Lista de Zé Roberto para o Grand Prix



Na noite de quinta-feira, José Roberto Guimarães anunciou a lista de 19 convocadas para o Grand Prix.

Os nomes estão neste link: http://www.lancenet.com.br/volei/Ze-Roberto-Guimaraes-Grand-Prix_0_1151285097.html

Como esperado, ela reúne a base usada no Torneio de Montreux, com as titulares que estavam em férias.

Vocês sentiram falta de alguém em especial?



  • Jorge

    Acho que a Ivna merecia ser chamada pelo menos pra treinar… Outra que espero ver em breve na seleção é a Macris…

  • Daniel_Sam

    Sim, da Claudinha, ela jogou bem esta última temporada , e foi cobrada(Acusada e Condenada) durante a temporada TODA. Mesmo assim ela foi séria e manteve o foco, vou torcer pela seleção e pela Claudinha na próxima temporada.

  • Matheus

    Acredito que tenha faltado a BIA do SESI…

    • Leiga

      Como ela vai ser convocada, se toda vez ela pede dispensa? KKKKKKKKK
      Ela, se tivesse jogado em Montreux, teria já tirado a Adenízia, já que as outras duas vieram só como acompanhantes (Nathália e Angélica).
      E o Brasil precisou dela, pois bloqueou muito bem o Kazan quando jogou no mundial (não tem nenhuma ova para ela, até Gamova caiu), então poderia ter feito a diferença naquele 3 a 2 que eliminou a seleção.

      • Bernardo

        Quem diz não para a seleção, não merece ser convocada para nenhum campeonato que o Brasil irá disputar daqui para frente.

      • José

        Detalhe que a Ana Bia está na Disney passeando…não me parece estar com tanto problema familiar assim rsrsrsrs

        • Logan

          A argumentação usada pela Bia foi de que ela precisava de férias para se recuperar da série de contusões que sofreu ao longo da temporada. Talvez a razão possa ser outra. Ou talvez ela pense ser perda de tempo treinar feito cão para, no final, nem jogar, o que eu não tiro razão.

          É frustrante suar a camisa para, no fim, ser descartado sem nem mesmo ser testado. Sobretudo na seleção do paneleiro. Estamos falando aqui do Zé Roberto que cortou a Camila Brait no auge da forma para levar a quebrada Natália para as Olimpíadas. Ou que cortou Fabíola para levar a Fernandinha só porque ele havia contratado a jogadora para o Amil. Ele mesmo convocou a Claudinha depois que o Amil a contratou. A mesma Claudinha que fez uma temporada decente, mas foi chamada de burra em rede nacional por não conseguir trabalhar as jogadas num time que não tinha sequer linha de passe. É a mesma seleção do Zé Roberto que enquanto técnico da Amil tentou improvisar Walewska na linha de passe num jogo decisivo de semifinal. É o mesmo Zé Roberto que não se arrisca em colocar em quadra jogadoras como Angélica, Natália e Ana Tiemi num simples torneio preparatório.

          Talvez a Bia prefira a Disney do que se submeter a essas coisas. Talvez ela esteja realmente priorizando a saúde. De um jeito ou de outro, ela está errada?

          • iuri

            Nao lembro de ter lido tanta abobrinha junta num post seu, vc esta de parabens!!! Superou qualquer comentario q eu ja li nesse blog. So um lembrete: é essa mesma seleçao q foi bi campea olimpica nas maos do Zé Roberto!

          • Mário

            Logan, na minha opinião ela está certissima. Não se submete a esta palhaçada comandada pelo senhor ZRG, que tem sua panela, cartas marcadas e só usa jogadoras novas para fazer de conta que está renovando. Logo descarta, não dá chance e prevalece política de abusar e jogar fora. Aliás, o que aconteceu de hora pra outra com Claudinha? Com Fernandinha? Com Pri Daroit? Com Suellen? Ai, burrice minha…estavam em equipes comandadas pelo próprio benfeitor, né? Agora, não precisa mais…assim, parabéns Bia!

