Brasil termina em quinto no Mundial sub-23 masculino



A quinta colocação do Brasil no Campeonato Mundial masculino sub-23 foi conquistada com sabor de “vingança”.

Nesta manhã, a Seleção derrotou a Argentina por 3 sets a 1, parciais de 25-19, 25-18, 30-32 e 25-22, em Dubai, nos Emirados Árabes.

Os rivais haviam batido o Brasil no tie-break na primeira fase. O pontinho perdido naquele jogo acabou, posteriormente, impedindo a classificação verde-amarela para as semifinais.

O ponta Douglas Souza foi hoje o maior pontuador da equipe comandada por Rubinho. Ele marcou 20 pontos, três a mais do que o central Aracaju, seu companheiro de time no Sesi nos últimos anos.

Pela Argentina, o oposto Koukartsev anotou 19 pontos.

– Fizemos um bom jogo, melhor do que o duelo anterior contra a Argentina, na fase preliminar. Parabéns à seleção argentina por jogar muito bem com uma equipa tão jovem. Mas hoje jogamos melhor no conjunto bloqueio-defesa e no saque. Este é um campeonato difícil. Nós tentamos o nosso melhor, jogando tão bem quanto possível. Todas as equipes neste torneio foram muito bem taticamente e fisicamente – analisou Rubinho, assistente de Bernardinho na Seleção principal.

Até agora, nos Mundiais de base já disputados na temporada, o Brasil foi campeão no sub-23 feminino, ficou em sexto no sub-19 masculino e em 11º no sub-18 feminino. Faltam ainda o sub-20 feminino, que acontecerá em Porto Rico, entre 11 e 19 de setembro, e o sub-21 masculino, no México, entre 11 e 20 de setembro.



  • Klaus

    O Brasil sempre foi mais time que o Argentino e podia ter sido campeão.Mas acima de tudo tem alguns jogadores que prometem.Queria deixar aqui meu elogio ao Douglas que é a grande revelação masculina depois do Lucarelli.Ufa, ainda bem que surgiu mais um e na posição que mais precisamos.Douglas é acima da média e torço demais por ele.E sei que vai ter muito sucesso.Só não pode se acomodar no banco.

  • Fernando Marcelo

    Eu acho que o Brasil foi longe até, 5º lugar está de bom tamanho em relação à “safra” atual.

MaisRecentes

Minas espera Hooker ainda em outubro



Continue Lendo

Vaivém: Vôlei Nestlé confirma apresentação de peruana



Continue Lendo

Vaivém: Polonesa é esperada em Barueri



Continue Lendo