Liga Mundial: Cuba sem alguns titulares. Medo de deserção?



A lista de 14 jogadores para a estreia de Cuba na Liga Mundial surpreendeu pela ausência de vários titulares na campanha do vice-campeonato mundial.

Estão fora o central Simon, que era o capitão do time, o levantador Hierrezuelo e o ponta Leal.

Oficialmente, os dirigentes caribenhos citam vários motivos para a ausência dos jogadores: problemas físicos, baixo rendimento escolar e faltas em treinos.

Mas, nos bastidores, comenta-se que Cuba está com medo de uma nova deserção em massa durante uma das viagens da Liga Mundial. Durante o último Campeonato Mundial, escrevi uma reportagem para o LANCE! sobre a pressão que alguns cubanos estavam recebendo na Itália para desertarem. 

Além de oferta salarial milionária, carros e apartamento, a tática usada por alguns clubes italianos é o convencimento partir dos próprios cubanos que já fugiram do país e atuam na Itália atualmente. Em Verona, por exemplo, vi de perto dirigentes do Trentino, acompanhados do atacante Juantorena, sondando Simon. Mas os dirigentes cubanos estão escaldados e há tempos reforçaram a segurança do elenco. Tanto que o assunto é proibido entre dirigentes e atletas.

Certo apenas que o fenômeno Leon vai disputar a Liga e agora como capitão. Difícil saber o que esperar deste time desfalcado.



MaisRecentes

Coluna: O Brasil queria receber os Pré-Olímpicos de vôlei. Mas…



Continue Lendo

Coluna: Minas e um dia histórico para o vôlei nacional



Continue Lendo

O tremendo desafio de Minas e Dentil/Praia Clube no Mundial



Continue Lendo