De olho no Mundial, Sada/Cruzeiro vence outra



O Sada/Cruzeiro conheceu, antes de entrar em quadra mais uma vez pela Superliga, o difícil caminho que terá no Campeonato Mundial da Polônia, em dezembro.

O atual campeão vai estrear no dia 12, contra o Lube Civitanova, da Itália, às 17h30 (de Brasília), em Opole. No dia seguinte, no mesmo horário, o duelo será contra o Sarmayeh Bank, do Irã.

O encerramento da participação na primeira fase acontecerá no dia 14/12, às 14h30, contra o time da casa: Zaka Kedzierzyn Kozle, campeão polonês.

Os dois primeiros colocados avançarão para as semifinais, que estão marcadas para o dia 16, em Cracóvia. Na outra chave estão Zenit Kazan (RUS), Skra Belchatow (POL), Bolívar (ARG) e Shangai (CHN).

Para poder disputar o Mundial, o Sada/Cruzeiro está enfrentando uma verdadeira maratona na Superliga, adiantando os jogos que seriam em dezembro. Nesta sexta-feira, o time foi até Ponta Grossa, no Paraná, e passou pelo Caramuru, time da casa, por 3 sets a 1: 25-20, 23-25, 25-21 e 30-28.

Festa cruzeirense no Paraná (Divulgação)

Marcelo Mendez deixou Leal e Simon no banco de reservas, atuando com Rodriguinho e Éder Levi como titulares. Alemão e Fernando Cachopa ganharam espaço durante a partida e o jovem levantador acabou escolhido o melhor em quadra.

– Estamos numa sequência dificil de viagens, treinos e jogos duros. Então, se em algum momento alguma das nossas peças não estiver com o rendimento alto, acredito que quem está na suplência precisa estar preparado para dar conta do recado e entrar melhor, vibrando e puxando o time pra cima – analisou Cachopa.

Foi a quinta vitória em seis jogos dos mineiros, que lideram a Superliga com 15 pontos.



MaisRecentes

Sesi joga melhor, bate Sada/Cruzeiro e fatura Supercopa



Continue Lendo

Seleção do Mundial não premiou destaques da final



Continue Lendo

Título coloca a Sérvia no topo após frustração olímpica



Continue Lendo