Invictos e pelas vítimas da chuva



Já disse antes e volto a dizer. O vôlei deve fazer boas ações sempre. E quando elas acontecerem, terão espaço aqui. Abaixo, o release do jogão entre os líderes da Superliga feminina e que vai ajudar as vítimas das chuvas no Rio de Janeiro.

A Unilever, do técnico Bernardinho, e o Pinheiros/Mackenzie, dirigido por Paulo Coco, as equipes com melhor campanha nesta Superliga, estarão frente a frente nesta quinta-feira. O confronto entre os dois únicos invictos na competição, válido pela décima rodada, está marcado para as 18h30, no Maracanãzinho. Além de ser um clássico, o confronto tem outro diferencial: faz parte dos Jogos da Solidariedade, promovidos pela Unilever com o objetivo de arrecadar donativos para as vítimas das enchentes na região serrana do Estado do Rio de Janeiro.

Líder com 18 pontos (nove vitórias), a Unilever conta com a segunda maior pontuadora da competição, a oposto Sheilla (155 pontos), como um dos trunfos contra o Pinheiros.

– Costumo me preparar da mesma forma para todos os jogos, independentemente do adversário. O Pinheiros vem jogando certo e tem feito boas apresentações. Não podemos errar – diz Sheilla.

O técnico Bernardinho classifica o jogo contra o Pinheiros como uma batalha difícil. Para ele, o adversário tem feito partidas irretocáveis, enquanto seu time alterna momentos de altos e baixos.

– Nosso ataque não está funcionando como eu gostaria. O sistema ofensivo ainda está abaixo das expectativas – acrescenta o treinador.

A líbero Fabi acredita que os dois próximos Jogos da Solidariedade – contra o Pinheiros/Mackenzie e o Sollys/Osasco – serão um importante teste para as pretensões da Unilever na competição.

– É uma semana duríssima. Vamos medir nossas forças em quadra e também no quesito solidariedade. Desde já, convoco a torcida para incentivar o nosso time e ajudar as vítimas das enchentes. É bom poder dar a nossa contribuição por meio do esporte.

Bernardinho aproveita para também incentivar os torcedores a comparecem ao ginásio do Maracanãzinho.

– Certamente, será um grande espetáculo e contamos com a nossa torcida. Quem for, estará contribuindo para as vítimas das enchentes, uma causa urgente e que precisa do engajamento de todos nós.

Os ingressos custarão R$ 2,00 (mais uma garrafa de água de 1,5 litro ou um quilo de alimento não-perecível) e estarão à venda na bilheteria 2 do Maracanãzinho a partir das 14h30, quatro horas antes do início do jogo. A Unilever também vai dar sua contribuição, dobrando a quantidade de produtos arrecadados. No sábado (29/1), também no Maracanãzinho, a equipe Unilever volta à quadra para mais um Jogo da Solidariedade, contra o Sollys/Osasco, no último confronto da primeira fase da Superliga.

Nas partidas solidárias estará valendo a promoção de entrada gratuita para os torcedores que apresentarem o cartão do Metrô pré-pago, com créditos. A equipe Unilever solicita apenas que, quem puder, não deixe de levar também um donativo. Ao término da partida, todas as doações arrecadadas no Maracanãzinho serão entregues à Secretaria Estadual de Esporte e Lazer, que se encarregará de encaminhar os donativos às cidades atingidas pelas chuvas na região serrana.

No primeiro jogo solidário realizado pela Unilever em favor das vítimas das chuvas da região serrana, no dia 15 de janeiro, contra o Brusque, no ginásio do Tijuca, foram arrecadados 3.500 itens, entre produtos de higiene pessoal, água, leite, alimentos, roupas e calçados. No total, a Unilever já doou mais de 49 toneladas de produtos, fora os itens arrecadados.



  • GELBER

    CORAÇÃO APAIXONADO, PORQUE QUE SUSPIRA TANTO?

MaisRecentes

Vaivém: Mais um reforço em Bauru



Continue Lendo

Vaivém: Marcelinho fecha com o Fogão



Continue Lendo

Coluna: As “polêmicas” da semana



Continue Lendo