  • daniel

    A única surpresa, e boa, foi o retorno de Juciely. Adenizia volta a ser ameaçada. Espero que em 2015 Bia possa estar na seleção. Diante da recepção desastrosa no Montreux, teria convocado Suelle. Mas não dá pra reclamar da convocação.

    • Leiga

      Também fiquei feliz com a convocação da Juciely. Torço para ela desbancar a Adenízia. Bloqueia melhor e tem uma china de muito mais qualidade. Não tem nem como pensar muito.

    • José

      Daniel concordo em gênero, número e grau sobre a convocação da Suelle nesse momento de sofrimento no passe por qual passa nossa seleção. Sou fã nº 01 da Jaque, mas ela precisa ser recuperada primeiramente em clube, pois são torneios importantes que estão por vir, e infelizmente, muito difícil voltar a jogar em grande rendimento com tão pouco tempo. Suelle não é uma passadora ou atacante nata, mas daria mais estabilidade ao passe, nesse momento, junto com Garay e Fabi, do que Natália, Gabi e Jaque. Com Suelle o Brasil perderia no ataque individual da jogadora mas, com um passe bem feito, as centrais e as outras pontas seriam mais bem aproveitadas. Sem dúvida Natália, Gabi e Jaque são grandes jogadoras e têm muito a oferecer á seleção, mas o que não dá pra tolerar é aquele show de horrores no passe como aconteceu no Montreux. OBS: Gostei muito do aproveitamento da Suelle no mundial de clubes desse ano. Acho sim que encarou muito bem os times internacionais com suas jogadoras consagradas no voleibol mundial. Daria uma chance à ela. Sem passe na mão, as nossas centrais e pontas/oposta não conseguirão fazer milagre.

  • Rodrigo Coimbra

    Senti falta da Claudinha que foi cobrada, acusada e culpada injustamente pelo técnico na eliminação do Amil, e principalmente da Pri Daroit que foi visivelmente prejudicada pela lesão no joelho! Antes da lesão ela botava no bolso varias jogadoras que estão aí nesta lista… Priscila Daroit em forma briga com Tandara Caixeta e Natália Zilio pela vaga de ponteira definidora, isso só me faz ter a certeza que o ZRG é paneleiro, as jogadoras tem que fazer o que ele quer, caso contrário… assim foi e é com a Mari, assim foi o corte da Fabiola em Londres, assim esta sendo com Priscila Daroit por não ter ficado no Amil… bola a Priscila tem pra jogar em quaisquer seleção.

    • Daniel_Sam

      Realmente, acho inclusive que a Pri Daroit poderia há muito fazer a função de oposto, pois ela tem um movimento final no seu ataque que lhe impõe muita potência, e quanto a Claudinha, lel não só a acusou injustamente na eliminação, ele fez isso durante toda a superliga, ele ficou a pressionando o tempo todo, e ainda assim ela rendeu bem(E muito, com aquele passe que tinha), foi o passe que eliminou o Volei Amil, bem que o Zé poderia reconhecer, que mesmo na pressão ela não sucumbiu.

      Só espero que se ela provar(Agora no Sesi), que merece uma chance na seleção, ele reconheça, pois ano passado ela foi reserva no Grand Prix e na Copa dos Campeões, e entrava muito bem nas inversões(Fazia lances tão bons quanto as que estavam de Titular).

      • Rodrigo Coimbra

        Realmente, no próprio Sesi quando estava voltando de lesão, fez sets como oposto muito bem… nas quartas contra o Praia, fora que na hora do aperto em partidas importantes (semi: Molico, final: Unilever) o Talmo sempre a botava para virar bolas, acredito que nesta temporada ela se sairá melhor, sem lesões.

    • perikito

      A Daroit tem lapsos de uma grande atacante, só que desde que ganhou visibilidade em times grandes, como Amil e Sesi, nunca fez nada de mais.

      • Rodrigo Coimbra

        Não acho que a Priscila Daroit tenha feito uma temporada catastrófica no Amil não, muitas vezes salvou o time isso sim e no ataque, Daymi e principalmente Vasileva que foram contratadas para definir ficaram aquém, apesar do ZRG ter insistido para ela ser a passadora do time. Já no Sesi teve a infelicidade de se lesionar.

