“Está ficando sem graça”. Milton Leite resume a vitória da Unilever



O narrador Milton Leite, do SporTV, resumiu bem a vitória incontestável da Unilever sobre o Vôlei Futuro por 3 a 0 (25-17, 25-13 e 25-15), em Araçatuba, na abertura do playoff semifinal.

A declaração foi dada na reta final do terceiro set, após um sequência de três bloqueios das cariocas. No total, foram 19 acertos neste fundamento, uma marca incrível para um jogo de apenas três sets, ainda mais contra um rival do mesmo quilate.

Para quem não viu o jogo, um resumo. O Vôlei Futuro pecou no passe, no saque, no ataque, na defesa, no levantamento, demonstrou abatimento e nenhum poder de reação.  Já a Unilever sacou com eficiência, desperdiçou poucos contra-ataques, jogou quase sempre com o passe na mão, o que é fatal para quem tem Fernanda Venturini no levantamento, e ainda defendeu com muito volume. Por fim, bloqueou horrores.

Venturini levou o Viva Vôlei, mas eu daria para Regiane, talvez a menos badalada das titulares de Bernardinho.

Vale lembrar também que o Vôlei Futuro ainda não havia perdido em casa na competição. Escolheu uma péssima hora. Pior. De uma forma até vergonhosa.

Depois do que vi hoje, diria que o time carioca tem uma mão e meia na vaga na decisão.



  • Paula

    Daniel, estou muito triste. SAbia que seria dificil, mas perder desta forma eu não podia nem imaginar. Elas começaram bem até o quinto ponto, depois foi ladeira abaixo. Eu ainda não estou conseguindo acreditar. O que adianta a torcida acreditar nas jogadoras se elas mesmas não acreditam. Elas conseguiram jogar pior do que no primeiro jogo contra o Unilever. Nem parecia semi-final. Decepção total! Só espero que o masculino não pregue uma peça dessa também.

  • Afonso (RJ)

    O vôlei normalmente é um esporte em que acontecem poucas zebras. Quase sempre ganha o melhor. Quando duas equipes se equivalem, geralmente o jogo é decidido no detalhe. Mas de vez em quando, principalmente no feminino, acontecem surpresas. E esse jogo foi uma delas. Acho que nem o mais fanático e otimista dos torcedores do Unilever poderia prever o que aconteceu hoje em Araçatuba.

    Eu previa um jogo duríssimo, com ligeira vantagem para o Volei Futuro. Estava errado. Assistimos a um jogo em que dava tudo certo para o time carioca, enquanto do outro lado víamos um time falhando em todos os fundamentos, literalmente perdido em quadra. Honestamente não sei explicar o que aconteceu com o time de Araçatuba, mas acho que um dos fatores foi a eterna indefinição entre as levantadoras, e principalmente a insistência com a Stacy, que ficou de fora em inúmeros jogos “fáceis” e foi colocada eu diria até que meio no fogo, em jogos mais complicados.

    De qualquer forma, ainda não tem nada decidido, e eu ainda acredito que o próximo jogo aqui no Rio não vai ser tão fácil quanto esse. O time do Volei Futuro tem craques, jogadoras de brio, e acho que ainda tem condições de endurecer ao extremo as coisas para o time carioca.

  • robert rj cidade de deus

    A regiane do unilever já provou que também pode ser uma jogadora de seleção brasileira..
    Me diga qual ponteira da seleção tem um aproveitamento no bloqueio como o dela?NENHUMA..
    E outra é lamentável ver que a sheila é a melhor sacadora da superliga com esse saque chapado,já esta mais que na hora do volei femenino brasileiro produzir mais jogadoras que sacam bem o “viagem mais forçado” já perdemos vários campeonatos por esses motivos!
    Daniel oque você acha?

    • Daniel Bortoletto

      segredo do saque em um time é mesclar forçado com tático. O da Sheilla é, sim, muito eficiente.
      mas acho mesmo que é preciso que tenhamos atletas que usem o viagem forçado

      • Afonso (RJ)

        Me permitam meter a colher: O Fenerbahçe arrasou o Cannes na final da eurocopa, e sua maior arma foi o saque. Logan Tom e Kim, com saque viagem forçado fizeram um estrago total na recepçãp do time francês. Foi o maior número de “aces” que já vi numa partida profissional. Aqui fica a dica principalmente para o pessoal que lida com a formação das atletas.

