E os brasileiros sambaram no Sul-Americano



Os hermanos estragaram o Carnaval de Sada/Cruzeiro e Funvic/Taubaté no Campeonato Sul-Americano de San Juan.

Neste domingo, o time mineiro perdeu a final para a UPCN no tie-break, enquanto os paulistas ficaram sem o bronze com a derrota para o Lomas.

Decepção. Talvez essa seja a palavra que me ajuda a definir tais resultados. As duas equipes brazucas tinham, no papel e na qualidade do elenco, totais condições de fazer a decisão, garantindo ao país a vaga no próximo Campeonato Mundial. Não foi o que aconteceu.

UPCN comemora título (Divulgação)

UPCN comemora título (Divulgação)

Na semi, a UPCN, time da casa, não deu chances para o Taubaté. Vale abrir parênteses aqui. Desde que conquistou a Copa Brasil, o time de Cézar Douglas obteve resultados ruins na Superliga e agora conseguiu apenas o quarto lugar no Sul-Americano. Já pode ligar o sinalzinho de alerta para os playoffs que estão por vir.

O Sada, por sua vez, vinha com campanha impecável até a decisão, sem perder sets, incluindo 3 a o no confronto direto com Taubaté. Mas acabou sentindo a força dos donos da casa, que abriram 2 a 0. E isso se deve muito ao oposto Uchikov, búlgaro muito forte, que acabaria eleito o melhor jogador do torneio. Com um saque melhor, os mineiros conseguiram levar o jogo para o tie-break, mas acabaram perdendo por 16 a 14, no detalhe. Wallace, Leal e Serginho entraram na seleção do campeonato.

Vale lembrar que parte desta mesma UPCN já havia derrotado o Sada na disputa do terceiro lugar do Mundial do ano passado, no Mineirinho. Gonzales, Filardi, Ramos e Garroq são remanescentes daquele feito. Agora emendam mais um triunfo. É bom respeitar o trabalho muito bem feito por Fabián Armoa neste time de San Juan.

Para o Sada resta agora continuar negociando com a FIVB para ser a sede do próximo Mundial e assim garantir uma vaga.

 



MaisRecentes

Vaivém: Corinthians acerta várias renovações e uma contratação



Continue Lendo

Vaivém: Sesi Bauru anuncia contratação de Naiane



Continue Lendo

Jovens jogadores do Minas comemoram chance na Seleção



Continue Lendo