Finalmente Sesi vence a primeira na Superliga feminina



Aleluia! O Sesi saiu do zero na Superliga Cimed Feminina, na noite desta sexta-feira, na sétima rodada do returno.

O time da capital paulista derrotou, em casa, o São Cristovão/São Caetano, de virada, por 3 sets a 1, parciais de 19-25, 25-23, 25-23 e  25-22.

O fim da série de 17 derrotas consecutivas na competição foi um alívio para o Sesi.

– Estava muito difícil entrar em quadra, lutar e não conseguir garantir uma vitória, mas agora, graças a Deus, nós vencemos. Estamos fazendo um trabalho de formiguinha com cada uma dando o máximo de si – disse Domingas, maior pontuadora com 23 acertos e eleita a melhor em quadra.

Sesi e Renata Valinhos estão nas últimas posições (Amanda Demétrio/Divulgação)

Realmente é difícil entender, aqui fora, a pressão que as jogadoras do Sesi vinham sentindo. Certamente o psicológico estava bem abalado com o decorrer da série de resultados negativos.

O triunfo, porém, não tirou o Sesi da lanterna da Superliga. Com apenas quatro pontos, o time paulistano está três atrás do Renata/Valinhos e a seis do BRB/Brasília, décimo colocado. Uma tarefa bem difícil para o time comandado por Rodolfo Lino. Olhando para a tabela, então… Na próxima rodada, o Sesi enfrentará o invicto Dentil/Praia Clube, em Uberlândia. Na sequência, outros jogos fora, contra o Pinheiros, na briga por vaga nos playoffs, e o Vôlei Nestlé, de olho no terceiro lugar. Na última rodada, despedida como mandante contra o Fluminense.

Vale lembrar que, nesta temporada, os dois últimos na classificação serão rebaixados para a Superliga B.

 



MaisRecentes

O “Fora, Bolsonaro!” virou mais um incêndio



Continue Lendo

12 anos. Mas parece que foi ontem em Pequim



Continue Lendo

Unir concorrentes mostra o tamanho de Rodrigo Rodrigues



Continue Lendo