        • robert rj cidade de deus

          A SELEÇÃO FEMENINA ATUAL COM A FERNANDA VENTURINI HOJE SERIA O GRANDE TIME A SER BATIDO NESSAS OLIMÍADAS CONCORDA COMIGO?(apesar de saber que dificilmente ela vai ter outra oportunidade).

          • Cintia

            O saque será o grande diferencial das olímpiadas, mas muitas jogadoras não “podem” mais sacar viagem por causa das contusões, Sheilla é uma delas, e conseguiu adaptar bem o saque chapado, até Sassá que tinha uma patada nas mãos hoje só saca tático.

  • Luiz

    Eu sabia que isto iria acontecer. O Saque do Unilever não entrava desde o jogo contra o próprio VF, no jogo em que a derrocada da Unilever começou. Eu sabia que o time iria se reencontrar.
    O pior de tudo foi ver a Paula Pequeno se escondendo do jogo. Logo ela que no ultino jogo mandou todos aqueles “Vão tomar no c…”. Para falar besteira, tem que se garantir. Ninguém é surdo mudo, mas sabe muito bem fazer leitura labial. Quem tomou, Paula?

  • Adriano

    Numa situação como essa, acho que dá pra ser categórico, sem medo. O negócio é que os times contratam, todo ano pinta essa história de “Ah, dessa vez vai ser diferente”, mas não adianta. Unilever e Sollys continuam exercendo uma superioridade gigantesca sobre os seus adversários. Alguém achava que tinha como um jogo dessas semifinais ser mais desproporcional depois do 25 x 7 do Sollys no Minas? Não? Pois é, mas tinha.

    Os dois velhos rivais se encaminham pra disputar a oitava final consecutiva. E o pior é que essa bola tava cantada faz tempo. Acho que quem espera emoção pra essas semifinais, é bom migrar pro masculino.

    Já a final, essa, sim, acho que vai ser de encher os olhos.

    • Luiz

      Eu não vejo a coisa de forma tão drástica assim. Faltou ao Vôlei Futuro feminino uma levantadora, uma líder – vejam o que o Ricardinho significa para o masculino. A Fofão estava no mercado, com pontuação Zerada (já que vinha de un time de fora), mas mesmo assim o Vôlei Futuro pensou em economia, e não brigou por ela. Algo que eu realmente não entendo, já que o clube havia acabado de “se livrar’ de três dos salários mais altos do mercado: Lucão, Fabiana e Leandro Vissoto.
      Eu entendo que os milhões do Ricarinho pesam um pouco, mas uma equipe nova não pode perder oportunidades. O contrato do Ricardo acaba agora no final da superliga, ele acha que a renovação é garantida, mas se tratando da diretoria do Vôlei Futuro nada é garantido. E olha que eu sou torcedor do clube e tenho moral para bancar o que estou falando.
      Quem quer ser grande, e TEM DINHEIRO para isto, NÃO PODE PENSAR DUAS VEZES. TEM QUE CONTRATAR OS MELHORES.

      • Adriano

        Luiz, eu concordo que o VF marcou bobeira em não ir atrás da Fofão, mas eu realmente não acho que uma peça – por mais importante que seja, como é uma levantadora, e ainda mais do quilate da Fofão – faria diferença. O time que chegou mais perto de impedir a final Unilever/Sollys nos últimos anos foi o São Caetano, em 09/10, que tinha um timaço, inclusive com Fofão e com jogadoras que hoje formam a base do Unilever. No papel, era bem mais time que o Unilever. O que aconteceu? O que acontece sempre, o time não passou.

        A meu ver, o buraco é bem mais embaixo. Você vê Unilever e Sollys ao longo dos anos mudando radicalmente suas estruturas, trocando de jogadoras importantes, a Unilever perdendo a Fabiana, Sassá, Thaísa, o Sollys perdendo Paula, Natália, etc., e ainda assim eles dão um jeito de se reinventar. Daí, as grandes jogadoras saem desses times, vão pra outros e os outros nunca rendem tanto quanto Unilever e Sollys, por melhor que o trabalho seja feito. A questão, pra mim, se responde em 2 pontos:

        1)Unilever e Sollys chegaram num patamar monstruoso de TRADIÇÃO no vôlei brasileiro. A camisa pesa demais, e eles já estão acostumados a disputar as finais, enquanto todo ano sempre aparece uma terceira força tentando desafiá-los. Espero longa vida ao Vôlei Futuro, mas o que temos visto nos últimos anos é a impaciência dos patrocinadores, que, quando não derrubam a hegemonia dos dois grandes em 1 ou 2 temporadas, logo desistem. Aí fica bem mais difícil.