    • Fernando

      Desculpe Daniel, mas não posso deixar de comentar: que asneira enorme!
      A Daroit é uma boa jogadora, mas teve suas chances em 2013 e desperdiçou.
      No Sesi bancou quase que a temporada toda.
      Uma jogadora que nunca provou nada, nem em clubes, imagine seleção.
      Pra ela brigar com Tandara, acho que só nascendo de novo.

      • Rodrigo Coimbra

        Desculpe, mas no mesmo Torneio de Montreux ano passado a mesma Priscila foi campeã sendo destaque da seleção. Isso em 2013!
        A Priscila Daroit bancou no Sesi por ter se lesionado e não voltou no auge da forma, não sei se vc sabe mas antes da lesão era a segunda maior pontuadora, entre as 10 melhores bloqueadoras, apenas não é uma passadora nata… nenhum demérito pois Tandara, Natália e Gabi tbm não tem o passe como principal fundamento. E convenhamos, hoje a Tandara é a principal jogadora de bolas altas na ponta mas Monique, Andrea, Natália, Gabi etc etc a Priscila tem cacife pra buscar sua vaga!!!

    • Edu

      Claudinha esta fora da lista do ZRG, por hora, para qualquer possibilidade de convocação.Ela entrou na lista negra do ZRG(junto com a Fernandinha que já se declarou resignada com qualquer possibilidade de seleção) .Só volta a seleção se sobrar na próxima superliga.Além do que uma das exigências da Carol Albuquerque para ficar no Sesi foi ter prioridade como titular no inicio dos trabalhos da próxima temporada.Claudinha começa, então, no Sesi como banco.

      • Rodrigo Coimbra

        A Claudinha tem toda possibilidade de brigar com a experiente Carol pela titularidade. Para mim ela fez milagres no Amil com passe horríveis de Natália, Michele, Tandara e insistência do técnico em manter a central Walewska como passadora, enfim…
        Outra que merecia chance era a ponteira Suelle, já que a seleção sofre neste fundamento.

  • Cesar

    Cadê a Suelle? O Brasil precisando desesperadamente de uma passadora…

  • andré L.

    o zé roberto ainda vai quebrar a dani, seja no rendimento ou fisicamente mesmo. a levantadora so teve uma ‘folga’ no ano passado pq se lesionou. era pra investir mais em fabiola ou tiemi, especialmente no montreux, justamente para o caso de algo ocorrer. mas, vamos esperar.

  • Wasley

    Eu confesso estar bem decepcionado com o rendimento da Camila Brait no torneio de Montreux. Sei que a seleção, como um todo, não esteve com a relação bloqueio-defesa satisfatório, mas, em alguns momentos, parecia que a Camila estava mal posicionada na defesa, que sempre foi o seu melhor fundamento, errou alguns passes importantes de contra-ataque e até de recepção. Eu acho que o José Roberto deveria dar uma chance para a Léia, que foi consistente na equipe do Pinheiros na última temporada. Ela não tem bagagem internacional, mas eu a usaria para revezar com a Fabi na posição. Se a Camila não mostrar serviço, corre o risco novamente de não ir às Olimpíadas. Acho que uma jogadora como a Jaqueline poderia ser polivalente o suficiente para fazer a posição de líbero, caso ocorresse algum problema com a Fabi, liberando-se, assim, uma vaga para outra posição.
    Ao meu ver, a Thaísa e a Fabiana são titulares absolutas, mas acho que poderia haver um revezamento com as duas outras centrais. Eu acho que não há vaga garantida para a 3ª e 4ª centrais. A Carol evoluiu muito na posição, mas deveria ter mais oportunidade na seleção, especialmente agora, no Grand Prix, para saber se tem condições, apesar da baixa estatura para a posição, de jogar bem contra equipes altas (acho que o torneio de Montreux não foi suficiente para uma avaliação definitiva). Acho que o José deveria dar uma chance para a Mara, que jogou bem pela equipe do São Caetano.
    Acho que o José Roberto ainda tem dúvidas sobre qual seria a melhor levantadora para fazer par com a Dani Lins neste ciclo olímpico. Eu acho que a Fabíola não fez uma boa temporada no Molico. Nem acho que seja tão imprecisa nos levantamentos, mas acho que não faz uma leitura de jogo favorável. Eu acho que parte da culpa pela queda de performance da Thaísa no Molico nos últimos jogos da Superliga foi da Fabíola, que a utilizou em momentos equivocados, com bloqueio oposto duplo marcado e com bolas menos precisas que o habitual. Até mesmo no torneio de Montreux isso aconteceu. A Ana Tieme talvez seja uma possibilidade de troca. Eu acho que se a Ana Tieme vingar, ele não mexerá mais na posição até as Olimpíadas, exceto se lesões ocorrerem. A última coisa que ele desejará é ficar fazendo testes nesta posição até às vésperas das Olimpíadas, como ocorreu no último ciclo. Gosto muito da Macris, mas acho que ela deveria primeiro participar de jogos pela equipe de “novas” ou seleção B antes de chegar de cara na seleção adulta principal.

