Bernardinho e Zé Roberto criticam set com 21 pontos. Pressão na FIVB!



Ary Graça, presidente da Federação Internacional, convive agora com a pressão dos dois principais treinadores brasileiros contra a regra dos 21 pontos por set.

Neste fim de semana, Bernardinho e José Roberto Guimarães tornaram públicas as reclamações contra a mudança na pontuação.

Zé Roberto falou na noite de sexta-feira, após fazer seu primeiro jogo com a nova regra pelo Vôlei Amil. Após a vitória sobre a Uniara, pelo Paulistão, o comandante da Seleção Brasileira feminina criticou abertamente a decisão da FIVB.

– Fiquei muito preocupado com o sistema de jogo com 21 pontos. Me senti no meio de um mini-jogo. É horrível. Parece que os tempos técnicos foram mais longos que o período de bola em jogo. Espero que as pessoas com bom senso no vôlei mundial não deixem passar esse verdadeiro absurdo – disse Zé Roberto.

Na véspera, Bernardinho também reclamou. No evento de lançamento da Unilever para a temporada 2013/2014, o treinador da Seleção masculina criticou a medida “sugerida”, como vocês bem sabem, pelas emissoras de TV.

– Vamos jogar a Superliga, que tem sets de 21 pontos, logo depois viajamos para jogar o Mundial, com 25 pontos, então voltamos para a Superliga e muda tudo novamente. É claro que isso prejudica a preparação. Isso é culpa da TV que quer jogos mais rápidos. Superliga não é o laboratório para isso, é o principal campeonato de vôlei nacional e não deve ser usado para testes – disse Bernardinho, em entrevista ao site Máquina do Esporte.

Bernardinho, inclusive, fez uma sugestão de mudança na regra que ajudaria a diminuir o tempo de duração dos jogos, sem mexer na pontuação. Para quem é leitor assíduo deste blog, vai se lembrar de colunas que já escrevi sobre o tema (http://wp.me/p1b2tr-1zz).

– Se querem jogos mais curtos, poderiam determinar dez segundos entre um ponto e outro, em vez de 15, isso já mudaria bastante.

A pressão está aumentando no Brasil, países europeus estão se negando a testar a regra… Ou seja: Ary Graça terá de conviver com a falta de popularidade e apoio se quiser manter a mudança.

 



MaisRecentes

Dentil/Praia Clube confirma presença no Mundial



Continue Lendo

Seleções disputarão amistosos pelo país antes dos Mundiais



Continue Lendo

O adeus do genial genioso Ricardinho



Continue Lendo