Coluna de domingo: Vôlei festeja Libertadores fora do SporTV



Pessoal, segue a coluna Saque publicada na edição do LANCE! deste domingo, 18 de março. No fim deste texto, um bônus especial para os leitores blog: a opinião de Renato D’Ávila, superintendente da Confederação Brasileira de Voleibol, sobre o tema.

 A entrada da Fox Sports no cenário brasileiro de televisão por assinatura, em fevereiro, ajudou, indiretamente, a Superliga a aumentar seu tempo de exposição no SporTV, agora concorrente no país do gigante das comunicações dirigido pelo bilionário Rupert Murdoch.

O importante ganho de espaço do vôlei na grade de programação se deve, principalmente, à mudança dos direitos de transmissão da Copa Libertadores do SporTV para a Fox. Sem a possibilidade de mostrar de seis a oito jogos do torneio sul-americano de futebol por semana, o SporTV, parceiro de longa data da CBV, deu à Superliga uma exposição nunca vista anteriormente. Incluindo até alguns jogos da segunda divisão, o canal chegou a mostrar, em um único dia, nove horas de vôlei ao vivo. No início dos playoffs da elite feminina, na última terça-feira, foram três jogos em sequência e quase 13 sets exibidos pelo canal.

Os patrocinadores estão rindo de orelha a orelha. O torcedor com acesso à TV fechada também. Jogadores comemoram, via Twitter, a presença constante na telinha.

O próximo passo da CBV, que ciente do produto rentável que tem nas mãos, é ganhar mais visibilidade na TV aberta. O acordo
com a Globo prevê alguns jogos pontuais da fase de classificação, além das finais masculina e feminina. Um trunfo que a CBV poderá explorar é o da audiência. No jogo entre BMG/Montes Claros e Cimed/SKY, por exemplo, a emissora carioca registrou no Ibope 5,5 pontos (no Rio, cada ponto equivale a cerca de 36 mil domicílios). Já  Sollys/Nestlé x Unilever rendeu quase 7 pontos na medição. Na comparação com o basquete,  um concorrente direto por espaço na mídia, o Jogo das Estrelas, realizado na semana passada, não passou de 4,5 pontos, segundo o Máquina do Esporte. Com a faca e o queijo nas mãos, o vôlei precisa aproveitar o momento.

Como prometido, a opinião da CBV sobre o assunto, exclusividade do blog:

“A Confederação Brasileira de Voleibol tem feito um trabalho com os clubes buscando um espaço cada vez maior dentro das televisões detentoras dos direitos de transmissão da Superliga. Isso, consequentemente, vai gerar um maior número de patrocinadores para as equipes. Temos tentado adequar o melhor dia para as transmissões, sem prejudicar os times. A CBV tem arcado com os custos das passagens dos clubes participantes procurando sempre ter uma flexibilidade na mudança dos horários. Esse é um trabalho sem fim, pois queremos cada vez mais espaço, tanto na TV aberta, quanto na fechada”



  • Afonso (RJ)

    Realmente estamos tendo uma boa quantidade de jogos transmitidos ao vivo. Mas como nem tudo é perfeito, faço uma ressalva: Os jogos podriam ser melhor distribuídos na grade. O que tem acontecido são dias sem nenhuma partida, intercalados com verdadeiras maratonas quase que impossíveis de acompanhar na íntegra, a não ser pelos mais fanáticos ou com maior tempo disponível. Mas tudo bem. De cavalo dado não se olha os dentes. De minha parte, deixo a TV ligada, mesmo que não esteja particularmente interessado no jogo, só para dar audiência 🙂

    Quanto à transmissão da libertadores, os jogos principais de equipes brasileiras estão sendo transmitidos pela Globo ou SporTV. O que me parece que saiu da grade foram os jogos entre as equipes estrangeiras, a maioria chatíssimas peladas sem vergonha sem o mínimo interesse para os torcedores daqui, a não ser por causa de eventuais mudanças na tabela que beneficiem os times brasileiros. Quem sabe pelo menos uma parcela de espectadores que às vezes por absoluta falta de opção, assiste mecanicamente a qualquer pelada que a TV transmita , passe a se interessar pelo vôlei? E quem sabe no final das contas, essa perda dos direitos de transmissão acabe por se mostrar até benéfica às emissoras? Sonhar não custa…

    • klaus

      O Sportv perdeu os direitos de transmissão para a Fox .Na verdade a Fox é quem detém os direitos da Libertadores da América e como ela lançou a Fox Sports aqui no Brasil , ela não repassou para o Sportv os jogos, uma vez que este é concorrente direto seu.Quanto à tv aberta, a Globo detém os direitos até 2018, mas só pode exibir somente dois jogos.Achei muito bom o Sportv perder os direitos da Libertadores, pois não aguento essa hegemonia do futebol na tv e quanto mais vôlei melhor,assisto até as reprises .

