Falta pouco para acabar a Copa…



Levante a mão quem viu Brasil 3 x 0 Argélia?

Admito que não estou entre os heróis da resistência.

Como imaginado, um jogo baba, que quase não serve como parâmetro para analisar as mudanças. Tandara, Adenízia e Juciely, pouco utilizadas na Copa do Mundo, foram titulares. A oposto foi o destaque, ao anotar 21 pontos. O número deve ser valorizado, já que, descontando os 20 erros das argelinas, o Brasil anotou um total de 55 pontos, com Tandara sendo responsável por 38% deles.

O resultado não mudou em nada a posição do time brasileiro, que segue em sexto, agora oficialmente sem chance de ficar em terceiro lugar, já que a China cumpriu a obrigação e fez 3 a 0 no Quênia.

Vale destacar na rodada a vitória das americanas sobre as italianas por 3 a 1. O resultado, além de garantir a vaga olímpica, colocou a seleção dos EUA na liderança e perto do título da Copa.  Na rodada decisiva, a Azzurra terá o Quênia pela frente, enquanto os Estados Unidos jogarão contra o Japão, que disputa com a China o terceiro lugar.

Em um próximo post, para felicidade dos torcedores do Sollys/Nestlé, vou destacar a ótima Copa do Mundo disputada pelo oposto Hooker.



  • Mauricio

    Novamente: UFA! Mas um UFA de que essa Copa do Mundo está acabando. O Brasil não jogou tão bem no primeiro set, não foi arrasador, mas ganhou o jogo. E isso é o que importa (????).

  • Rafael B.

    Eu assisti!!! hehehe
    Gravei o jogo na madrugada e vi antes de ir ao trabalho!

    Abaixo vou listar algumas impressões que tive e observações do jogo, a parte de toda a deficiência técnica da Argélia:

    – Tandara foi a dona do jogo! Maior pontuadora, além de ser a atacante (59,28%)e bloqueadora mais eficiente (1,33 bloqueios/set). Também apareceu bem na defesa e no saque!
    – Neste jogo, o melhor fundamento do Brasil foi o saque. Tandara e Sassá enfiaram a mão no viagem e, por várias vezes, quebrou a recepção da Argélia e gerou pontos com bolas de cheque na rede. Tandara ainda fez uma longa sequência de saques forçados e sem erro no 2o. set.
    – Dani Lins não jogou tão bem e Fabíola idem. Fico impressionado com a quantidade de largadas das nossas atacantes. Acredito que isso é sinal ou de bloqueio adversário bem postado, ou de bola mal levantada.
    – Fabi errou além do normal na recepção.
    – Paula foi a menor pontuadora: anotou 4 pontinhos, sendo 1 de bloqueio e 1 de saque.
    – Juciely e Adenízia, tão criticadas por serem “baixinhas”, vão MUITO alto! Por curiosidade olhei o alcance delas no site da FIVB: no ataque elas vão a 3,12m, atrás apenas de Fabiana com 3,14m e Thaisa com 3,16m; no bloqueio a dupla chega a 2,90, contra 2,93m de Fabiana e 3,01 de Thaísa. Ou seja, quem ler estas informações está proibido de criticar a altura delas… rsrsrs

    Torço para que o Zé mantenha este time na última partida e dê rodagem a estas meninas!!!

  • Marcio

    Sera que o ZRG vai de time reserva contra a Rep Dominicana?

    • Diogo (Oz)

      Do jeito que ta jogando a ‘De La Cruz’ e as vitórias sobre Sérvia + Alemanha, acho difícil.

  • Diogo (Oz)

    Eu não assisti o jogo contra Argélia, porque estava assistindo o jogo EUA X ITA, que tava acontecendo no mesmo horário.

    Na minha opinião o destaque fica com Berg, porque ela soube fazer os levantamentos, graça a boa recepção. Jogada que destaco, foi: Berg estava mais para saída de rede, chamando a Akinradewo para atacar china, bloqueio acreditou na finta e Hooker apareceu saltando da linha dos 3 (também na saída) sem bloqueio!

    Esse jogo teve um pouco de tudo: Berg bloqueando a Del Core, as reservas do EUA dançando Kuduro e Arrighetti levou uma bolada na cara no ataque da Bown (Thaisa, se morda de inveja). Uma verdadeira obra prima…

  • Joao Paulo

    Só faltou a Camila Brait no lugar da Fabi…. Se é pra testar, vamos testar quem realmente interessa… A Fabiana apesar de instável, ainda faz jogos muito bons… Já a Fabi….:S

  • Afonso (RJ)

    Vi o VT completo pelo SporTV. Diferentemente de outros jogos, muito editados, tanto contra a Argentina quanto contra a Argelia, eles passaram sem cortes.

