Falando em Dínamo Krasnodar…



Marcelo Fronckowiak vai substituir o argentino Javier Weber no comando da equipe masculina.

O brasileiro, que já fez bons trabalhos na França, anos atrás, terá uma boa oportunidade no mercado russo.

Para os cariocas, uma má notícia, já que ele batalhou até o fim para a manutenção de uma equipe no Rio de Janeiro, após o sucesso do RJX numa temporada e retirada do patrocínio das empresas de Eike Batista no outro. Com a saída de Fronckowiak, se enterram mais um pouco as já remotíssimas chances de termos um time de ponta na cidade olímpica em 2014/2015.

 



  • Renan

    Daniel, foi divulgado em alguns sites, inclusive no ESPN, q a CBV tentou naturalizar o Leal. Contudo, o pedido teria sido negado pela FIVB. Vc esta sabendo de alguma coisa? Porque a federaçao negaria, uma vez q temos tantos jogadores naturalizados por ai?

    • Fabio

      A CBV não consultou a FIVB sobre a possibilidade de naturalização, mas sim se ele poderia ser integrado a seleção imediatamente após obter a cidadania brasileira, o que não é possível porque o atleta só é elegível dois anos após a naturalização, que seria às vésperas de Rio 16, deixando-o fora de grande parte da preparação. A CBV tinha esperança que esse tempo não fosse necessário porque ele já ficou 2 anos parado após deixar a seleção de Cuba.

      • Renan

        Fábio, Obrigado pelo esclarecimento!

  • Bruno

    Vai tarde…Não vai fazer falta alguma…

MaisRecentes

Joelho afastará Gabi das quadras



Continue Lendo

As primeiras transmissões da Superliga na TV



Continue Lendo

Vaivém: Thaisa jogará a Superliga



Continue Lendo