        2)A Superliga é polarizada entre dois times que disputam o título. Ok, tem outros bons times, que às vezes ganham deles, e tudo mais. Mas não basta. A única forma de efetivamente impedir a manutenção da hegemonia dos dois é quebrar com essa estrutura. O que isso quer dizer? Que não basta aparecer UMA terceira força que roube jogadoras dos dois times e um ou outro bom time que faça frente, mas não tenha condições de disputar o título de igual pra igual. Tinha que ter pelo menos uns três outros times, além de Sollys e Unilever, que investissem no mesmo nível, pra repartir de um jeito mais parelho as jogadoras da seleção.

        Tô cansado de escutar os caras falarem todo ano, nos últimos 3 ou 4 anos, que essa é a melhor Superliga da história. Não é, pô, claro que não é. Acham que a gente é idiota? Voltem pro fim dos anos 90, início dos anos 00, quando você tinha as jogadoras de seleção espalhadas por cinco ou seis times, cada um com uma estrangeira ao menos, todas brigando por título. Entre 1997 e 2003, a Superliga teve 6 campeões diferentes em 7 temporadas. Isso era uma disputa interessante, em que realmente não se sabia como seria o fim do campeonato. Bem diferente de hoje em dia (e falo isso sendo torcedor da Unilever. Quero sempre que meu time ganhe, como qualquer torcedor, mas reconheço que é um tédio absoluto sempre saber quem são os finalistas.)

        Em suma: seria ótimo que o time que quer ser grande contrate os melhores, como você falou. Mas não adianta esse time ser só um. Podem Sollys e Unilever perder suas principais jogadoras esse ano, que na temporada que vem eles dão um jeito de se reinventar.

        É fatalista, sim, mas os últimos 8 anos têm sido assim, não houve mudança.

        • César Castro

          Adriano, gostei do teu comentário, muito sensato.

          Agora, olhando mundo afora a coisa não é muito diferente não. Na Itália, durante muito tempo só dava Bergamo e Pesaro. Na Turquia, o Fenerbahçe hj não tem nem quem perturbe. Na Rússia, são três times e o resto é figuração. No Azerbaijão, também.

          O vôlei feminino mundial é um clube com poucos participantes relevantes e com poucas ligas de real expressão.
          As ligas de pontas mais internacionalizadas (hoje, Turquia, Azerbaijão e Itália) levam as jogadoras mais talentosas de países sem liga forte (cubanas, americanas, alemãs, tchecas, polonesas, etc) e mais algumas estrelas de países com ligas fortes que querem se aventurar, ganhar mais dinheiro ou mais prestígio (Sokolova, Fabiana, etc.)
          De resto, as ligas fortes com baixa internacionalização (Rússia, Brasil), acabam dividindo entre duas ou três equipes as jogadoras-base de suas seleções mesclando com jogadoras de menor expressão.
          Em suma, o que quero dizer é que mundo afora as coisas não são muito diferentes, não.

  • nani

    O que eu vi hj, PRIMEIRO uma escalação errada do time, o Paulo Coco da o trofeu viva volei a LIBERO Vere no ultimo jogo e escala a Stacy, como??????……..O time deveria ser o que termino o confronto contra o Praia clube, isso era claro. O time estava apatico, nem parecia uma final. SEGUNDO a joycinha não rende nada, contratar uma oposta urgente p proxima temporada. Nem a temporada passada, que o time tinha saido de um acidente jogou tão mal como hj essa semifinal, o mackenzie deu mais trabalho ao Unilever que o VF, isso não deveria acontecer……….Concordo com vc DANIEL, chegou a ser vergonhoso………..Quem esta de parabens é TORCIDA, essa sim fez sua parte, apoio ate o final……….Ja considero um adeus do VF a superliga, torcer pelos meninos do VF e que venham com a garra de sempre……….Lorena sim é um oposto que decide!!!

    • marcos monteiro

      Paulo Coco é fraco.Sempre é engolido táticamente pelo Bernardinho.

