Coluna de domingo: O fim de um dos maiores times do mundo



Com atraso, segue a coluna Saque, para quem não leu o LANCE! deste domingo.

A crise financeira na Europa atingiu em cheio o vôlei italiano. O eldorado do esporte até o fim da última década vê o fim de um dos seus ícones. A Sisley Treviso, um dos seus clubes mais tradicionais do país, não se inscreveu para a próxima edição do Campeonato Italiano. Os donos, famosos por aqui por serem detentores da marca Benetton, avisaram que não existe mais motivo para investir no esporte, em meio à crise que o continente enfrenta.

Apenas para se ter ideia do tamanho e da importância de Treviso no cenário local,  a lista de conquistas inclui, durante os 25 anos de existência, nove títulos italianos, quatro Copa dos Campeões da Europa, cinco Copas da Itália, duas Supercopas europeias…

O central brasileiro Gustavo atuou por cinco temporadas em Treviso, apenas uma a menos do que os recordistas estrangeiros Dmitry Fomin (Rússia) e Ron Zwerver (Holanda). Em conversa com a coluna, ele não escondeu o abatimento ao comentar o fim da Sisley Treviso:

– É uma pena. Era, além de tudo, a equipe que mais investia na base. Estava vendo o jogo da seleção italiana pela TV e quatro titulares foram formados em Treviso. Eram do infanto, do juvenil, na época em que eu estava lá. Infelizmente, a crise que está assolando a Europa atingiu o esporte.

Gustavo foi um dos quatro brasileiros a atuar pelo clube. Os outros foram Marcelo Negrão, Ricardinho e mais recentemente Marcelinho. O central lembrou da rivalidade com Modena, que dividiu com Treviso por várias décadas o rótulo de capital do vôlei italiano:

– O jogo parava o país. Hoje, a Itália aparece com status de quarta ou quinta força do mercado masculino, atrás de Rússia, Polônia e Brasil e perdendo espaço para Turquia e Japão. E o pior, segundo muitos analistas locais, ainda não foi visto.



MaisRecentes

Coluna: O Brasil queria receber os Pré-Olímpicos de vôlei. Mas…



Continue Lendo

Coluna: Minas e um dia histórico para o vôlei nacional



Continue Lendo

O tremendo desafio de Minas e Dentil/Praia Clube no Mundial



Continue Lendo