Dirigente morre ao jogar torneio master em Saquarema



O tradicional encontro de Vôlei Master, no Centro de Desenvolvimento de Voleibol da CBV, em Saquarema (RJ), começou neste sábado com uma tragédia. Alexandre Augusto Montenegro Guimarães, de 64 anos, sofreu um infarto fulminante enquanto jogava a primeira partida da competição de vôlei de praia e morreu.

Ele era médico, vice-presidente da Federação Paraibana de Vôlei, coronel da Polícia Militar e havia participando de todas edições da competição anual.

O transporte de Alexandre para atendimento no hospital foi feito em um carro particular. A CBV assegura que um ambulância estava de plantão no Centro de Treinamento e a escolha foi dos familiares.

Alexandre era vice-presidente da Federação Paraibana (Reprodução)

Em nota oficial, a CBV diz “ter prestado todo atendimento necessário no momento do ocorrido. O dirigente e ex-atleta foi levado ao hospital em Saquarema e, devido a uma broncoaspiração, houve a fatalidade. Neste momento, a direção da entidade está junto aos familiares de Alexandre, que também estavam no CDV”.

A fatalidade também foi lamentada na Paraíba.

“A diretoria do Clube dos Oficiais da Polícia e Bombeiro Militar da Paraíba – COPM-BM – manifesta o mais profundo pesar pelo falecimento do tenente -coronel da Polícia Militar e ex-vice-presidente do nosso clube, Alexandre Guimarães. A nossa solidariedade à família e aos amigos, e nos colocamos à disposição de todos”.

Os jogos deste sábado, pelo Vôlei Master, Superliga Cimed masculina e pela Supercopa feminina tiveram um minuto de silêncio em homenagem a Alexandre Guimarães.

LEIA TAMBÉM

+ CBV planeja ter todos os jogos da próxima Superliga transmitidos



MaisRecentes

Vaivém: Vôlei Renata terá cubano como reforço



Continue Lendo

Coluna: Temos de falar sobre Douglas Souza



Continue Lendo

Atualização do ranking mundial mostra caminhos do Brasil para Tóquio-2020



Continue Lendo