Corinthians faz melhor jogo na Superliga



O Corinthians/Guarulhos realizou, na noite deste domingo, seu melhor jogo na Superliga masculina 2017/2018. Jogando em casa, o time alvinegro passou com autoridade pelo Vôlei Renata por 3 a 0, parciais de 25-20, 25-16 e 25-21.

Equilibrado em todos os fundamentos e sem sofrer apagões, o Corinthians não repetiu um roteiro de partidas anteriores: ver o adversário abrir no início dos sets e assim jogar quase sempre atrás do placar.

O central Luizinho foi o maior pontuador do confronto contra Campinas: 16 pontos (nove no ataque, três no bloqueio e quatro no saque). Com justiça ganhou o Troféu VivaVôlei Cimed. Rivaldo (12) e Mineiro (11|) vieram logo a seguir. Pelo time de Horacio Dileo, Mão e Salsa tiveram oito acertos cada. O time perdeu Leandro Vissotto, sua referência no ataque, durante o segundo set. E sentiu a ausência do oposto.

Corinthians passou pelo Vôlei Renata em casa (July Stanzioni/Divulgação)

– Hoje focamos nesta questão do início de set e os nossos contra-ataques fluíram muito melhor do que nas outras partidas. Conseguimos ter uma melhor organização, diminuir os erros. Mérito nosso que conseguiu cumprir muito bem o que nos foi proposto – comentou Luizinho

O técnico Alexandre Stanzioni aprovou a performance corintiana:

– Gostei muito da partida hoje e foi muito interessante ver a imposição de jogo que tivemos.

O resultado fez com que Corinthians/Guarulhos e Vôlei Renata trocassem de posição na classificação. O Timão assumiu o sexto lugar, com 10 pontos, um a mais do que o adversário.

– Nos apresentamos muito bem. Isso é mérito da evolução da equipe. O time vem crescendo, vem tendo mais tempo de treino e agora é disso para mais. É um campeonato dificílimo e uma vitória como essa deve ser comemorado, pois são batalhas semanais e essa semana conseguimos seis pontos (três fora de casa, contra o Maringá e três dentro de casa, contra o Campinas) que nos coloca no escalão das equipes que estão brigando por um lugar do meio para cima da tabela e isso nos dá uma tranquilidade maior de trabalho. Não acomodação, mas nos deixa melhor para a sequência do trabalho – disse o capitão Rivaldo.

Para as pretensões dos dois times, a briga é pelo quinto lugar na fase de classificação, atualmente nas mãos do Minas, com 13 pontos. No fim de semana, o time de Nery Tambeiro perdeu para o vice-líder Funvic/Taubaté por 3 a 0: 25-21, 25-20 e 25-22. Já o Sesi se reabilitou ao passar por Montes Claros também em sets diretos: 25-18, 25-17 e 25-22. Resultado que recolocou o time de Rubinho em quarto lugar, com 15 pontos



MaisRecentes

O novo conceito da FIVB para 2018



Continue Lendo

Apenas Lebes/Canoas faz o dever de casa na rodada



Continue Lendo

Um líder por pontos ganhos. Outro por pontos perdidos



Continue Lendo