    • Edu

      Thaisa recebeu diversas bolas limpas com bloqueio baixo e colocou para fora .No ultimo confronto contra o Sesi foram três seguidas na sequencia.Teve uma primeira fase da temporada soberba.Na segunda, caiu demais.Diria, desmoronou.Pela autonomia e força interna que tem dentro do Molico se espera sempre muito mais de sua parte.E precisa assumir isso em vez de revirar os olhos e bufar de insatisfação em certas situações de jogo.Concordo que a Fabíola nessa temporada teve dificuldades na leitura de jogo.Brait, em 2014, tem tido uma temporada abaixo da media.No torneio de Montreux, como unica libero no grupo, isso ficou mais visível.A posição de libero e a que tem mais evoluído nos times de fora.Junto com o saque forçado a libero tem feito muito mais a diferença no voleibol profissional moderno que se pratica hoje.

  • Wasley

    A posição de ponteira é a mais delicada da nossa posição. As nossas melhores passadoras desta lista do José Roberto são a Jaque e a Fernanda Garay. Embora a Gabi e a Natália sejam excelentes atacantes, o passe das duas, especialmente da Natália, foi decisivo para a derrota do Brasil contra a Rússia no torneio de Montreux. As duas ainda não podem atuar juntas. Eu não sei se houve algo entre o José Roberto e a Priscila Daroit para ele não tê-la convocado mais. Antes da lesão no joelho, era a maior pontuadora do Sesi na Superliga, com um ótimo saque e um ótimo bloqueio, bom ataque e passe mais regular que a Gabi e a Natália. Aliás, a Pri, em dupla com a Garay, conseguiu vencer o Torneio de Montreux. A Suelle é uma ótima passadora, que veio de uma fratura no ombro e uma boa temporada. Se melhorar mais no ataque e no bloqueio, pode ser outra opção.
    Já para a posição de oposta, Sheila e Tandara são imprescindíveis. É uma pena que isso dificulte as coisas para jogadoras como a Monique e a Andréia, que também são ótimas. Espero que a Andréia possa ser aproveitada no Grand Prix. Ela é outra jogadora interessantíssima, que já foi ponteira e central. Ela pode fazer um papel de coringa, como a Valeskinha fez nas Olimpíadas de Pequim. Quanto mais jogadoras polivalentes, melhor em caso de algum afastamento por lesão.

    • José

      Jaque, desde que volte a ter a mesma desenvoltura de antes da gravidez, o que, infelizmente, requer um pouco mais de tempo, tempo esse que não é suficiente até o começo do Grand Prix e Mundial. Assisti alguns vídeos do treinamento da seleção em Saquarema, pelo site da CBV e acompanhei o torneio de Montreux. Achei a jogadora muito longe de forma física ideal para ser convocada. Gosto muito da jogadora, torço por ela, e acredito que vai voltar a ser a “Jaque” que brilhou na final olímpica de Londres. Mas, repito, isso requer tempo. Gosto muito da Natália e da Gabi. Essa última até se garante mais no ataque, mas infelizmente, ambas estão deixando muito por desejar no quesito passe, mesmo assim concordo em serem convocadas. Agora, diante do ocorrido em Montreux, a presença da Suelle era essencial. Além da boa atuação na superliga (digo boa, não é uma jogadora completa) deu muito bem conta do recado no mundial de clubes. Em comparação com as outras possibilidades, acredito que ajudaria a regular o passe e deixaria as viradas de bola para as centrais, oposta e para a outra ponteira. “Passe na mão da levantadora é mais de meio caminho andado para pontuar.”

