Brasil perde para Itália e cai no grupo da China na fase final



Brasil
China
Holanda

Estados Unidos
Sérvia
Turquia

Estão definidos os grupos da fase final da Liga das Nações feminina, em Nanjing, na China.

Na rodada desta quinta-feira, a Seleção Brasileira perdeu a vice-liderança para a Sérvia, após ser derrotada pela Itália, no tie-break, parciais de 22-25, 25-20, 17-25, 25-19 e 15-12.

O resultado fez a equipe verde-amarela estacionar em 12 vitórias, número também atingido pelas sérvias após triunfo sobre a Coreia do Sul por 3 a 0. No desempate por pontos, a equipe europeia ficou na frente: 37 a 35.

Brasil se despediu da primeira fase com derrota para a Itália (FIVB Divulgação)

Como o regulamento prevê primeira e segunda colocadas na mesma chave na fase decisiva, Estados Unidos e Sérvia repetirão o duelo desta semana, que terminou com vitória da equipe de Rasic, Boskovic & Cia. A Turquia, que retorna à etapa final da Liga sob o comando de Giovani Guidetti, entrou como quinta colocada é será a franco-atiradora em busca de uma vaga nas semifinais.

No outro grupo, Brasil (terceiro colocado) e Holanda (quarto) não devem se enganar com as donas da casa. A China, apenas nona colocada entre os 16 participantes, escondeu o jogo em boa parte da competição. Lang Ping poupou parte do time graças ao privilégio de já ter a vaga antecipada como sede. As campeãs olímpicas chegarão com força na luta pelas medalhas.

Já a Holanda não deve ser encarada como a molezinha da chave. É um time bem treinado pelo americano Jamie Morrison, têm destaques em quase todos os setores, já bateu a China na competição e fez jogo duro contra o Brasil.

As finais acontecerão entre os dias 27 de junho e 1 de julho. Nesta sexta-feira, a Seleção viajará para o Japão, onde ficará treinando e fará a aclimatação para o fuso horário asiático.

– Jogamos contra as melhores seleções do mundo e tivemos a oportunidade de ver várias jogadoras em ação. Isso foi muito positivo. Também acompanhamos de perto a recuperação física de algumas das nossas jogadoras. Essa fase classificatória foi uma grande experiência para todos nós. O saldo dessa primeira fase foi bastante positivo. Agora, vamos fazer a aclimatação no Japão para depois irmos para China – comentou José Roberto Guimarães.

LEIA TAMBÉM

+ Seleção masculina perde titular por lesão



MaisRecentes

Em dia de justa homenagem por ouro em Pequim, Brasil perde a quarta seguida



Continue Lendo

Coluna: Uma semana estranha para o vôlei brasileiro



Continue Lendo

São Bernardo desiste do Paulista. Alerta ligado na Superliga



Continue Lendo