  • Rafa

    Vocês não têm noção do quanto eu ri quando o Milton soltou essa!!
    Enfim, fiquei decepcionado com o Vôlei Futuro e impressionado com a Unilever…

  • eu amo volei

    volei futuro não entrou em quadra e conseguiu ser pior que o Minas contra o Osasco.
    Estamos encaminhando pra mais uma final?….

    quantos erros em todos os fundamentos.
    Carol gattaz e Joycinha falaram demais da Fe Isis em redes sociais semana passada e esqueceram de jogar.

    acho que nao teremos surpresas.

    quero mesmo eh ver o jogo do Minas X Osasco.

  • Rose

    Que decepção o time do Volei Futuro e acho que essa semi final termina sabado.

  • GRACA

    O desequilibrio do jogo tem um nome: FERNANDA VENTURINI. VENTURINI com passes A e B desestruturou psicologicamente as jogadoras do VOLEI FUTURO, usou de muita velocidade e ousadia, variando muito bem as jogadas, a habilidade da levantadora deixou o bloqueio e a defesa adversaria atordoada, literalmente batendo cabeca. Enquanto isso do outro lado o TROCA-TROCA de levantadoras serviu so’ p/ deixar as coisas ainda mais faceis…. Sinceramente: ANA CRISTINA e TIEMI juntas nao dao MEIA VENTURINI… Nao bastasse o SHOW na ARMACAO DE JOGADAS, VENTURINI foi uma LEOA na DEFESA, parou PAULA no BLOQUEIO e ainda atacou bolas de segunda INDEFENSAVEIS! Foi a MVP da partida pelo CONJUNTO DA OBRA, mas principalmente por ter DESETRUTURADO o time do VOLEI FUTURO psicologicamente… O resto do time sob a lideranca de VENTURINI teve uma atuacao de GALA, o bloqueio tocou na maioria das bolas, com a defesa nao tinha bolas perdidas e o ataque, na maioria das vezes encontrou caminho livre com o BLOQUEIO DO VOLEI FUTURO QUEBRADO pela agilidade de VENTURINI. REGIANE E JUCIELY foram os destaues no bloqueio, SHEILA a seguranca nas boals dificeis, FABI perfeita no PASSE e na DEFESA, VALESKINHA tranquilidade e experiencia no passe, MARI errou alguns passes, mas marcou presenca no bloqueio e no ataque… ANA CAROLINA teve participacao excelente com seu saque destruidor, JU PERDIGAO e ROBERTA entraram muito bem na inversao do 5X1 e foram as responsaveis por fechar o primeiro e o segundo SETS… E BERNARDINHO deu de MIL a ZERO no PAULO COCO, estudou muito bem o adversario e anulou suas jogadas, todas as substituicoes do BERNARDINHO foram OPORTUNAS e surtiram MUITO EFEITO: melhor tecnico do mundo, sem duvida!!!

    • Afonso (RJ)

      Só correção do que provavelmente foi um lapso: Ju Nogueira e Roberta na inversão do 5×1, e não Ju Perdigão como está no texto.

  • emanuella

    Foi humilhante, acho que as derrotas fizeram muito bem para o Rio, parecia time adulto contra juvenil, um banho de bola em todos os fundamentos.

    Sycora joga porque o time se sente culpado pelo acidente, não tem cabimento, não é mais a mesma jogadora de jeito nenhum.

    acho que a final será a mesma de sempre, muito bom isso.

  • Guga

    Ontem, eu credito grande parte da responsabilidade da Derrota, do jeito que foi, ao Técnico.. Escalou muito mal a equipe, pq ele insiste tanto, mesmo nessa fase onde o erro nao eh toleravel, na Stacy?? ela comprometeu demais o passe, que ja nao eh la grande coisa no VF… Ele tambem demorou muito pra tirar a Joycinha, e mesmo assim ela voltou no outro Set p errar mais ainda, o VF tem chances sim de ganhar os dois jogos.. +acho muito dificil

    • marcos monteiro

      Esse cara não conseguiu dar um padrão ao time.Desde o ano passado não conseguiu escalar um time titular.Incompetencia é pouco.Outra coisa é o Bernardinho que faz a diferença principalmente no feminino.Ou alguem acredita que Regiane jogaria sob o comando do Paulo Coco, o mesmo voley que ela vem jogando?

