Brasil bem desfalcado no Rio



A Seleção Brasileira feminina estará bem longe de apresentar força máxima no quadrangular que começa hoje, no Maracanãzinho.

Ao término do treino de ontem à noite, o técnico José Roberto Guimarães admitiu que várias jogadoras com problemas físicos precisarão ser poupadas. Entre elas estão Fabiana (tornozelo), Fernanda Garay (quadril), Juciely (costas), Joycinha (panturrilha), Suelle (ombro). Jaqueline, que não está no Rio, é outra baixa certa. Ela ainda se recupera do princípio de pneumonia que atrapalhou sem desempenho no Pan. Já Adenízia, com dores na panturrilha, é dúvida. Para piorar, Sheilla sentiu dores no ombro esquerdo no fim da atividade e será reavaliada.

A quantidade elevada de pequenos problemas deixou Zé Roberto nitidamente chateado.

– Nós nunca tivemos tantos problemas de lesões pequenas, nada preocupante. São pequenas coisas que estão aborrecendo a preparação para esses Jogos – disse ele, que espera ter todas as atletas à disposição em até duas semanas.

A quantidade de problemas fez com que Rosamaria fosse chamada às pressas para o quadrangular. O técnico explicou que deverá usá-la também na ponta, reforçando que a jogadora treinou passe durante toda a preparação para Pan-Americano e Mundial sub-23.

Fazem parte do elenco ainda as levantadoras Dani Lins, Macris e Roberta; a oposto Monique; as pontas Gabi, Mari Paraíba, Natália; as centrais Carol e Bárbara, além das líberos Camila Brait e Léia.

A estreia do Brasil acontece nesta sexta-feira, às 18h30, contra a Alemanha.



MaisRecentes

Vaivém: Claudinha chega com moral ao Osasco/Audax



Continue Lendo

Vaivém: “Livre”, Thaisa seguirá atuando no Brasil



Continue Lendo

Jaqueline chega ao Japão para substituir Drussyla



Continue Lendo