez e Horacio Dileo, argentinos que comandam o Sada/Cruzeiro e o Vôlei Renata, respectivamente, também mandaram mensagens de apoio ao ex-jogador.



MaisRecentes

Dia de aplaudir o Zenit Kazan



Continue Lendo

Praia x Minas e Sesc x Vôlei Nestlé. Quer mais?



Continue Lendo

Agora líbero, Murilo volta a ser relacionado após 8 meses



Continue Lendo