  • Euri

    O jogo do volei futuro foi meio que patético! Eu não sou torcedoria nem do Unilever nem do volei futuro, mas fiquei envergonhada só de assitir o jogo. Imagine os torcedores de Araçatuba. As jogadoras pareciam mais perdidas do que cego em tiroteio. Eu bem que queria ver o VF na final, mas não tem jeito não. Se essas jogadoras não começarem a jogar de verdade, vai ser de novo osasco e unilever.

    P.S. O VF precisa urgente de uma LEVANTADORA. A levantadora RESERVA do Osasco tem mais imaginação e coragem do que as duas levantadoras do VF juntas.

  • Menotti Ferraz

    ESTOU COM VERGONHA DO VOLEI FUTURO !!! PELO SEGUNDO ANO … VAI FICAR PELO CAMINHO !! PARECE DE PROPÓSITO !!! SOU TORCEDOR DO SOLLYS E ASSIM COMO TODOS, ESTERAVA MUITO MAIS DO VOLEI FUTURO !!! SIMPLESMENTE DESPREZÍVEL O JOGO DE ONTEM !!!

  • Guga

    Vergonhoso,

    Nao tem outra palavra para o que foi visto ontem, as jogadoras nao entraram em quadra, com excessão de Fernanda Garay,… Se o VF pretende realmente correr atrás de titulos, tem que fazer mudanças o quanto antes, nao se pode em um time de grande porte, ter uma Oposta que compromete tanto quanto a Joycinha anda comprometendo, duas levantadoras que na verdade nao são nenhuma, e insistência em ter a Stacy como titular… Quando vi a escalação do time, a primeira coisa que falei foi “Rio vai ganhar fácil”, como q pode dpois do ultimo jogo, deixar a Gattaz e a Vere no Banco, outro fato que chamou a atenção eh q fazia tempo q eu nao via numa SL a torcida clamar por uma Jogadora como fizeram c a Vere..

  • GRACA

    P.COCO e’ ruim mesmo, pessimo tecnico…Nao e’ pressao nenhuma de diretoria nao, o cara e’ louco mesmo, ou vcs nao se lembram que ele deixou MICHELE DALDEGAN no banco para escalar a fofinha SUELEN nos play-offs no PINHEIROS?Ele tbem deixava FABIOLA esquentando banco em algumas partidas e punha a KARINE de titular, a historia se repete com o entre-e-sai DESORGANIZADO de ANA CRISTINA e TIEMI…AGORA ele deixa SYKORA fora quase o campeonato inteiro e joga ela sem ritmo na FOGUEIRA DE SEMFINAL: E’ LOUCO OU INCOMPETENTE? Acho que ambas as coisas.

  • Rodrigo

    Fiquei impressionado com o bloqueia do time carioca!!! Não só os 19 pontos, mas quase todas as bolas, mesmo quando era ponto para o Volei Futuro, tocava no bloqueio!!! Não me lembro de ver um bloqueio tão pesado, nem lembro de um jogo de Cuba dos anos 90 com um bloqueio tão chato, tão terrível.

    Claro que o Volei futuro cometia erros bisonhos, mas não podemos tirar o mérito do time do Bernardo que tava marcando tudo e talvez por isso estava irritando as meninas do Volei Futuro.

  • Valdir

    O jogo não teve muita graça mesmo, mas é divertido ver a torcida de Araçatuba totalmente iludida achando que o VF ia atropelar a Unilever. Ler comentários da torcida do VF nos blogs de volei é diversão garantida.

  • mari diva

    Quando vai ser o jogo? Já foi? kkkkkkkkk
    VF não viu a cor da bola. Poucas vezes vi coisa parecida. Com tão pouco mostrado fica até difícil fazer uma análise.
    1. Unilever deu aula tatica.
    2. Fabi finalmente defendeu como antigamente.
    3. Tá dando pena da Sykora, tadinha.
    4. Desisto de vez da Joycinha.
    5. A dança das levantadoras no VF é uma das coisas mais irritantes na SuperLiga. É ridículo chegar a fase semifinal sem um time titular definido. Mas a situação do Paulo Coco tbm não é nada fácil. Dá raiva ver o tanto que Ana Cristina e Ana Tieme são ruins. Difícil pra gente assistir, imagina pra ele que tem que escolher entre a horrível e a péssima.

