Coluna de domingo: E lá vem a maldita final em jogo único



Pessoal, boa tarde. No ar a Coluna Saque publicada neste domingo, 6 de abril, no LANCE!

Final da Superliga masculina entre Sada/Cruzeiro x Sesi, primeiro e segundo colocados na fase de classificação. Os dois times que já eram apontados como favoritos antes mesmo de a bola rolar, no fim de 2013, e que se distanciaram ainda mais dos demais após o esfacelamento do ex-RJX.]

Será um interessantíssimo confronto entre o equilibrado e campeão de tudo Sada Cruzeiro, com William, Wallace e Leal voando, diante do milionário Sesi e sua base da Seleção Brasileira: Murilo, Lucarelli, Sidão e Lucão. E Escadinha, caso ainda queira “cancelar” a aposentadoria da Amarelinha. No banco de reservas, os competentes Marcelo Mendez e Marcos Pacheco, com prateleiras recheadas de títulos.

Promessa de um jogaço no Mineirinho no próximo domingo. Pena que a CBV, tão dependente da grade de transmissão da Globo, aceite este modelo de final em partida única. Aposto que também seria um festa e tanto no Ginásio do Ibirapuera o segundo jogo do playoff, podendo voltar para BH para a “negra” com ainda mais motivos para ser tratado como espetáculo imperdível.

É nesta hora do grande duelo que o fã vira ainda mais fã do esporte. É nesta hora que novos fãs são criados. É nesta hora que o patrocinador aparece na mídia e sai satisfeito com o investimento feito.

Se o produto fosse meu, bateria o pé para tentar aumentar a exposição nesta hora da verdade. Os dirigentes do vôlei brasileiro adoram encher a boca para falar que estão atrás somente do futebol. Então, deveriam usar este status todo para pleitear algo mais na concorrida grade. E olha que a Globo é bem mais do que detentora dos direitos de transmissão da Superliga… Mas isso é assunto para outra coluna.



MaisRecentes

Dentil/Praia Clube confirma presença no Mundial



Continue Lendo

Seleções disputarão amistosos pelo país antes dos Mundiais



Continue Lendo

O adeus do genial genioso Ricardinho



Continue Lendo