Irregularidade custa caro para o Brasil no Japão



Uma atuação com muitos altos e baixos rendeu ao Brasil a segunda derrota na Copa dos Campeões. Nesta manhã, revés diante do Japão, dono da casa, por 3 sets a 2, parciais de 25-18, 25-27, 25-16, 16-25 e 15-6.

Reparem bem nas parciais vencidas pelas japonesas para uma melhor compreensão da irregularidade brasileira na terceira rodada da competição.

O resultado praticamente acaba com as chances de título do Brasil no último torneio do ano. Na abertura da rodada, a China derrotou a Coreia por 3 a 0, com direito a um set vencido por 25-4 (!?!) e segue invicta. São oito pontos da atual campeã olímpica, com o Brasil agora em quarto lugar com cinco, mesmo número de Japão e Estados Unidos. O time de José Roberto Guimarães ainda terá pela frente coreanas e americanas e não depende exclusivamente das próprias forças para encerrar 2017 com o quarto título em quatro competições.

Natáia foi a maior pontuadora brasileira: 15 acertos (FIVB Divulgação)

Natáia foi a maior pontuadora brasileira: 15 acertos (FIVB Divulgação)

Contra o Japão, o ataque esteve muito abaixo do esperado. Em alguns momentos faltou obediência tática das jogadoras. Em vários outros o problema foi impaciência. Vejam alguns números: Tandara colocou no chão 11 de 41 bolas. Natália recebeu 36 e pontuou em 13. Rosamaria fez 6 em 24, Monique 5 em 14 e Gabi nenhum em cinco (atuou apenas no primeiro set). No total o time verde-amarelo fez 54 pontos no fundamento, dez a menos do que as adversárias.

Zé Roberto colocou para jogar todas as opções na ponta e na saída de rede. Também mexeu na posição de líbero, com Suelen entrando no lugar de Gabi.

O Brasil, inclusive, correu o risco de perder em sets diretos. No segundo set, esteve atrás em 24 a 20. Reagiu após um erro de ataque no Japão no primeiro match point e com a inversão do 5-1 em quadra (Naiane no saque e Monique na rede). Mas a incrível reação não fez o time manter na sequência as rédeas da partida.



MaisRecentes

Joelho afastará Gabi das quadras



Continue Lendo

As primeiras transmissões da Superliga na TV



Continue Lendo

Vaivém: Thaisa jogará a Superliga



Continue Lendo