  • Simone

    Gente, se o VF fosse tão ruim assim, tão mal escalado assim, com levantadoras tão péssimas assim ele não teria classificado em Terceiro.
    Se ele é tudo isso, então o que dizer dos outros times como Sesi e Minas que ficaram atrás dele na Tabela. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    Fala sério, o jogo foi um fiasco, mas não é pra acabar o mundo também.
    Perder faz parte Daniel Bortolleto, não é vergonhoso, esporte é assim mesmo, um dia o outro pode dar um apagão.
    Vergonhoso é não lutar, é não tentar. Elas tentaram e não conseguiram, estavam perdidas com as escalação que o Paulo Coco fez.
    O mundo não acabou por isso! Ela continuam na semi-final.
    Com certeza perderão no segundo jogo, o Unilever está como sempre muito melhor dirigido, mas temos que ter respeito também, pq são atletas profissionais que também falham, e são humanas!

    • Fernando Adilio

      É vergonhoso sim…
      Um time que tem o investimento, a estrutura, um técnico que faz parte da comissão técnica levar 20 pontos de bloqueio??? Pelo amor de Deus…
      Um time com Paula Pequeno (MVP) e Garay, duas ponteiras de seleção, além de Walewska e Gattaz (tbm selecionáveis) perder por 25x 17, 25×13 e 25×15????
      Esse time tinha que ser campeão da Super Liga e fazer frente pro Fener da Turquia

      • marcos monteiro

        O Técnico é muito ruim.Lembra-se do ano passado.Ele levou o mesmo baile do Bernardinho.

    • César Castro

      Perdidas com a escalação? Tirando a Stacy, era a equipe titular. Elas não viram foi a cor da bola!!!

    • Volei (sem) Futuro

      Volei de varzia é assim, faz a festa depois é tombado!

      Enquanto isso em Araçatuba >>> comemorações pelo 1 lugar no paulista.

  • Jairo(RJ)

    O saque “chapadão” já criticado pelos comentários aqui fez uma diferença enorme. Consequência disso é a quantidade de bloqueios. Mas para lembrar, essa quantidade de bloqueios excede e muito ao que já vimos no vôlei e somente uma partida atípica nos últimos tempos apresentou tal retrospecto….

    transcrição do portalbrasilnet: No clássico do voleibol feminino entre Brasil e Itália, o bloqueio foi decisivo para a vitória das brasileiras. A equipe fez 19 pontos apenas nesse fundamento – Era o jogo do feminino pelas Olimpíadas de 2008 na China. … Lembrou disso Daniel?

    Galera do RJ, estamos convocados para Sábado prestigiarmos mais um jogão. Com certeza, o jogo de ontem já é passado, com isso o VF saberá ajustar as coisas e apresentar o padrão que esperamos das meninas de Araçatuba.

  • Luciano

    O resumo do VF feminino nesta temporada e na anterior foi a má formação da equipe. Para quem quer ser campeão é necessário saber contratar e desbancar o elenco do Sollys e a eficiência de comando de Bernardinho. Pois bem, não ocorreu isso e pode se contentar com o 4º lugar, pois o Minas grita na cara…heheh.. Na minha opinião as jogadoras que se salvam nesta equipe são apenas 3, nessa ordem. Wal (10), Fe Garay (8), Paula Pequeno (5), o restante são para completar o time, variando em notas entre 1 e 2.

  • Naty

    Alguém consegue me explicar por que o Paulo Coco escalou Ana cristina e Stacy? Será que a diretoria tem algum dedo ai? Por que não consigo entender isso….não que a Ana Tiemi esteja em uma fase espetacular, mas acho ela bem melhor que a Ana Cristina e ainda saca bem e é mais alta…..e o que adianta voltar com a Ana Cristina no 3o. set com o jogo em 22×14? é pra acabar com a Japa né……
    O bloqueio do Rio funcionou por que o passe do Volei Futuro estava horrível e com aqueles levantamentos de bolas altas ficou mamão com açúcar pro Rio bloquear uma bola atrás da outra….
    Sem falar que a Fabi tava defendendo horrores…..

  • Luiz

    E o time do Unilever? Só na “catiguria”. Penteando a bola no bloqueio, atacando na maladragem. A Mari só botou uma bola na parte laranja da quadra. De resto, só atacou na experiência, explorando. E mesmo assim em todo os contra ataques o bloque do VF corria para cima dela, mas a Fernanda soltava no meio, sem bloqueio. A Mari sem atacar tanto, deu um “preju” danado para o VF. Será que da décima vez o Paulo Coco não viu que a Fernanda estava usando a Mari para deixar o bloqueio dele louco? Que desespero! Toda hora todo mundo correndo para cima da Mari. Retrato disto foi a maneira com que a levantadora reserva da unilever fechou o set. Paula, Tiemi e Gataz correram para cima da Mari, mas a Roberta deixa a Ju Nogueira sem bloqueio na saída.