      OBS: também gosto do jogo da Pri Dairot, mas é outra que também precisa se recuperar. Ficou mto tempo parada e nos últimos jogos da superliga e mundial de clubes que ela entrou, ela não foi bem.

  • Osmar Cordeiro

    Pelo momento a Carol merecia está entre as 14 , se for pela experiência a Juciely pode entrar no lugar . Eu acredito que o Zé deva levar 4 centrais , se tirar uma central a Monique entraria como opção e daí a Tandara exerceria a dupla função , mas pelo jeito a Tandara seria a substituta da Sheila . Levantadora a Fabíola deve ser a preferida .

  • Mário

    Esse cara tá só preocupado em conseguir e acumular títulos – e já começou mal neste ano de mundial. Não dá chance a novas jogadoras, não “descobre” ninguém. Há quase uma década, depois de ter jogado Mari para a ponta, assim como fez com Natália, comprometendo as duas, não deixa haver sombras pra oposto,por exemplo. Vejam a Rússia, a Itália, os EUA, a China. Jovens, principalmente esta última equipe, quase todas com mais de 1,90. Sem falar em Cuba, que se realmente juntar novamente seu plantel espalhado pelo mundo…adeus futuro! E basta as adversárias estudarem muito esta seleção, que depende das meios (o que é um absurdo porque só falam de jogadoras de composição), para detonarem com a gente. A última formação convincente e absoluta foi de 2008. Com Mari e Paula compensando o criticado passe, com a verdadeira função de atacantes – que como o nome diz, é atacar e derrubar bola. Que o digam as cubanas. Que o digam a Fofão. Vôlei é jogo de equipe. Mas cada um tem que fazer a sua parte. E não estar em quadra somente pela amizade ou sei-lá-o-que com o técnico e sua equipe! Lamentável.

  • Edu

    Não me surpreendi com a exclusão da Angelica no grupo, que na minha opinião não é uma jogadora de seleção, e que ficou na maioria das vezes fora da relação de banco no torneio de Montreux e da Natália(Praia), por precisar de um tempo mais aprimorado de adaptação natural aos treinamentos no grupo.Mas jogadora de enorme vontade e principalmente garra.Se perdeu a oportunidade em testar as levantadoras adicionais em Montreux, dando folga a Dani nesse estágio.Dani me pareceu cansada e não fez um torneio exemplar.Poderia se usar as levantadoras reservas nas partidas contra a Suiça quando vencia fácil os dois sets e depois da eliminação das semis nas partidas contra a Republica Dominicana e Japão.Anda faltando um certo tato ao ZRG para lidar com essa situação.No ano passado pediu desculpas a Fabiola e reconsideração para voltar a seleção depois do constrangimento do corte na véspera da Olimpíada e da forma como ele foi efetuado.Detalhes podem ser apreciados no Youtube numa entrevista ao Bandsports.Consequencia que se mostrou desastrosa e não se concluiu de forma calamitosa pelo florescimento da Dani,Agora anda expondo sua insegurança a respeito das levantadoras.Convocou a Tiemi mas a Fabiola foi relacionada nos jogos mais importantes em Montreux. Poderia ter poupado esse clima colocando ambas em igualdade de condições para disputar a suplência de forma justa nesse torneio.Brait foi mais visada por ser a unica libero naquela delegação.Como fez um torneio regular ,na melhor das considerações,entrou no radar da desconfiança com a convocação da Leia.Concordo que com o histórico de campeonato da Ivna hoje ela merecia estar entre as relacionadas .

