Análise dos grupos da terceira fase do Mundial



Brasil, China e República Dominicana.

Itália, Rússia e Estados Unidos.

Assim ficaram os grupos da terceira fase do Mundial, após sorteio realizado hoje, na Itália.

O Brasil não tem motivo para reclamar, ao menos nesta fase. Um time asiático jovem e com muito potencial e a maior zebra da competição, dirigida pelo brasileiro Marcos Kwiek. Se não deve ter tanta dificuldade assim para se garantir nas semifinais, o Brasil certamente não terá moleza no cruzamento seguinte. Não vejo o time da casa com potencial para eliminar russas ou americanas. Dando a lógica, a Seleção voltará a duelar com uma das outras duas favoritas ao título em disputa de vaga para a decisão. Ambos já foram vencidos, mas a situação era bem diferente. E aí sim o bicho vai pegar!

O que acharam?

TABELA

Quarta
12h30 – Brasil x China
15h – Itália x EUA

Quinta
12h30 – China x República Dominicana
15h – EUA x Rússia

Sexta
12h30 – Brasil x República Dominicana
15h – Itália x Rússia



  • Leo

    Os adversarios que eu queria. Otimo. Brasil tem tudo para chegar bem nas semifinais. Agora, a Italia se deu mal. Encarar EUA e Russia nao vai ser facil. Mas tudo pode acontecer. Que comecem os jogos.

    • Concordo Leo. Mais vai aqui meu recado: os Estados Unidos bobearam de novo. Era só vencer 2 sets da sérvia e entregar o jogo e desclassificar a Russia. Não fizeram isso e agora vão ter que enfrentar as russas de novo. Nas olimpíadas também, bobearam, venceram e classificaram o Brasil, depois na final perderam o ouro justamente para a seleção que poderia ter desclassificado se quizesse. Agora de novo, tinham tudo nas mãos para mandar as russas para casa, mais não, em jogo que não valia nada venceram a Sérvia de 3×0 e classificaram as russas. Não é só no saque que se ganha mundial não, é na inteligência e na estratégia também.

  • jean casanova

    penso que teremos surpresa…cravo meu palpite pras semifinais e finais…BRA X ITA E EUA X REP. DOM… E A FINAL BRA X EUA

    • Jean, espero sinceramente que o EUA se classifiquem, porque se elas não conseguirem a classificação para a semi-final vai ser por pura bobeira. Tinha que vencer 2 sets da Sérvia, ganhar 1 ponto e perder o jogo em 3×2. Com isso a Russia estaria eliminada. Não fizeram isso, venceram de 3×0 um jogo que para elas não valia nada e agora vão ter que disputar a vaga da semi-final justamente com a Rússia. Se nas olimpíadas já fizeram a bobagem de classificar o Brasil e depois perder o ouro, agora vai acontecer de novo. A Russia vai desclassificar os EUA e as americanas vão se lembrar que estava nas suas mãos tirar a Russia da competição.

  • Valdir

    Ary Graça usou os sorteios do mundial masculino e feminino para mandar um baita recado pro Bernardinho…

    • Elaine

      Oi? Assim como no masculino todas as outras seleções estavam no mesmo pote, pegamos China e Rep. Dominicana, mas poderia ter sido China e EUA.

    • Pra mim a finalidade de todo regulamento deveria ser colocar as 4 melhores seleções na semi-final. E esse sistema francamente é desastroso. Pra mim deveria os 2 primeiros colocadores irem direto para a semi-final. E as 4 seleções restantes disputariam entre elas e iria para a semi-final as 2 melhores. Aí sim, teríamos realmente as 4 melhores seleções representadas na semi-final.

  • Emerson

    Semis com:

    Brasil x Rússia
    Eua x China

    Não creio de Rep. Dominicana e Itália consigam ir mais além com os times que tem.

  • bruflain

    Se a Itália for corajosa, pode eliminar as russas sim! A Itália defende bem e tem boas sacadoras.

  • Luiz

    Eita molezinha! Vai chegar na semifinal totalmente descansado, enquanto o Grupo de lá vai chegar “morto”.. kkkkkk Brasil campeão.

  • Paulo

    A seleção precisa reencontrar urgentemente o nível que exibiu nas primeiras fases do Grand Prix. Acredito que passar pela China e Rep. Dominicana não deve ser problema, mas pegar uma Rússia ou EUA nas semifinais vai ser uma pedreira, os jogos dessa fase ficaram para trás. Sheila, Garay e principalmente Dani Lins precisam voltar a jogar no nível que estavam a alguns meses, caso contrário não sei não.

  • VERDADE SEJA DITA

    A VITÓRIA DO BRASIL B SOBRE OS EUA B NÃO QUER DIZER NADA! Absolutamente.

    Óbvio que o Kiraly não queria ter perdido a fim de manter a invencibilidade. Mas só! Time B contra time B não é parâmetro. O que vai valer é a partir da próxima fase, agora!

    Certamente que quem sobreviver de EUA, Rússia e Itália estarão bem fortes para as semifinais!

    E pra quem acha que Brasil está em um grupo fácil, não se iluda. Fase de grupos é bem diferente de fase final. Não creio que as brasileiras terão facilidade contra chinesas e dominicanas.

