Com 20 pontos brasileiros, Fener cumpre obrigação no Mundial



Para cumprir tabela e garantir a liderança do Grupo B do Mundial, o Fenerbance passou tranquilamente nesta quarta pelo Kenya Prisons por 3 a 0, parciais de 25-14, 25-17 e 25-11.

Mari, com 12 pontos, foi a segundo maior anotadora das turcas, atrás apenas de Seda Tokatlioglu (13, cinco deles no bloqueio). Destaque para os três aces da brasileira na partida. No ataque, colocou no chão oito de 13 bolas. Já Paula Pequeno, depois de uma estreia apagada, somou oito pontos, sendo sete deles no ataque em dez tentativas.

O Fener, que ainda não foi testado em Doha, agora enfrentará o bom Rabita Baku por vaga na final. Aí sim uma análise mais séria sobre o momento de Mari e Paula no time poderá ser feita.

Já o Sollys/Nestlé duelará com o Lancheras, de Porto Rico, rival que não deve incomodar.



  • bsb

    a final já está definida para mim, será entre osasco e rabita. o fener não está nada bem.

  • Eduardo Araujo

    Vi alguns momentos do jogo a recepção do fener esta medonha e olha que foi contra um time que treina em um presidio e não tem nenhuma profissional!!!

    O técnico do fener tem muito trabalho pela frente!!!

  • Caco

    Não sei não, hein?! Acho que o Lancheras pode surpreender! rsrs

  • Rafaelcasta

    O louco meu o fene nao perdeu o rabita sim sofreu pra ganha do time da china e voce vem falar que o fene ta ruin? se ta brincando so pode!!!!

  • Natany

    Tanto o Fener quanto o Rabita ainda não estão na forma ideal, mas vai ser um jogo bom. Não acho um bem melhor que o outro não. O Fener teve alguns problemas no passe hoje, mas o Rabita quase foi pro tie-break com o time chinês, então… acho que tá o resultado tá aberto.

  • guilherme

    Mari mais uma vez foi destaque do jogo de hoje. É óbvio que ela está em fase de entrosamento, de busca de superação dos recentes problemas… e é óbvio também que se não jogar bem contra o Rabita, muitos blogueiros vão, pra não perder o costume, pegá-la pra Cristo. Tenho certeza: ninguém vai levar em conta o tempo que ficou sem jogar, as decepções por ter sido cortada das Olimpíadas e o técnico levado jogadoras em fase muito pior que ela, e nem que o time do Fener está quase que totalmente renovado em relação ao anterior. Não é justo comparar com o Sollys, formado por jogadoras que há anos atuam juntos, se conhecem, têm ritmo e há bastante tempo estão se preparando para esta competição. Torço pra que Mari e PP joguem bem, façam o seu melhor, mas, jamais, atribuo a elas o peso de terem que vencer. Tomara que a imprensa e os blogueiros saibam separar muito bem as situações. ]que sejam coerentes e justos – visto que justiça falta muito principalmente quando se trata da Mari.

    • Luiz

      Uhul! Divou agora.

  • Juju

    Acho que o Fener coletivamente ainda não tá entrosado, a levantadora é limitada tecnicamente, mas a Seda, a Okuniewska e a Mari tão dando um jeito de atacar aquelas bolas. O time africano era bem fraquinho, mas o bloqueio do Fener é muito bom, apesar de não ser possível avaliar o nível de jogo da Mari e PP4 é bom ver que parecem bem, sem tensão, a mari até sorriu umas 02 vezes neste mundial o que é um acontecimento e tanto.

    • Mauricio

      Se a Mari sorriu 2 vezes é sinal de que ela está realmente BEM hahahaha…

      • CMA

        kkkkkk o melhor comentário é o dos sorrisos da Mari, realmente um sorriso dela é quase um milagre.

MaisRecentes

Cai o primeiro técnico após UMA rodada da Superliga



Continue Lendo

Luizomar e Rizola não conseguem vaga no Mundial



Continue Lendo

Visitantes mostram força na rodada



Continue Lendo