Luizomar lamenta temporada “atípica”



O abatimento pela perda do título reforçado pela certeza de que o Molico/Osasco tinha muito mais jogo para mostrar. Esse era o sentimento de Luizomar de Moura após a derrota por 3 a 0 na decisão da Superliga.

O treinador do time paulista lamentou os erros em excesso nos três sets e fez um balanço mais amplo de uma temporada “atípica”.

– O time foi instável, sim. Foi uma temporada com momentos complicados. As jogadoras da Seleção chegaram muito desmotivadas depois do Mundial, tivemos pouco tempo para treinar  e já encaramos o Paulista, que tinha times já montados, como Pinheiros e São Caetano.  No Sul-Americano o time não estava em sua melhor forma. Na Suíça não jogamos bem, mas vencemos um campeonato que os times brasileiros há tempos não conquistavam. Na Superliga, até a 10ª rodada era um Molico, depois tivemos problemas de contusão. E eu não podia ficar falando para não dar munição para os adversários. Mas mostramos um bom vôlei nas semifinais, fizemos mais de 40 pontos de bloqueio, o time vinha treinando bem… Mas hoje saio frustrado, pois o time poderia ter jogado bem mais. Nossa virada de bola é muito forte, mas não começo só conseguíamos rodar pelo meio. E erramos em vários momentos. E do outro lado o Rexona estava fechado em torno da Fofão, querida por todos, jogando para dar o título para ela. Eles foram melhores – comentou Luizomar.



MaisRecentes

Evento na Polônia reúne craques históricos do vôlei



Continue Lendo

Um fim de semana para esquecer na Bulgária



Continue Lendo

Raridade: Brasil perde a segunda seguida por 3 a 0



Continue Lendo