Coluna: Base precisa de mais atenção no Brasil



Coluna Saque publicada neste domingo, 16 de agosto, no LANCE!.

Não gosto de alarmismo. Mas também passo longe da cegueira do pachequismo. Então peço que leiam as próximas linhas sem extremismos.

O vôlei brasileiro vive atualmente uma preocupante entressafra de talentos, situação que reflete diretamente na formação e renovação das vitoriosas Seleções adultas masculina e feminina. Existe um vácuo entre a detecção da promessa, a transição para o profissionalismo e a consolidação como grande jogador(a). Isso passa pela diminuição dos clubes formadores, fica mais clara na utilização cada vez menor de jovens na Superliga e depois explode internacionalmente antes de uma convocação para
uma competição internacional.

Alguns dados: entre 1989 e 2005 foram disputadas nove edições do Mundial infanto-juvenil masculino. O Brasil conquistou seis títulos e um vice-campeonato. De 2007 a 2013, foram mais quatro competições e o país não foi ao pódio em nenhuma delas. No Mundial infanto feminino, que está sendo disputado no Peru, o Brasil, campeão pela última vez em 2009, está na briga apenas pelo nono lugar.

Não quero dar a entender que o mais importante na base é apenas conquistar títulos. Aprendi há algum tempo que o principal é revelar talentos. E foi assim que Bernardinho pôde, durante duas gerações, usufruir de um time titular com 12 jogadores e repetir tal expressão dezenas de vezes. Poderia até soar como um discurso clichê, mas era real. Veja hoje como a situação é bem diferente.

A solução para voltar a ter fartura de talentos é investir pesado na base. Um bom exemplo da CBV atualmente é a Liga Nacional, competição que limita a participação de atletas até 22 anos. É bom, mas não pode parar por aí. É preciso tratar do assunto como prioridade, pensando lá na frente nos Jogos Olímpicos de 2028, 2032. Eles não estão tão distantes assim…



MaisRecentes

Vaivém: Mais uma campeã da Superliga no Osasco/Audax



Continue Lendo

Na estreia de Lucas Lóh na Liga das Nações, Brasil se recupera



Continue Lendo

Vaivém: Ribeirão apresenta novo elenco



Continue Lendo