Coluna de domingo: Ter estrelas não é tudo no vôlei



Pessoal, bom dia. Segue a coluna Saque publicada hoje no LANCE!.

A merecida conquista da Superliga pelo Sada/Cruzeiro pode ser um marco importante para o  futuro do vôlei brasileiro. Na temporada com o maior investimento financeiro dos patrocinadores em todos os tempos, com quase todos os jogadores de Seleção atuando no país – e muitos deles com contratos milionários e cifras compatíveis com mercados mais ricos do que o nacional -, o título foi para um time sem astros consagrados.

O fato transforma o feito cruzeirense em um caso a ser estudado com carinho. O mérito do time foi ter mantido a mesma base (apenas um titular foi trocado) do ano passado, quando perdeu o título para o Sesi. Sem caça às bruxas pela derrota na final, negócios mirabolantes que viram cases de marketing ou propostas fora da média do mercado. O técnico argentino Marcelo Mendez merece boa parte do crédito. Tem olhar clínico para contratar, sabe lapidar jovens e também recuperar jogadores.

Para o torcedor pouco acostumado a ver o vôlei na TV aberta, os rostos de William (repatriado da Argentina), Filipe (saiu do Sesi em baixa), Wallace (um dos maiores talentos da nova geração) e Maurício (outro que vinha de uma temporada anterior irregular no Pinheiros) não são dos mais conhecidos. Mas resumem bem o estilo de trabalho do hermano. Para o público que conhece apenas os jogadores da Seleção, a certeza de que existe muita gente boa que não veste a Amarelinha com frequência.   O título deve servir de exemplo e estímulo para projetos já existentes na Superliga e para outros patrocinadores que desejam investir no vôlei brasileiro. Mesmo sem estar entre os maiores orçamentos, é possível obter resultado e retorno de mídia. Se o caneco tivesse ficado com o Vôlei Futuro, eu poderia repetir hoje, neste mesmo espaço, boa parte da tese acima. Um projeto que começou pequeno, foi ganhando corpo, se estruturou e também virou exemplo, com times competitivos tanto no masculino quanto no feminino. Quem não deixe de apostar em seus valores depois de não conquistar a Superliga.

 



MaisRecentes

Vaivém: Corinthians acerta várias renovações e uma contratação



Continue Lendo

Vaivém: Sesi Bauru anuncia contratação de Naiane



Continue Lendo

Jovens jogadores do Minas comemoram chance na Seleção



Continue Lendo