Jogos às 22h e sem TV aberta na semi



A pergunta feita por alguns de vocês nos últimos comentários está respondida.

Pela tabela das semifinais da Superliga feminina está descartada a transmissão desta fase pela Rede Globo. O SporTV é o único canal citado pela nota oficial da CBV.

Para piorar teremos jogos no “gostoso” horário das 22h em todas as rodadas.

Confiram:

PRIMEIRA RODADA DA SEMIFINAL

3/4 (SEXTA-FEIRA) – Camponesa/Minas (MG) x Rexona-Ades (RJ)
LOCAL/HORÁRIO: Arena Minas, em Belo Horizonte (MG), às 22h
TRANSMISSÃO: SporTV

4/4 (SÁBADO) – Sesi-SP x Molico/Nestlé (SP)
LOCAL/HORÁRIO: Vila Leopoldina, em São Paulo (SP), às 11h30
TRANSMISSÃO: SporTV

SEGUNDA RODADA DA SEMIFINAL

9/4 (QUINTA-FEIRA) – Rexona-Ades (RJ) x Camponesa/Minas (MG)
LOCAL/HORÁRIO: Tijuca Tênis Clube, no Rio de Janeiro (RJ), às 21h30
TRANSMISSÃO: SporTV

10/4 (SEXTA-FEIRA) – Molico/Nestlé (SP) x Sesi-SP
LOCAL/HORÁRIO: José Liberatti, em Osasco (SP), às 22h
TRANSMISSÃO: SporTV

TERCEIRA RODADA DA SEMIFINAL – *Se necessário

14/3 (TERÇA-FEIRA) – Sesi-SP x Molico/Nestlé (SP)
LOCAL/HORÁRIO: Vila Leopoldina, em São Paulo (SP), às 19h
TRANSMISSÃO: SporTV

17/3 (SEXTA-FEIRA) – Rexona-Ades (RJ) x Camponesa/Minas (MG)
LOCAL/HORÁRIO: Tijuca Tênis Clube, no Rio de Janeiro (RJ), às 22h
TRANSMISSÃO: SporTV

 

 



  • Junior

    Uma pena, mas já era esperado pela baixa audiência dos jogos, não dá para querer que um campeonato com um nível técnico tão baixo mantenha os mesmo números das temporadas anteriores, que com a exceção da final feminina foram muitos bons.

    • Thiago

      Desacordo amigo. Não acho que seja pelo nível técnico do campeonato. Acho que é mais devido a uma cultura. É complicado pra uma pessoa que não tem TV fechada, de repente aparece um jogo. Se essa pessoa não tem o habito de assistir os jogos, não acompanha a historia do campeonato, pra ele a partida não é interessante. E fora o horário. Quem pode assistir TV em pleno sábado pela manha? São poucos, ainda mais não tendo uma cultura em passar jogos pela manha.
      Sou a favor de TV aberta. Mas ela só sera sucesso em ibope quando tiver uma cultura de transmissão.
      Horários na grade tem. Por exemplo sábado as 10hs e as 22 hs. Melhor que zorra total e desenho.

      • Junior

        Se a audiência caiu até entre quem está acostumado a assistir vôlei, não há a mínima chances de captar novos usuários.

      • Mauricio Diniz

        Perfeita sua colocação Thiago.
        Como se diz : “Televisão é hábito”.
        Não adianta passar um jogo por temporada e achar que o nível de audiência vai ser alto.
        Deveria ter horários fixos: sábado de manhã e a tarde pelo menos.
        Vamos ser se a Band com as transmissões dos jogos da Seleção possa – quem sabe num futuro bem próximo – transmitir a Superliga.

  • daniel

    Para mim os horários estão ótimos, poderei assistir a todos os jogos.

  • Billy

    Fazer o quê né!? Mas quem realmente é amante do vôlei assiste em qualquer horário(até de madrugada-isso pros mais fanáticos,lógico).O que se poderia esperar dessa porcaria de tv BURROSO(ops…Globo)? Eu particularmente não assisto quase nada lá e não me faz falta nenhuma.Estou torcendo por uma final(inédita) entre Sesi e Minas,quem sabe…Abraços.

  • Diogo

    É compreensível que esse jogos as 22 horas sejam para a maioria desconfortantes, mas para pessoas que fazem faculdade, assim como eu, são excelentes, pois dá tempo de chegar e ainda assistir a esses jogos e torço muito que sejam excelentes jogos, pois o vôlei é um esporte fantástico e merece jogos de alto nível. Lamentável mesmo é não ter a transmissão na tv aberta, pois muitos, que gostariam de assistir, não tem acesso aos canais da tv a cabo.
    Daniel, vc sabe alguma informação sobre a band voltar a transmitir o vôlei?