      • Afonso (RJ)

        Obrigado pela correção. É que vi que na quarta estava passando o jogo do Vasco x Libertad, e pensei que pelo menos os jogos principais a Fox estava repassando…

  • Jose Carlos Netto tarouquella

    Essa maior exposição do volleyball, foi bem oportuna, pois, trata-se de um esporte de alto nivel, o qual, alcançou a posição de 2º lugar na preferência dos brasileiros.
    Aliás, é bem melhor assistir a uma partida desse esporte, em função do alto nível técnico, do que a maioria dos jogos de futebol, onde dentre outros, os salários são fora da realidade e os espetáculos muito ruins, e, como se não bastasse, ainda vivem poupando os “melhores” jogadores.

    NB: Já fui frequentador assíduo do Maracanã, quando havia bem mais qualidade técnica no futebol.

  • Elcio

    Finalmente uma boa notícia no país do futebol. Chega dessa coisa massacrante. O futebol há muito tempo vive de marketing… o resultados são ridículos (vide última Copa América) e jogadores são famosos por sua falta de profissionalismo.

  • weslley

    a globo ta de brincadeira alem de ñ passar no sportv a libertadores ontem passaram guarani e mirassol ao invés de passar palmeiras q briga pela liderança e ponte q tb ta entre os oito melhores pelo paulistão. grade mal feita só passa jogo ruim do paulista

    • klaus

      O Sportv perdeu os direitos de trasmissão para a Fox.

  • robert rj cidade de deus

    concerteza…Daniel você não acha que o oposto Renan de são bernardo tem condições de vestir a camisa da seleção no futuro??

  • Anderson

    Sportv é um canal que tem todos os esporte por isso é o melhor canal mesmo sem a libertadores tem a copa do brasil,paulista,carioca,gaúcho,mineiro,eurocopa e brasileiro e fora a libertadores a fox é uma band sports piorada

  • Anderson

    Finais da superliga deveria ser a noite por que de manha crianças domina a tv

  • Guga

    A Questao eh ate quando isso vai durar…. grande parte dos meus amigos q tem o Sportv, dizem q mudam de canal quando ta passando o volei,… sem contar na mal escolha de horario,

  • e o torcedor dos clubes brasileiros que disputam a libertadores lamentam

  • Afonso (RJ)

    Com algumas excessões (na maioria jogos do flamengo ou do coríntihans) o futebol na TV a cabo tem sido mais ou menos o seguinte: “amanhã tem Fulano x Sicrano para todo o Brasil, menos para onde interessa, para onde transmitiremos o que não interessa”.

    A turma vai meio que na inércia, e assiste a qualquer porcaria que transmitam. Como se não bastasse a transmissão de jogos inexpressivos e sem nenhum interesse real de campeonatos regionais ou estrangeiros, chegam ao cúmulo de ficar transmitindo arremedos de futebol, como são as patéticas partidas de showbol ou até mesmo futebol de praia, que mesmo entre “seleções” nacionais, na verdade não passam “peladas” um pouco mais organizadas. A turma fica “mesmerizada” e assiste a qualquer coisa. Mais ou menos como as novelas da Globo, que há mais de 30 anos repetem a mesma fórmula, contando exatamente a mesma história, só revezando os artistas e mudando os nomes dos personagens.

