Molico/Osasco dá o troco, com estilo, no Sesi



O esperado reencontro entre Molico/Osasco e Sesi, rivais que decidiram Paulista, Copa Brasil e Sul-Americano, foi de alto nível,  na noite de segunda-feira. Pela rivalidade cada vez maior entre as duas equipes, o jogo teve cara de mais uma decisão.

O líder invicto da Superliga deu o troco no campeão continental vencendo por 3 a 1. Mas eu não teria me surpreendido com um 3 a 0 do Sesi, pela forma com que o jogo se desenvolveu.

Os dois primeiros sets, vencidos pelo Molico por 21-18 e 24-22, tiveram o Sesi na frente na maior parte do tempo. No primeiro, a vantagem na reta final chegou a ser de quatro pontos (18 a 14). Mas o time da casa parou, levou sete pontos (?!?) seguidos, durante uma boa sequência de Sanja no saque e Sheilla no ataque.

O segundo também começou com boa arrancada do Sesi. O equilíbrio só apareceu quando Luizomar de Moura trocou Fabíola por Ana Maria. A parcial seguiu equilibrada, o Sesi desperdiçou um set point após erro de ataque de Ivna e acabou levando a virada mais uma vez.  E, de novo, a oposto Sheilla virou as bolas decisivas.

Vale abrir parênteses para falar da atuação da oposto do Molico e da Seleção.  Foram 22 pontos, sendo acionada em momentos complicados e nem sempre com bolas bem levantadas. Como dizemos na gíria, estava com “sangue nos olhos”, parecendo disposta a dar uma resposta após a derrota na final do Sul-Americano. E assim foi protagonista.

O Sesi, apesar das bobeadas, seguiu firme e venceu o terceiro set com autoridade. Deu a impressão de que levaria o jogo para o tie-break, mas acabou dominado pelo time de Osasco na quarta parcial.  O passe não chegou com constância nas mãos de Dani Lins, as centrais Fabiana e Bia pontuaram apenas duas vezes (uma cada) no ataque e ficou mais fácil para o bloqueio amortecer as bolas na ponta.

Gostaram do que viram?

 



MaisRecentes

Atuação ruim tira Brasil da final da Copa Pan-Americana



Continue Lendo

Vôlei Renata anuncia novidades para a temporada



Continue Lendo

Jaqueline anuncia aposentadoria da Seleção



Continue Lendo