Com ajuda de reservas, Brasil vence a primeira na Liga



A Seleção Brasileira conquistou sua primeira vitória na Liga Mundial, nesta quinta-feira à tarde (não errei o dia, muito menos o horário), em Maringá. Depois de passar apuros no primeiro e segundo sets, o time de Bernardinho fechou o jogo contra a Polônia em 3 a 0 (25-23, 29-27 e 25-19).

Quem viu os momentos iniciais da partida imaginou que o time B polonês iria repetir o que fez a Itália na semana anterior, em Jaraguá. Com a mesma base titular da estreia, o Brasil falhava no passe, na virada de bola, parecia apático e sem reação… Nada funcionava, enquanto os europeus abriam larga vantagem, que chegou a 18 a 11. A virada começou a acontecer com a inversão do 5-1 (Rapha e Theo nos lugares de Vissotto e Bruninho), além de Chupita substituindo Murilo.

O ponta, um dos reforços do Funvic/Taubaté, incendiou o time e fez uma parceria interessante com Lucarelli. Ambos terminaram o jogo com 16 pontos, sendo decisivos para a construção do 3 a 0. Chupita pontuou em todos os fundamentos (sete no ataque, quatro no bloqueio e cinco aces), números bem expressivos no block e no saque, diga-se de passagem. Já Lucarelli foi o principal nome do time na virada de bola, com 14 acertos no fundamento.

Sem querer sem repetitivo, mas já sendo, acho que está mais do que provado que o momento da Seleção é testar, experimentar, ver gente que teve pouca oportunidade com a Amarelinha (outro parêntese para o uniforme todo amarelo, bem estranho)…  E pensar na construção do elenco para o Campeonato Mundial. E arrumar espaço para quem está vivendo momento melhor, seja técnico, físico ou psicológico.

 



MaisRecentes

Giovane encaminha manutenção do vôlei carioca na Superliga



Continue Lendo

Basta! Nada justifica ameaças de morte



Continue Lendo

As duas formas de ver o novo Sesi



Continue Lendo