Desfalques não impedem passeios brasileiros na Argentina



A Seleção Brasileira encerrou o fim de semana de jogos em Mendoza com mais duas vitórias na Liga Mundial, mantendo sua invencibilidade.

Mesmo sem Lucão (nos dois duelos) e Lucarelli (no segundo), o time de Bernardinho passou pela Argentina sem perder sets. No primeiro confronto, nenhum susto (25-20, 25-21 e 25-15). No seguinte, uma incrível virada na segunda parcial após estar em desvantagem (21-24) e a fratura exposta no dedinho do central Isac chamaram a atenção no triunfo por 25-21, 27-25 e 25-13.

Na sexta-feira, Eder foi o maior pontuador com 14 acertos. O central que se transferiu para o Sada/Cruzeiro é um dos mais regulares na campanha na Liga até agora. Tem feito seu papel no bloqueio (melhor do Brasil nas estatísticas) e não tem decepcionado na virada de bola.

No sábado, Chupita, que foi titular na vaga de Lucarelli, teve a mesma pontuação de Eder na véspera. Uma comparação com o outro ponta titular (Dante) comprova o bom desempenho do camisa 12.  Foram 12 pontos para Chupita no ataque, enquanto Dante fez apenas três.

A imagem da fratura exposta no dedo de Isac, ao tentar um bloqueio no terceiro set, foi forte. O central, no desespero, corre para o banco de reservas e mostra a mão para o médico Ney Pecegueiro. Após o atendimento no hospital, Isac teve a articulação colocada no lugar e agora aguarda as primeiras 48 horas da contusão para saber o prazo de afastamento das quadras.

Por fim, esperava mais da Argentina, mesmo sem Facundo Conte, que foi operado recentemente. A geração tem talento, mas parece muitas vezes não jogar como time.

 



MaisRecentes

Dentil/Praia Clube confirma presença no Mundial



Continue Lendo

Seleções disputarão amistosos pelo país antes dos Mundiais



Continue Lendo

O adeus do genial genioso Ricardinho



Continue Lendo