Coluna de domingo: Reflexões sobre o momento da Seleção



Pessoal, boa tarde. No ar a Coluna Saque publicada neste domingo, 25 de maio, no LANCE!

Os resultados negativos do Brasil diante da Itália, no primeiro fim de semana de disputas da Liga Mundial, não tiram meu sono. É início de temporada, time com foco na parte física, há tempo de recuperação para buscar a vaga para as finais e a Azzurra, vamos admitir, jogou demais… O que me preocupa é ver que, a três meses do início do Campeonato Mundial da Polônia, que marcará a metade do ciclo olímpico até os Jogos do Rio, a Seleção está bem longe de ter uma base titular confiável para buscar o tetracampeonato.

É um cenário bem diferente dos Mundiais anteriores (2002, 2006 e 2010), por exemplo. Pesam o momento técnico ruim de alguns atletas, as limitações físicas de outros e a falta de peças de reposição à altura dos titulares em algumas posições, fruto de uma renovação não tão boa desta geração como visto nas anteriores.

Para comprovar, dois exemplos: Escadinha e Dante, dos veteranos com um passado glorioso com a Seleção e que não foram inscritos na Liga, teriam espaço e importância entre os 12 hoje. Para o Mundial de 2014 não tenho dúvidas de que seriam úteis. Se formos pensar na Olimpíada, acho pouco provável. Por isso tudo, Bernardinho deveria aproveitar a Liga para testar, testar e testar.  No levantamento, Rapha, jogador com muita experiência internacional por clubes,
tem cacife para disputar a posição em igualdade de condições com Bruninho. Mas precisa ter mais chances como a recebida em boa parte do segundo duelo com a Itália, ontem. O mesmo vale para encontrar opções para Lucão e Sidão no meio, para definir qual dos oposto é titular (Vissotto, Wallace e Theo) e achar opções para Murilo e Lucarelli nas pontas. Ou seja: é preciso achar um time.



MaisRecentes

Vaivém: Leal, Solé, Grebennikov e Bartsch de casa nova



Continue Lendo

Vaivém: Renan acerta volta para a Itália



Continue Lendo

Vaivém: Argentina marca golaço ao acertar com Marcelo Mendez



Continue Lendo