    Abraço!!!

  • ALINE

    Vôlei cada vez mais tarde, antes era 2130h, agora já passou para 22h. Daqui a algum tempo, vai ser só depois da MEIA-NOITE em PLENA MADRUGADA!!!
    Algo tem que ser mudado para que o TEMPO DE JOGO DO VÕLEI não seja TÃO VOLÁTIL. Um 3×0 pode durar pouco mais de uma hora de jogo, ao passo que um 3×2 pode passar de 2 ou 3 h de jogo. Essa indefinição de quando pode terminar o jogo vai tirando cada vez mais espaço do VÔLEI nos MELHORES HORÁRIOS!!!

    • Alô, Fox Sports! Alô, Esporte Interativo! Vamos mexer os pauzinhos?

  • CBV já deveria ter rompido com o SporTV faz tempo!
    Se a Superliga quiser ser prestigiada, teria que ser organizado por uma liga independente, que por sua vez depende da boa vontade dos clubes.
    E, por fim, acertar com outra emissora de TV, de preferência aberta.
    Nada contra o Fox Sports, mas ver vôlei em TV aberta certamente ajudaria na popularização do esporte, algo que parece ter diminuído.

  • Mari

    Para mim não interfere em nada.
    Dose é saber que a Globo fez a palhaçada de não aceitar a final em três jogos e não ter passado jogo nenhum durante a temporada inteira.
    Ai na final vai ser aquele chato do Luiz Carlos Jr. explicando todos os fundamentos do vôlei.

    • Não sei quem é o mais chato, se é o Galvão ou o Luiz Carlos.
      Sincera e honestamente, gostaria de ouvir Téo José ou Marco de Vargas narrando vôlei alguma vez na vida.
      Pra isso, terei que esperar a Olimpíada.

  • jose herbert arujo

    O mais interessante é que a própria rede globo desmerece a superliga, produto que ela mesma comprou. Por que?assistam aos telejornais dessa emissora e irão vem que em nenhum deles sai uma materia por menor que seja das semifinais da superliga, com a exceção do globo esporte, que sai um notinha, mas aí já era demais se não comentasse. Ou seja, pra muitos que nao sao ainda acostumados com transmissoes de volei, continuarão desacostumados, pois a globo nao tem o menor interesse em divulgar outros esportes que nao seja o futebol. O futebol eles transmitem os jogadores nos vestiários ate a saida deles dos estadios. E olha que as olimpíadas estam bem aí. E cadê divulgação pra mostrar ao povão que existe outros esportes tão emocionantes e cativos ou mais que o futebol. Mas não é conveniente pra ela.

    • Defendo a ida da Superliga para outra emissora, seja ela E+I, Fox Sports, Band, Rede TV!, todas menos Globo.

  • jose maria

    A Rede Globo não se preocupa com a Superliga Feminina, imagina com a transmissão da final da Superliga B, que ocorreu neste domingo em Bauru(29.03), e não houve transmissão.
    Pelo que me parece, esta é a porta de entrada para a Superliga Principal e a detentora dos direitos não dá a minima.

    • jose herbert arujo

      oh Jose, é claro, a rede bobo, ops, globo, nao é boba, ela sabe do potencial do volei e como cresceu no Brasil e ela quer manter o monopolio do futebol no país, então ela prefere comprar os direitos, guardar e nao deixar ninguem transmitir, pois com certeza outra emissora transmitindo iria tomar uns pontinhos em sua decadente audiência além de mostrar ao povão o quão é emocionante o voleibol, quanta rivalidade e história tem a superliga e por aí vai, ou seja, que há vida além do futebol, entendeu?imagina vc que há poucos dias das olimpiadas veja se no decadente jornal nacional sai alguma notinha sobre qualquer outro esporte olímpico?nada, nadinha. e o pior é que a globo é tida como referência, então os outro veículos de comunicação a copia e nada nada nadinha noticias sobre as semi da superliga.

  • Osmar Cordeiro

    Uma pena , na temporada passou se não me engano todos os jogos da semi final masculina e o segundo jogo do feminino foi transmitido pela Globo . Assisti o jogo do Treia x Molfetta com o Ricardinho como titular num site que exibe todos os jogos , vejo os ginásios cheios , bateria , buzina e outros equipamentos que são proibidos aqui nos nossos ginásios . Cada ano q passa a nossa Superliga está ficando esquecida , como sempre falo pra quem não acompanha o campeonato e vê o último jogo com ginásio lotado pela Globo imagine que o campeonato é desse jeito o ano todo .

