Campanha do Banana Boat/Praia Clube merece aplausos



A Superliga feminina se encaminha para a última rodada do turno com uma certeza: a campanha do Banana Boat/Praia Clube é uma surpresa agradabilíssima.

Quando o time de Uberlândia liderou a competição por várias rodadas, ouvi comentários de que a posição era enganosa e o que logo as mineiras “cairiam na real”.

Mas a real para o time de Spencer Lee é realmente incomodar os grandes. Com 19 pontos, após um 3 a 0 no Vôlei Amil, em Campinas, o Banana Boat/Praia Clube está na vice-liderança, um pontinho atrás da Unilever.  Hoje, caso o Sollys/Nestlé, que soma 17 pontos, faça sua parte e vença a Usiminas/Minas sem ir para o tie-break, as mineiras caírão para terceiro. Normal. Só que a última rodada do turno prevê o confronto entre Unilever x Sollys, enquanto o Praia vai receber em Uberlândia o Rio do Sul. Em condições normais de temperatura e pressão, as mineiras somarão três pontos, enquanto o clássico é imprevisível. Se ele for para o quinto set, a classificação final da primeira metade da Superliga terá a equipe do Triângulo dividindo a ponta com um dos gigantes, com 22 pontos.  E isso é muita coisa quando se compara orçamentos e tradição.

Curioso ver também os números da vitória do Banana Boat/Praia Clube sobre o Vôlei Amil. Herrera e Vasileva, sempre candidatas a destaque e maior pontuadora, somaram quatro e dois pontos, respectivamente, sendo que a cubana atuou apenas no primeiro set.

O fato mostra que o time mineiro não depende exclusivamente de sua estrela internacional. Nesta sexta, Monique assumiu a responsabilidade e anotou 21 pontos (16 no ataque, quatro no bloqueio e um no saque).  A americana Dani Scott foi titular no meio de rede, ao lado de Angélica. E a dupla somou mais 21 acertos. Pelo time de José Roberto Guimarães, agora em quarto lugar, a única que se salvou foi Walewska, com 18 pontos.

Comendo pelas beiradas, o time mineiro vai dando um charme especial para a Superliga feminina.



MaisRecentes

Coluna: Temos de falar sobre Douglas Souza



Continue Lendo

Atualização do ranking mundial mostra caminhos do Brasil para Tóquio-2020



Continue Lendo

Douglas Souza desbanca Lipe e Tandara na escolha do melhor do ano



Continue Lendo