Goiânia no lugar do Rio como palco da Liga das Nações



A cidade de Goiânia vai receber a etapa brasileira da Liga das Nações, na versão masculina, em junho.

O acordo foi oficializado em um encontro de Radamés Lattari, diretor executivo da CBV, e Marconi Perillo, governador de Goiás. Renan Dal Zotto, técnico da Seleção Brasileira masculina, também esteve presente no evento.

No lançamento da competição pela Federação Internacional, no mês passado, a Jeunesse Arena, no Rio de Janeiro, aparecia como a sede da etapa brasileira.

Consultada, a CBV explicou a mudança: “a opção pelo Rio aconteceu dentro de uma exigência de prazos regulamentares.
Mas, depois disso, Goiás fez uma proposta muito boa. A FIVB não viu problemas e aprovou imediatamente a troca de sede”.

Os jogos em Goiânia pela Liga das Nações serão contra Japão, Coreia do Sul e Estados Unidos e acontecerão entre 1 e 3 de junho.

Abaixo os grupos anunciados pela FIVB, em fevereiro, ainda apontando o Rio como sede do Grupo 6, no segundo fim de semana de disputas.

Em inspeção realizada na cidade, dias atrás, a CBV pediu melhorias na iluminação e na cobertura da Goiânia Arena. O local já teve problemas com goteiras em dias de chuva.

O ginásio, inaugurado no início da década passada, tem capacidade de aproximadamente 11.500 pessoas.



MaisRecentes

Coluna: O Brasil queria receber os Pré-Olímpicos de vôlei. Mas…



Continue Lendo

Coluna: Minas e um dia histórico para o vôlei nacional



Continue Lendo

O tremendo desafio de Minas e Dentil/Praia Clube no Mundial



Continue Lendo