Em melhor atuação no Mundial, Sada vence e é finalista



O Sada/Cruzeiro, com uma atuação quase irretocável, derrotou o Paykan, do Irã, na noite desta sexta-feira, por 3 a 0, e se garantiu na final do Campeonato Mundial.

A vitória dos mineiros, em Betim, teve parciais de 25-19, 25-17 e 25-17.

Wallace e Isac no bloqueio (FIVB Divulgação)

Wallace e Isac no bloqueio (FIVB Divulgação)

Esperava um jogo mais equilibrado diante dos iranianos. Mas o Sada foi soberano em quase todo o confronto. A virada de bola esteve mais consistente, com Wallace fazendo seu melhor jogo na competição. Leal foi o maior pontuador (16). A leitura de bloqueio com Eder e Isac também funcionou, tanto para pontuação (11 pontos) quanto para a possibilidade de contra-ataques. O sistema defensivo, comandado pelo líbero Serginho, foi outro ponto importante para a construção do expressivo resultado.

A atuação deve servir como incentivo e para o Sada ganhar confiança para jogar a difícil final de amanhã contra o Zenit Kazan, às 15h (RedeTV e ESPN). Não quero comparar o Paykan com os russos. Meu ponto é o time brasileiro acreditar e manter seu nível de atuação para poder equilibrar as ações contra um rival muito poderoso no saque, bloqueio e saque.

Ter volume de jogo, ser eficiente no contra-ataque e incomodar no bloqueio são ações essenciais para que o Sada encare o time de Leon, Anderson, Mikhaylov & Cia.

Pela circunstância da semifinal a decisão deste sábado deve ser um jogaço.



MaisRecentes

Vaivém: “Livre”, Thaisa seguirá atuando no Brasil



Continue Lendo

Jaqueline chega ao Japão para substituir Drussyla



Continue Lendo

Vaivém: Abouba espera aproveitar chance da vida no EMS/Taubaté



Continue Lendo