Coluna de domingo: Exemplo de atleta e ser humano



Coluna Saque publicada neste domingo, 10/3, no LANCE!. Espero que descubram quem é a personagem antes dos últimos parágrafos.

Sabe aquela pessoa que todo mundo tem algo bom para dizer para você? Aquela mesmo que é tratada como exemplo por companheiras e adversárias, independentemente da camisa que esteja defendendo no momento. A tal unanimidade é burra, como dizem por aí? Neste caso, o velho clichê está completamente errado. Ela é unânime, sim.

E sabe por que? Pois ela dá o exemplo com atitudes, não apenas com palavras ou discursos vazios. Quando fala, todo mundo presta atenção e busca aprender algum ensinamento. Se é bronca, foi válida. Se é um elogio, foi merecido. Por falar nisso, discursar em público não o forte dela. Faz parte da personalidade introspectiva, tímida em certos momentos.

Ela não é uma celebridade vazia destes tempos de Big Brother. Não está nas manchetes por fazer figuração em festas de emergentes. Não aparece na mídia por qualquer futilidade ou pseudonotícia que dá audiência. Inclusive, é raro ver algo sobre ela que não esteja ligado ao esporte.

Ela também não precisa fazer caras e bocas ou criar um personagem para parecer simpática. É a mesma em todos os momentos, seja ele bom ou ruim. Máscara não existe ali.

Como atleta, virou sinônimo de precisão. Talvez seu apelido, que tem um sentido carinhoso, vire um verbete quando um dicionário esportivo for lançado por aí. Seria uma justa homenagem.

Depois de tudo isso ficou fácil entender quem é ela.

Hoje, Hélia Rogério dos Santos, ou simplesmente Fofão, completa 43 anos. E jogando em alto nível, contrariando qualquer lei da física. Está a uma vitória de levar a Unilever à decisão da Superliga.

Mais do que um simples feliz aniversário, parabéns por tudo o que já fez e ainda faz pelo vôlei brasileiro, Fofão!



MaisRecentes

Fernanda Tomé é novidade em nova lista para o Mundial



Continue Lendo

Vaivém: Mais uma estrangeira na próxima Superliga



Continue Lendo

Simon veste camisa do Civitanova. Vem novela judicial aí!



Continue Lendo