    Concordo com o Rafael B. (acima) quanto a Tandara ser o nome do jogo, tanto que levou o prêmio de melhor jogadora. Concordo também que o saque brasileiro melhorou muito, mas graças aos “saques viagem” da Tandara e da Sassá, ambas reservas, diga-se de passagem. Fabizinha também andou errando várias vezes na recepção, mas a Camilinha Brait também deu uma “furada” (pode-se argumentar com razão que ela está sem ritmo de jogo).

    Mas o que interessa, é que esse jogo não serve como parâmetro. As argelinas mostraram muito pouco de voleibol, não oferecendo resistência praticamente nenhuma.

    Aliás, esses três últimos jogos podem servir para testar umas jogadoras e dar ritmo para outras, e levantar o moral e a autoestima do grupo.

    No entanto, podem dar uma falsa impressão que as coisas vão bem, e que o Brasil reencontrou o seu jogo. É bom lembrar (que eu saiba) que o Brasil não vai participar de mais nenhuma competição importante até as Olimpíadas, ou seja, o Brasil não vai enfrentar mais nenhuma equipe de ponta até lá (corrijam-me se eu estiver errado). Podem até ser feitos amistosos, mas como dizia Neném Prancha: “Treino é treino, jogo é jogo”.

    Esse mundial foi a última oportunidade de realmente testar a seleção, e as meninas – convenhamos – não se saíram nada bem. Agora, creio que só nas Olimpíadas. Torço muito pelas meninas, confio no trabalho da comissão técnica e mantenho as esperanças, mas confesso que lá no fundo acendeu uma incômoda luzinha amarela.

    • Diogo (Oz)

      Não Afonso vai ter o Grand Prix ainda, dia 8 – 24 Junho.

    • Mauricio

      Afonso, o Brasil tem o Grand Prix 2012, uma preparação para as Olímpiadas, como foi em 2008.

      Aliás, a tal Copa Panamericana, que também foi no México neste ano, era a seletiva para o Grand Prix 2012 e que o ZRG não queria perder a vaga, como foi ano passado para este ano (Em 2010, o Brasil não conquistou a vaga, ele só participou da competição este ano porque foi convidado).

      • Afonso (RJ)

        Obrigado aos dois pelos esclarecimentos. Fiquei até um pouco mais otimista (a luzinha amarela ficou um pouco mais pálida 🙂 )

  • graça

    Agora é tarde… Não vale mais nada… Várias jogadoras assistiram à COPA DO MUNDO passar sem ter as devidas oportunidades… Agora que não vale mais nada que ele(Ze´Roberto) dá chance a elas? TARDE DEMAIS… ZE´muito lento!!!

  • graça

    Com ITALIA e EUA com passaportes já garantidos para LONDRES/2012. A disputa para a ÚLTIMA medalha(BRONZE) vai pegar fogo entre CHINA, ALEMANHA e JAPÃO.
    Chances: 1.ALEMANHA: precisa vencer a CHINA por 3×0 ou 3×1 e torcer para derrota do JAPÃO contra EUA.
    2.JAPÃO: Tem que vencer os EUA e torcer para ALEMANHA derrotar a CHINA.
    3.CHINA: Se vencer a ALEMANHA tá no podium, se perder vai depender da combinação de resultados.
    O BRONZE vai ficar bem para qualquer uma das 3 equipes: JAPÃO, ALEMANHA ou CHINA, que fizeram uma EXCELENTE COPA DO MUNDO! Porém gostaria que ficasse com o JAPÃO, pelo excelente TORNEIO que realizaram, como sempre deram um SHOW de ORGANIZAÇÃO, e a torcida super-educada, mas muito vibrante: os japoneses são fanáticos por vôlei e investem muito no esporte, estão de parabéns! Tomara que consigam o BRONZE!

  • graça

    Daniel anote aí: o IRAN vai ser uma grande surpresa na COPA DO MUNDO masculina, o time sempre foi EXCELENTE de BLOQUEIO e ATAQUE, porém pecava no sistema defensivo. Agora com o espetacular PAPA-TITULOS JULIO VELASCO no comando, a garatoda do IRAN vai dar uma salto de qualidade. AGUARDEM!!!

  • @alcidesxavier

    Muito bem vamos falar de coisas boas, já que essa Copa frustou a todos inclusive os apostadores do “Bolão” rs! Sollys/Osasco não se intimidou com a troca da Natalia pelo maior rival, e fez a melhor contratação de todos os tempos, agora é só o Luizomar saber treinar e montar o time para retomar o título perdido! #GoSollys !!!

MaisRecentes

Dentil/Praia Clube e Sesc abrem vantagem



Continue Lendo

Corinthians faz melhor jogo na Superliga



Continue Lendo

Coluna: A imprevisível Superliga feminina



Continue Lendo