    Certamente é difícil quebrar essa inércia, e (como disse o colega em outro comentário) muita gente muda de canal quando está sendo transmitido o vôlei. Mas quem sabe, se o volei, como esporte de alto nível, atrair uma parcela mínima que seja desse pessoal, se um ou outro, aqui ou ali, passar a se interessar e deixar de mudar de canal, já será alguma coisa…

    • Guga

      E sem contar, q ate pra qem gosta de Volei, essas partidas estão “assistiveis” só no masculino, pq ve a globo transmitir SollysxRio onde o Rio ganha de 3×0 ou 3×1 num jogo mal jogado e repleto de erros, ou o do Monte Carlos q foi outra bosta.. Acho que o volei nao foi feito pra ser mostrado na Tv Aberta, a nao ser em grandes competicoes.. Conheco pouquissimas pessoas que curtam ou consigam assistir a partida toda, meu pai ate q assiste.. mas nao consegue ficar 2h e pouca vendo hehe

  • Fabio

    A receita do sucado e simples, por mais incrível que parceca. Todo mundo gosta de assistir bons jogos, e isso vem ocorrendo com a volta de ótimos(as), jogadores(as) que atuavam fora do pais. Haja vista que no vôlei feminino, Rj e Osasco encontram hj adversárias do mesmo nível.
    No masculino então cada jogo parece uma final, pena que o acesso a esses jogos ainda e restrito para o grande publico.
    Precisamos de uma emissora em canal aberto voltada 100 % para o esporte.

    Grande abs

  • Paulo Rogério

    Que bom que temos agora outras alternativas além do Futebol!

    Adoro futebol, acompanho diversos campeonatos entre o Sportv e a ESPN, mas temos que entender que esportes não é só o futebol, voley, tênis e os esportes americanos têm crescido muito em audiência pois possuem grande qualidade e emoção!

    Quanto ao voley, eu nunca vi tanta qualidade na superliga masculina, só tem grandes jogos, não me lembro o último jogo que vi que não foi 3×2, o jogo de ontem entre Cimed e Minas, por exemplo, foi fantástico.

    Parabéns ao voley e a Sportv!

  • Bruno César

    Com certeza para os patrocinadores, jogadores e quem está assistindo e gosta de vôlei está sendo muito bom o aumento de transmissões dos jogos. Mas faltam alguns detalhes que poderiam melhorar.
    1. não precisa ficar falando o “nome fantasia” da equipe o jogo todo, mas pelo menos no placar que é mostrado na tv.
    2. os horários de alguns jogos são péssimos.
    dois exemplos:
    Mackenzie x Unilever durante a semana as 16h30.
    Volei Futuro x Medley domingo 21h30.
    Meu sonho mesmo é o Premiere para o vôlei.
    Já pensou todos os jogos transmitidos!!

  • Rose

    Adorei!!!!!! Só acho que deveria distribuir melhor, pois três jogos por dia é demais, tive que gravar os jogos p/ assistir todos.
    Espero que a fox continue e a CBV aproveite e principalmente pense na tv aberta ou dividir com a bandsports.

  • César Castro

    Pessoal, nenhum canal passa o italiano?

    Eu tô igual a pinto no lixo. Hoje, revezava entre Belchatow X Zenit Kazan (Band Sports) e Sesi X RJX (Sportv). Depois, assisti Sesi x Minas (feminino – Sportv) e mais tarde ainda tem VF x Campinas. Overdose de volei na veia pra aguentar a semana.

    Além dos jogos da SL (que tão bombando), próximo final de semana que vem tem os jogos das finais da Champions das mulheres. Parece que é Cannes X Villa Cortese e Fenerbaçe x Dínamo Kazan (Bandsports).

    Seria muito bom se passasse jogos da liga turca e italiana (pelo menos).

    • Bruno César

      A ESPN transmitia o italiano há uns dois anos mas de uma hora para outra parou de transmitir.

  • GRACA

    O VOLEI vive das migalhas do FUTEBOL, infelizmente basta o SPORTV conseguir algum contrato novo com o FUTEBOL e volei sera’ novamente deixado de lado… So’ estamos vendo o volei mesmo pq a FOX conseguiu os direitos da LIBERTADORES, senao mais uma vez o VOLEI FICARIA NA BERLINDA DO FUTEBOL.

  • Pingback: » Sem Libertadores, Superliga de Vôlei festeja mais espaço no SporTVBlog()

MaisRecentes

O tetra está vivo! Sada/Cruzeiro na semi do Mundial



Continue Lendo

Uma vaga aberta na semi do Mundial: a do Sada/Cruzeiro?



Continue Lendo

Sada/Cruzeiro sofre com o “próprio veneno” no Mundial



Continue Lendo