Corinthians faz melhor jogo na Superliga



O Corinthians/Guarulhos realizou, na noite deste domingo, seu melhor jogo na Superliga masculina 2017/2018. Jogando em casa, o time alvinegro passou com autoridade pelo Vôlei Renata por 3 a 0, parciais de 25-20, 25-16 e 25-21.

Equilibrado em todos os fundamentos e sem sofrer apagões, o Corinthians não repetiu um roteiro de partidas anteriores: ver o adversário abrir no início dos sets e assim jogar quase sempre atrás do placar.

O central Luizinho foi o maior pontuador do confronto contra Campinas: 16 pontos (nove no ataque, três no bloqueio e quatro no saque). Com justiça ganhou o Troféu VivaVôlei Cimed. Rivaldo (12) e Mineiro (11|) vieram logo a seguir. Pelo time de Horacio Dileo, Mão e Salsa tiveram oito acertos cada. O time perdeu Leandro Vissotto, sua referência no ataque, durante o segundo set. E sentiu a ausência do oposto.

Corinthians passou pelo Vôlei Renata em casa (July Stanzioni/Divulgação)

– Hoje focamos nesta questão do início de set e os nossos contra-ataques fluíram muito melhor do que nas outras partidas. Conseguimos ter uma melhor organização, diminuir os erros. Mérito nosso que conseguiu cumprir muito bem o que nos foi proposto – comentou Luizinho

O técnico Alexandre Stanzioni aprovou a performance corintiana:

– Gostei muito da partida hoje e foi muito interessante ver a imposição de jogo que tivemos.

O resultado fez com que Corinthians/Guarulhos e Vôlei Renata trocassem de posição na classificação. O Timão assumiu o sexto lugar, com 10 pontos, um a mais do que o adversário.

– Nos apresentamos muito bem. Isso é mérito da evolução da equipe. O time vem crescendo, vem tendo mais tempo de treino e agora é disso para mais. É um campeonato dificílimo e uma vitória como essa deve ser comemorado, pois são batalhas semanais e essa semana conseguimos seis pontos (três fora de casa, contra o Maringá e três dentro de casa, contra o Campinas) que nos coloca no escalão das equipes que estão brigando por um lugar do meio para cima da tabela e isso nos dá uma tranquilidade maior de trabalho. Não acomodação, mas nos deixa melhor para a sequência do trabalho – disse o capitão Rivaldo.

Para as pretensões dos dois times, a briga é pelo quinto lugar na fase de classificação, atualmente nas mãos do Minas, com 13 pontos. No fim de semana, o time de Nery Tambeiro perdeu para o vice-líder Funvic/Taubaté por 3 a 0: 25-21, 25-20 e 25-22. Já o Sesi se reabilitou ao passar por Montes Claros também em sets diretos: 25-18, 25-17 e 25-22. Resultado que recolocou o time de Rubinho em quarto lugar, com 15 pontos



MaisRecentes

Brasil terá dupla europeia pela frente na fase final



Continue Lendo

Não dá pra achar normal jogar duas vezes em 13h



Continue Lendo

Mais seguro, Brasil vence e está nas finais da Liga das Nações



Continue Lendo