  • jose herbert arujo

    A rede globo nao é boba, ela sabe do potencial do volei e como esse esporte cresceu no Brasil e ela quer manter o monopolio do futebol no país, então ela prefere comprar os direitos das superligas A e B, guardar e nao deixar ninguem transmitir, pois com certeza outra emissora transmitindo iria tomar uns pontinhos em sua decadente audiência(da globo) além de mostrar ao povão o quão é emocionante o voleibol, quanta rivalidade e história tem a superliga e por aí vai, ou seja, que há vida além do futebol, entendeu?imagina vc que há poucos dias das olimpiadas veja se no decadente jornal nacional sai alguma notinha sobre qualquer outro esporte olímpico?nada, nadinha. e o pior é que a globo é tida como referência, então os outros veículos de comunicação copiam ela e nada nada nadinha de noticias sobre as semi da superliga.

  • SPORTS IN THE WORLD

    Os horários não chegam a ser um problema para os fans do voleibol assistirem aos jogos nem nos Ginásios é muito menos na TV. O grande problema, problemaço mesmo é o monopólio exercido pela TV Globo com a complacência da idiota da CBV. Em 1988/89 a Liga Nacional, atual Superliga, os campeonatos eram um sucesso de público nos ginásios e na TV e o Brasil não era campeão olímpico no feminino e no masculino. E sabem o que acontecia? O público presente pagava o ingresso, além da TV Globo, tinha a TV Educativa, atual TV Brasil, a TV Manchete e a TV Bandeirantes a BAND e sabem que horas que jogavam os play offs da final? AS 10 HORAS DA MANHÃ, verdade minha gente e com publico de mais de 20 mil pessoas no ginásio como já falei, pagando cada um seu ingresso. Como se explica tudo isto é hoje com o Brasil campeão mundial e olimpico não temos nada disso. Daniel o que digo é verdade ABSOLUTA e pode ser CONFERIDO na própria CBV, nos relatórios destas competições e nas TVs que citei em gravação de vídeos destes jogos. Eu mesmo possuo vários vídeos desses jogos. Bons tempos.

  • SPORTS IN THE WORLD

    O governo tem que acabar com este monopólio da Globo. Se a CBV não tem vergonha na cara e não respeita os milhares de fans do vôlei que existe no País, a presidência da república através do ministério das cominicações devia acabar com este nocivo monopólio da Globo. Isto é uma questão pública. Vejam o que a Globo faz com o desfile das campeãs do carnaval do Rio de Janeiro, ela não passa e não deixa as outras emissoras passarem. Agora o desfile do carnaval ela passa e mesmo assim a 1ª escola só assistimos em video tape após o capítulo da novela. Para não falar da péssima locutora Fátima Bernardes (devia morrer no JN) no como apresentadora e como locutora ela é PÉSSIMA! Acabem com este monopólio pelo amor de Deus e pelo bem do vôlei, antes que a Globo e os Manda chuvas da CBV acabem com ele.

  • O blogueiro mala voltou com tudo no R7. Disse que o Minas foi longe demais, e que o Rexona é favorito pra levar a vaga. Ora pois! Todos nós sabemos que o favoritismo está com o time carioca, mas como diria um jogador de futebol (não me lembro quem é o autor do ditado), “jogo é jogado e lambari é pescado”. Nos últimos jogos do Rexona, vi muitos comentários no Twitter de torcedores do time carioca preocupados com a linha de passe do time, já dizendo que as ponteiras (principalmente a Gabi) caíram de rendimento. Isso pode ser um ingrediente a mais para os jogos, pois se as ponteiras do Rexona caíram de rendimento, as do Minas vêm em crescente. Jaqueline dispensa comentários. Mari PB pode não estar tão efetiva no ataque quanto a Jaque, mas tem feito boas participações na defesa. Fofão, do auge dos seus 45 anos, já não tem a mesma condição física de quando tinha 20, 25. Naiane está em melhor condição do que ela, só precisa lidar com isso. Pra finalizar, só lembrar do que aconteceu na temporada passada, onde o franco-favorito Osasco tropeçou no próprio favoritismo frente ao Sesi-SP e ficou fora de uma final de Superliga feminina depois de 13 anos.

MaisRecentes

O novo conceito da FIVB para 2018



Continue Lendo

Apenas Lebes/Canoas faz o dever de casa na rodada



Continue Lendo

Um líder por pontos ganhos. Outro por pontos perdidos



Continue Lendo