CBV limita participantes da Superliga e cria novo torneio de acesso



Após reunião com os clubes e o novo conselho gestor da Superliga, a CBV anunciou uma mudança importante para as próximas edições da principal competição nacional.

A partir da temporada 2014/2015, os torneios masculino e feminino terão 12 equipes cada: os oito primeiros colocados da edição anterior e o campeão da Superliga B estarão automaticamente garantidos, enquanto as três vagas restantes serão disputadas em um torneio classificatório, havendo a possibilidade de um convite.

Até então, o número era definido pela quantidade de interessados que cumprissem as regras estipuladas pela CBV. Já vimos edições com 15, outras com 10. Nem mesmo o campeão da Superliga B não tinha vaga certa.

A entidade também confirmou notícia publicada na Coluna Saque, em dezembro. O critério técnico será levado em conta na escolha das sedes das finais. As partidas serão realizadas no estado das equipes que terminarem a primeira fase no topo da classificação. E aí cabe uma explicação. A CBV vai esperar mesmo até o fim da primeira fase (os dois turnos) para definir o local das finais. Então, não bastará vencer o primeiro turno. Esta decisão foi tomada na reunião de hoje.

ATUALIZADO ÀS 20H10



MaisRecentes

Dentil/Praia Clube confirma presença no Mundial



Continue Lendo

Seleções disputarão amistosos pelo país antes dos Mundiais



Continue Lendo

O adeus do genial genioso Ricardinho



Continue Lendo