  • Rafael pais fernandes

    1) Dani jogou o Montreaux pq quis. JRG daria uma folga, mas ela disse que nao queria ficar muito tempo longe do Sidao. Por isso, saiu do Mundial e foi direto pra Saquarema. Enquanto isso, as outras tiraram ferias!

    2) pra mim, Ana Tiemi e Fabiola são superiores a Claudinha. Nao acho tão injusta a sua ausência na lista.

    3) Daroit foi nem titular no SESI, bancando pra Suelle e Dayse. Nada mais a declarar sobre a comparação dela com a Tandara.

    4) a outra vaga de ponteira e da Michelle. Ela saiu pra por silicone e volta pra seleção!

    • Edu

      Em grupo de seleção significa não ceder espaço.Dani tem que se acostumar que vai deixar de conviver sob o mesmo teto do namorido a partir de agosto.No ano passado pediu dispensa dessa fase inicial e a seleção ganhou tudo o que disputou.Se for participar, demonstrando visível cansaço de final de temporada e um mundial de clubes sem especial destaque que viesse sobrando.Não comprometeu , como não se destacou.Por pessoas que convivem com o casal sabem que ela é absolutamente louca,no bom sentido, pelo namorido.Encerrado o momento TV Fama.

  • Gregorio

    eu acho que a seleção ta começando a renovar tarde demais quero ver nas olimpiadas de 2016 vai com esperanças algumas, sem chances do jeito que vai indo o voleibol mundial crescendo a cada dia com EUA, RUSSIA, ALEMANHA, SÉRVIA,CHINA renovadas vai ficar dificil se o brasil num colocar as novatas pra jogar desde agora novatas eu digo num e so o JRG colocando duas pra mesclar a experiencia com juventude eu digo todas montar um time so de novatas , nao vai dar conta mais tarde futuramente, pois bem pra se ver no montreux o brasil perdeu para o time B da russia que nem contava com gamova sokolova imagina o estrago que nao seria as duas juntas com aquela juventude que ganhou do brasil a russia ta com time muito organizado novo e que pode surpreender qualquer um.

  • Lukas

    Muito bem falou o Logan sobre o possível motivo da dispensa voluntária da Bia. Central jovem, mas de muita qualidade e personalidade. Treinar com o JRG pra quê? Pra não ser utilizada nos jogos? Pra ficar assistindo do banco? Ah peraí, ninguém vai pra um torneio passear. Ana Tiemi foi testada? E por aí vai. Jogar a culpa em cima dos outros é fácil, difícil mesmo é reconhecer os próprios erros, as próprias deficiências (caso da Claudinha levantadora). E a Suellen (líbero)? Defendeu muito em 2013, já em 2014 nem pareceu na lista de convocadas (o quê é mais relevante pra ser convocado? A forma física ou a dedicação?). Torço pela Jucielly no meio, é mais rápida e mais forte que a Adenisia e ainda bloqueia muito! JRG tem um poder de acabar com as boas características de algumas jogadoras. O caso da Sassá é um deles. Era a única jogadora da seleção que sacava bem o viagem forçado. Daí ele a colocou pra sacar balanceado e não surtia tanto efeito, daí nunca mais sacou da mesma forma. Waleuska na recepção??? Waleskinha (quando na seleção) nas pontas??? Fernandinha, desconhecida por aqui foi pra Londres e Fabíola que estava no barco há anos foi descartada assim??? Renovar que é bom nada, mas INVENTAR é com ele mesmo. Sorte nossa em Londres foi que mesmo contra a vontade dele a Garay que nem ele colocava fé assumiu a posição da Paula Pequeno por lesão e mostrou a grande jogadora que era mesmo não sendo tão alta. Altura é importante sim, mas não é tudo pois sempre tivemos safra de boas jogadoras com estatura baixa, a exemplo de Waleskinha, Sassá, Lelia Barros, Fofão em suas respectivas posições. Esperamos uma apresentação melhor no GP mesmo porque estaremos com força máxima!

MaisRecentes

Joelho afastará Gabi das quadras



Continue Lendo

As primeiras transmissões da Superliga na TV



Continue Lendo

Vaivém: Thaisa jogará a Superliga



Continue Lendo