Lorena detona Bernardinho



Tirem as crianças da sala.

O oposto Lorena, do Sesi, deixou de lado qualquer discurso politicamente correto e não poupou críticas ao técnico Bernardinho, em entrevista à Rádio Bradesco Esportes, por não testá-lo na Seleção Brasileira.

– Nunca tive oportunidade na Seleção. Minha grande angústia sobre o Bernardinho é sempre me julgar sem me conhecer. Para mim, ele é a mesma coisa que nada. Comigo ele não foi muito honesto – disse o jogador, que completou.

– Eu não sei qual é o pensamento dele, ele sempre teve o grupo formado. Ele é um vencedor, mas eu deveria, no mínimo, treinar com o grupo da Seleção. Nunca quis me testar, ele sempre quis me criticar. Vejo tanto oposto convocado que não fez metade do que eu fiz. Eu queria saber o julgamento que ele tem sobre mim, pelo menos, para ser testado. De repente eu não tenho nível para a Seleção, mas acho que não é isso.

Pegou pesado nas palavras, mas tem razão quando fala que deveria ter sido testado. Esse sentimento não é apenas de Lorena. Aqui mesmo no blog já se falou muito sobre Rapha e William, levantadores talentosos e que, no último ciclo olímpico, deveriam ter uma oportunidade como merecimento pelo que fizeram no Trentino e no Sada/Cruzeiro, respectivamente.

Tenham certeza de que fazer parte da lista de inscritos e não ser testado é muito mais frustrante do que ser testado e depois cortado.

 

 



MaisRecentes

Atuação ruim tira Brasil da final da Copa Pan-Americana



Continue Lendo

Vôlei Renata anuncia novidades para a temporada



Continue Lendo

Jaqueline anuncia aposentadoria da Seleção



Continue Lendo