Brasil transformou pedreira em moleza



Impressionou a atuação da Seleção Brasileira masculina na vitória sobre a Rússia por 3 a 0.

A melhor atuação do Brasil em 2012 acabou fazendo com que o clássico fosse facilmente vencido.

Fora uma bobeada na reta final do segundo set, quando os russos colaram no placar, os brasileiros dominaram todas as ações.

O ataque pontuou com os pontas Murilo e Dante, algo que fez muita falta na Liga Mundial, o bloqueio apareceu em horas decisivas, o saque incomodou o passe russo e Escadinha deu muito volume de jogo. Os europeus, por sua vez, não contaram com a eficiência dos potentes serviços e viram a linha de recepção brasileira deixar Bruninho quase sempre com a bola na mão para distribuir os ataques.

Foi bom ver também um time mais leve em quadra. Sorrindo, sem um peso que parecia não querer sair das costas do time nesta temporada.

Além de ganhar moral, o Brasil coloca pressão dos adversários. Todos sabem que esse time, mesmo com problemas na preparação (já falamos bastante do assunto aqui), sabe ganhar. E na Olimpíada isso faz muita diferença.



MaisRecentes

Mais seguro, Brasil vence e está nas finais da Liga das Nações



Continue Lendo

Vaivém: Mais uma campeã da Superliga no Osasco/Audax



Continue Lendo

Na estreia de Lucas Lóh na Liga das Nações, Brasil se recupera



Continue Lendo