Brasil 3 x 0 Porto Rico. Resultado óbvio, mas…



A Seleção Brasileira masculina cumpriu sua obrigação e derrotou Porto Rico, neste sábado, por 3 sets a 0, no reformado Ibirapuera.

Murilo e Lucão foram os maiores pontuadores da partida, com 12 pontos cada.

Mas as parciais mostram que o time ainda está longe do ideal: 25-20, 25-10 e 25-23.

A classificação para a fase final é certa e Bernardinho precisa agora dar consistência ao time titular, pelo visto, definido com Bruninho, Leandro Vissotto, Murilo, Giba, Lucão, Rodrigão e Escadinha.



  • Thederson

    Todos sabiam que os três pontos viriam, o incrível é o quanto o Sr. Bernardo insiste com o Bruninho de titular, já faz um certo tempo que ele vem errando combinações de jogadas em momentos inoportunos e hoje só não comprometeu o jogo do Lucão de novo porque ele estava com sede de bola depois do ultimo final de semana. Acredito que o Bernardo não vai mudar os levantadores até a olimpíadas então que ponha o Marlon de titular porque ele concerteza esta em melhor momento que o Bruno.

  • Afonso (RJ)

    Deu o óbvio. Há quem critique o desempenho da seleção no primeiro e principalmente no terceiro set. Mas acho que a concentração cai contra equipes mais fracas. Não deveria acontecer, mas quase que inevitavelmente acontece.

    Em outro comentário aqui, falei da raridade de zebras no vôlei. Hoje aconteceu uma: França 3 x 1 Itália!! Resultado bem inesperado. A Itália perdeu a invencibilidade contra a última colocada do grupo. Terá faltado concentração?

  • Diogo Marcio

    Destacando os pontos dos rivais: a bola de segunda feito pelo levantador Perez(em resposta a bola de segunda do Bruninho); belo ataque feito por Rivera e de alguns ataques do melhor jogador de Porto Rico – Soto. Depois que ocorreu inversão foi o momento da ascensão do primeiro set(pensava que ia ser como os últimos set do 2° jogo da 1° fase quando ganhamos por parciais bem próximas). O jogo do Brasil em que os torcedores querem ver, foi aquele apresentado no segundo set – quando impões o seu jogo é fez Porto Rico marca míseros 10 pontos – ESPETACULAR. 3° o Brasil se impões mas de uma forma moderada se comparada com o 2° set, deu uma relaxada e Porto Rico encostou no placar. Vissotto continua tendo uma participação muito irregular no saque é no ataque, na defesa precisa melhora mais para que possamos recuperar a bola é contra-atacar. Giba voltou com tudo!! Com dois saques que proporcionou ataques de xeque feito por Lucão que não desperdiçou e se redimiu nas atuações feita quando jogou contra o EUA. Erro no levantamento que proporcionou ponto de graça, já faz um tempo que isso não acontece – Bruninho precisa melhorar.

    Destaques no Saque: Giba e Lucão – Destaque na Partida: Lucão.

    P.s. Assisti o jogo POL Vs EUA. Polônia passsou o rodo nos americanos, com a uma bela atuação do Bartman e Kurek no ataque + bloqueios. Stanley não vai bem no ataque, mas teve passagens de saque muito boas. Destaque para os jogadores poloneses que estavam na rede, bloqueando quatro ataques seguidos dos norte-americanos – último ataque que foi feito pelo Anderson(se não estou enganado) acabou caindo dentro de quadra ;D

  • Minas Tenis Clube

    Seleção mascarada. Alguns jogadores já deram o que tinha que dar.
    Não adianta puxar saco de um ou outro, todo mundo vê.
    Tem que mudar muita coisa.
    Sandro e William deveriam ter chance sim, foram os 2 levantadores finalistas da superliga e nem no banco ficam? Que medo é esse que o sr. Bernardo tem de coloca-los? Perderia Bruno o lugar em definitivo?
    Se essa seleção continuar assim, não vai chegar a lugar nenhum…

  • Álvaro Médio

    Daniel, vc que me parece um articulista sensato e imparcial, faça a gentileza de me responder:

    O Bruno deve ser titular da seleção? Os levantadores Sandro, William, Rapha e Marlon são melhores do que ele?

    Agradeço a atenção

    • Daniel Bortoletto

      pelo que ele está jogando, já deveria ter perdido a posição para o Marlon, sim.
      por coerência, Sandro e William precisariam ser testados na Seleção, por um tempo, antes de assumirem qualquer posição (titular ou reserva)

      • Adriano

        Questão interessante essa, porque eu acho que foi só semana passada, ou por aí, que eu notei que os outros levantadores não estavam nem treinando com o grupo. Achei estranho.

        Eu acho o seguinte: se o Bernardo quer usar só esses levantadores na Liga, vá lá. O campeonato já tá na metade, mesmo, e ele ainda tem que cortar outros caras; o Bruno e o Marlon foram os levantadores do time nos últimos dois anos. Então, paciência, é a opção dele.

        Mas gostaria de entender, já que a função de levantador não está sendo satisfatória proporcionalmente à qualidade dos nossos levantadores (sim, nós NÃO temos falta de bons levantadores), por que ele optou por não agregar pelo menos um terceiro levantador ao grupo.

        E eu acho engraçado, porque leio por aí que na coletiva, depois do jogo, o pessoal fez graça, e chamou atenção ao fato de que o Bernardo não usa o JP Tavares, e tudo mais… Quando, na verdade, todo mundo está questionando o problema do levantamento na seleção. Acho que isso seria o mínimo: questioná-lo sobre a opção de seguir a vida toda com esses dois, quando não falta bom levantador para ser testado. É, isso é uma coisa que eu ainda não entendi.

        • Daniel Bortoletto

          vale lembrar que o Brasil optou por levar apenas dois levantadores para o Mundial e quase se deu mal com o problema médico do Marlon. Todas as demais seleções foram com três. é uma opção do Bernardinho, mas não concordo.

  • Marcos

    Mas o que??

    • Daniel Bortoletto

      a resposta está no texto, Marcos:… “o time ainda está longe do ideal”… e por aí vai

MaisRecentes

Os duelos da Copa Brasil feminina



Continue Lendo

Lances do clássico Vôlei Nestlé x Sesc



Continue Lendo

Coluna: O maior desafio do Sada/Cruzeiro no Mundial



Continue Lendo