  • Sergio

    Daniel, tens alguma informação sobre a saída da Mari para o tal Campinas ( ou para qualquer outro time?). Vi em um blog, mas como não dou mt créditos ao jornalista, gostaria de ouvir a tua opinião.
    Obrigado.

  • César Castro

    Cara, que derrota humilhante!

    Parece que consertaram o velho trator Unilever!! Acho que o Luizomar amanheceu colocando as barbas de molho!!!

  • Marcos

    Fiquei extremamente decepcionado com o jogo de ontem, mas nem um pouco surpreso. E mais uma vez será Unillever e Sollys na final.

  • volei mania
  • Rodrigo

    Fico imaginando se a Natália estivesse na elenco nessa SL…

  • Lucas

    Sabe oq fica desse jogo?
    Bernardinho faz muita diferença e Venturini mesmo com 300 anos ainda será a melhor levantadora brasileira. É impressionante a diferença q ela faz nos jogos decisivos. Bota todo mundo pra jogar. Conseguiu acelerar até a Mari!!!
    Infelizmente a grande Natália não pôde jogar esse ano pois seria um aprendizado gigante pra ela receber bolas da Venturini.
    Daniel, a pergunta q fica é: Zé Roberto será humilde o suficiente para convocar a melhor levantadora do Brasil para as Olimpíadas?

    • Daniel Bortoletto

      Já escrevi aqui. Os problemas não são simplesmente um gostar do outro, ela jogar bem ou mal, um ele dar o braço a torcer ou a briga entre Bernardinho e Zé.
      Não vejo nenhuma chance de a Fernanda ir para Londres

  • eder

    para os cariocas essas era a unica vitoria neh pq no masculino ja sabem q serao derrotados

  • Cristiano Melo

    A Fernanda Venturini é fantástica mesmo! Com 41 anos e um joelho comprometido deu um toco na Paula Pequeno digno de aplausos!
    E o melhor disso tudo é que a Fernanda não fez bravatas e nem mandou a Paula Pequeno TNC!Atleta de nível é assim, joga concentrada o tempo inteiro e não tem tempo para bravatas!

    Paula Pequeno teve o que mereceu! Foi humilhada dentro de casa e nem o recurso de se fazer de guerreira foi o suficiente para esconder a jogadora limitada em que se tornou!

    O Rio de Janeiro humilhou o Vôlei Futuro com requintes de crueldade! Bem Feito!

  • Guga

    A Tabela ta muito ruim agora, o intervalo entre um jogo e outro eh algo que nao tem o pq disso, claro q tem o lance da Tv, mas nao entendo pq o jogo do Minasx Cimed ocorreu num intervalo de tempo menor do que os dos outros… era pra comecar ja sabado a semifinal no masculino, colocaria as partidas do cruzeirox SB e minasxCImed amanha ou ate mesmo ontem num horario mais cedo..

  • Bruno César

    Estou me colocando no lugar de um torcedor do VF…
    Quem é a levantadora titular?
    Por que a Stacy é escalada em todo jogo se a Verê estava jogando bem?
    Vi nos comentários algumas pessoas criticando o Paulo Cocco…
    E achei muito pouco!
    Não só pelo jogo com a Unilever mas por causa desse entra e sai de levantadoras.
    É irritante…
    E eu achando ruim de ter que aguentar o Jarbas Soares no Minas!!!
    Sobre a Fernanda Venturini comentar o que??
    Será que com essa hashtag o Zé Roberto convoca ela:
    #VENTURININASELEÇÃO
    Sonho Meu!!

  • eder

    respeito a opiniao de todos mais fernanda venturim na seleçao nau dani lins e fabiola estaum bem eu acho q o ricardinho tinha q ir pra seleçao masculina pq ele é MUITO SUPERIOR ao bruninho mais neh fazer o q é o filho do homem neh

MaisRecentes

Joelho afastará Gabi das quadras



Continue Lendo

As primeiras transmissões da Superliga na TV



Continue Lendo

Vaivém: Thaisa jogará a Superliga



Continue Lendo