Colômbia, de Rizola, perde decisão por vaga na Liga das Nações



A seleção feminina da Colômbia, comandada pelo brasileiro Antonio Rizola, foi derrotada pela Bulgária na final da Challenger Cup por 3 a 1, na noite deste domingo, em Lima, capital peruana.

Com o resultado, as europeias garantiram presença na edição de 2019 da Liga das Nações. Elas irão substituir a rebaixada Argentina, pior campanha na fase de classificação da elite do vôlei mundial.

A classificação búlgara foi garantida de virada, parciais de 22-25, 25-19, 25-20 e 25-23. O bloqueio foi a grande arma das campeãs, com 18 pontos marcados (seis da capitã Ruseva). Mariya Karakasheva foi a maior pontuadora do time, com 20. Vale dizer que a Bulgária não contou com Vasileva, que já teve passagem pelo Brasil, lesionada.

Pelo lado colombiano, Dayana Segovia anotou 24. Rizola, apesar da derrota e da classificação perdida, elogiou a campanha da equipe.

Bulgária estará na próxima Liga das Nações (FIVB Divulgação)

– Estou muito feliz com a participação do meu time na Challenger Cup. Em cada jogo nós demonstramos nosso crescimento e isso é importante para todo técnico. Neste domingo, faltou experiência. Não conseguimos fechar os sets quando tivemos vantagem. E a Bulgária tem um time com bom nível – analisou o treinador, que também comandará o São Cristóvão/São Caetano na próxima Superliga.

Além de Colômbia e Bulgária, participaram da competição Peru, Porto Rico, Hungria e Austrália.

LEIA TAMBÉM

+ Domingas reencontra Luizomar de Moura em Osasco

 



MaisRecentes

Seleção do Mundial não premiou destaques da final



Continue Lendo

Título coloca a Sérvia no topo após frustração olímpica



Continue Lendo

Supercopa abre temporada masculina mais imprevisível no Brasil



Continue Lendo