As finais da Liga Mundial



Chegou a hora da verdade na versão 2014 da Liga Mundial.

As finais começarão nesta quarta-feira, em Florença, na Itália, com as seis seleções “sobreviventes”, incluindo o Brasil. Este sim pode ser chamado de sobrevivente, sem as aspas, após todo o drama da classificação nas rodadas finais.

Ouvindo alguns colegas europeus, uma unanimidade: a Rússia é a favorita. Simplesmente por ser a melhor seleção da atualidade como conjunto  e contar com o melhor jogador do planeta (Muserskiy). E acho que neste ponto vocês deverão concordar comigo, certo?

A Itália, dona da casa, havia me surpreendido positivamente na largada da Liga. Saiu atropelando meio mundo, já que não tinha peso da classificação (é a sede e estava garantido desde sempre), mostrando um vôlei de ataque pesado com Zaytsev e Kovar, um block de respeito com Birarelli e Piano, além de Travica em um bom momento no levantamento. Mas já não vi a mesma Azzurra na reta final. E agora o peso de voltar a ganhar um título em casa pode pesar…

Para fechar a trinca de candidatos gringos ao pódio, o sempre regular time dos Estados Unidos.  Sempre me impressiona como o modelo americano de fazer esporte na universidade brinda o mundo com grandes talentos. Sander, ponta de 22 anos, foi a boa surpresa da vez.  Aí junte aos já conhecidos Matt Anderson, Lee, Rooney, Priddy, Holt, Holmes… É sempre um time que deve ser muito respeitado.

O Irã, grata surpresa, e a Austrália, que veio da “Série B” da Liga, já foram longe demais. Qualquer algo a mais que tirem do Final Four já será digno de mais aplausos. Como cada um ficou em um grupo, são os candidatos mais lógicos à desclassificação para as semifinais.

E o Brasil? O mínimo que pode ser dito é que ganhou moral com a classificação na bacia das almas. O time está nitidamente mais arrumado, em um cenário físico mais homogêneo e sem o peso de ser o favorito. Caso o passe continue mais estável, como nos últimos jogos, Bruninho pode usar os centrais, como gosta, não sobrecarregando Wallace e Lucarelli, duas importantes bolas de segurança para jogadas com passe mais quebrado.

Em resumo, acho que veremos bons jogos nos próximos dias. No próximo post, vou sugerir um bolão para que vocês testem os “chutes”.

Tabela

16/7 – Irã x Rússia – 12h30

16/7 – Itália x EUA – 15h30

17/7 – Brasil x Rússia – 12h30

17/7 – EUA x Austrália – 15h30

18/7 – Brasil x Irã – 12h30

18/7 – Itália x Austrália – 15h30

 



  • GIGANTE RUSSO MELHOR JOGADOR DO MUNDO

    Daniel você está certo com relação ao melhor jogador do mundo. O gigante russo é desde a final olímpica de 2002 o melhor jogador do planeta

  • hicham mohamad youssef

    daniel concordo que no momento a rússia seja a favorita,mas é muito em função principalmente do musersky.acredito que se ele não estiver num bom dia,a equipe da rússia perderá para brasil-eua e itália.voce concorda ? um abraço.

MaisRecentes

Um líder por pontos ganhos. Outro por pontos perdidos



Continue Lendo

Camponesa/Minas quebra longa invencibilidade em Osasco



Continue Lendo

Placar RedeTV!: Futebol 2 x 0 Vôlei



Continue Lendo