Gamova diz adeus ao vôlei



A russa Gamova anunciou nesta quarta-feira o fim da carreira.

Duas vezes campeã mundial e medalhista olímpica de prata em outras duas ocasiões, a oposto de 35 anos surpreendeu ao oficializar a decisão.

A gigante Gamova se aposentou (FIVB/Divulgação)

A gigante Gamova se aposentou (FIVB/Divulgação)

– Eu gostaria de agradecer todos os meus fãs, técnicos que participaram do meu desenvolvimento como atleta, minha família que sempre me apoiou. Eu não posso disputar a Olimpíada pela minha condição de saúde. Tomei a decisão de parar nos últimos dias. Foi difícil, mas creio ser o certo – disse Gamova, reforçando que a comissão técnica russa também discutiu bastante sua participação ou não na preparação da seleção russa para a Rio-2016.

Gamova virou um símbolo “antibrasileiro”, participando de dolorosos momentos para a Seleção nos Mundiais de 2006 e 2010, além dos Jogos Olímpicos de 2004, em Atenas. Nunca fez questão de esconder que não gostava das jogadoras brasileiras e sentia um prazer a mais ao batê-las em jogos importantes.

Ela chegou a dar um tempo do esporte depois de perder para o Brasil nas quartas de final dos Jogos Olímpicos de Londres. Mas ela acabou voltando para a disputa do Mundial de 2014, mas já não era mais a mesma atacante de outros tempos.

Gostem ou não, Gamova foi referência numa geração russa marcada pelo tamanho e força física. Muita gente teve pesadelos com os 2,02m da oposto.

PS: Após publicação da nota vi que Sokolova, outro ícone do vôlei russo, também anunciou a aposentadoria. Alegou problemas físicos e não poder acompanhar o ritmo de jogadoras em melhores condições.

 



MaisRecentes

Lucarelli oficialmente fora do Mundial



Continue Lendo

Rússia fatura torneio preparatório para o Mundial



Continue Lendo

Brasil deixa a desejar no primeiro amistoso contra EUA



Continue Lendo