    • Realmente a seleção americana é bem idiota mesmo. Poderiam perfeitamente terem vencido 2 sets da sérvia e depois entregado o jogo em 3×2 e mandar a Russia pra casa com 1 rodada de antecedência. Não fizeram, ganharam de 3×0 da Sérvia em jogo que pra ela não valia nada, já estavam classificadas. Agora vão ter que disputar com a Russia a passagem para a semi-final, já pensou se perderem a vaga justamente para a Russia? Com certeza vão se lembrar das olimpíadas, quando tiveram nas mãos a oportunidade de tirar da competição o Brasil, não fizeram e depois perderam o ouro justamente para uma equipe que se quizesse poderia perfeitamente ter desclassificado. Espero que não aconteça de novo, porque se os EUA não se classificarem para a semi-final, elas vão lembrar que estava nas suas mãos mandar a Russia pra casa e não fizeram.

    • Eu não concordo com vc. Não acho que esse jogo de B contra B não quer dizer nada. Ninguém gosta de perder, muito menos os americanos que estão acostumados a vencer tudo. Pode ter certeza que quando um time americano perdeu é porque o adversário foi superior. Portanto, ficou provado e comprovado que o Brasil tem mais banco que os Estados Unidos, assim, caso houver necessidade de troca de jogadoras com certeza o Brasil leva vantagem. Os Estados Unidos não perdeu o jogo e a liderança porque quis não, elas perderam porque não conseguiram vencer as reservas brasileiras. Americano não entrega jogo, americano é ensinado desde nenezinho a não perder nada. Se perderam é porque foram inferiores.

    • Na verdade o problema é o seguinte. Brasil, Russia e Estados Unidos não existe favoritos. Qualquer um pode vencer. O mundo do volei está dividido da seguinte maneira: Brasil, Russia e Estados Unidos estão num patamar superior. As demais seleções estão todas abaixo. Portanto, entre esses 3 países não existe favorito. A Russia depende do bloqueio e das jogadas altas de ponta. O Estados Unidos é time de defesa e velocidade. O Brasil estaria num patamar mais misto, possui jogadoras rápidas, bom bloqueio e boa defesa, porém fraco na recepção. O dia que o Brasil conseguir corrigir a sua recepção, vira um time praticamente imbatível, pois une a velocidade americana, o bom bloqueio das russas, e ótimas atacantes de ponta. O único problema brasileiro é a recepção de saque, corrigindo isso, é uma equipe praticamente imbatível.

      • VERDADE SEJA DITA

        Roberto, eu não disse que os americanos não se importaram em perder, mesmo com o time B. É bem óbvio que o Kiraly, mesmo não declarando a sua insatisfação, não gostou nada de perder, em um jogo que não valia nada, para o seu maior rival hoje!

        Concordo com vc em parte que esse jogo “amistoso” serviu para evidenciar que o Brasil teria mais banco do que a seleção americana, porque as reservas entram em momentos circunstanciais em uma partida de verdade, seja para realizar um saque, inversões e em último caso, quando alguém titular não está bem. Porém a única que fez a diferença para o Brasil foi a Tandara, mas em um jogo em que as principais centrais, ponteiras e líbero americanas não estavam presentes. Se brasileiras e americanas se confrontarem novamente nesse mundial, Tandara e Fabíola irão se depara com um sistema bem diferente de marcação: centrais bem mais rápidas e com potencial de bloqueio maior, sem contar na líbero Kayla e a ponteira Hill que vem fazendo um fundo de quadra bastante bom!

        Portanto, meu caro, em uma partida valendo tudo, em que as reservas entrarão eventualmente, o ambiente e as condições são completamente diferentes.

        Quanto a essa sua ideia, ao meu ver totalmente antiesportiva, de entregar jogo, seja para fulano ou para ciclano, é um dos pontos que faz a mentalidade esportiva, a cultura do esporte ser tão desnivelado entre o Brasil e as demais potências olímpicas. EUA não entregam e não entregariam jogo nunca, assim como fizeram em Londres 2012.

        Não interessa quem eles irão enfrentar amanhã, o que importa é o que eles podem fazer hj, cumprindo o seu papel e representando a nação da forma mais honrosa possível. O que vale é tentar estar preparado pra o que der e vier! E é impressionante que mesmo a Rússia não fazendo nada no mundial masculino e com uma apresentação pra lá de falha no mundial feminino, muitos brasileiros ainda insistem em ficar tramando resultados para que a Rússia seja desclassificada, mesmo o Brasil já mostrando que sabe como ganhar das russas. A importância que a mídia e os torcedores aqui no brasil dão de graça para os russos é que fazem eles parecerem geniais e sempre favoritos, embora a realidade seja muito mais fragmentada.

        De qualquer forma, Brasil e EUA estão hj em um patamar superior à Rússia, o que não significa que ela não possa ganhar o mundial, ainda mais porque muitos outros fatores entram em questão, como o aspecto emocional. E também penso que a seleção brasileira, pela regularidade que vem apresentando e todos os últimos títulos conquistados, seria teoricamente a mais favorita, o que também não quer dizer nada, porque jogo é jogado!

        Agora também dizer que a seleção brasileira poderia imprimir uma velocidade de jogo como a americana é praticamente uma utopia nesse mundial. Velocidade não se cria de uma hora para a outra, mesmo corrigindo a recepção. Os EUA vem trabalhando nesse esquema de jogo há um tempo. é nítido ver a evolução da performance das ponteiras mais jovens americanas no fundo de quadra e na recepção. E o bloqueio russo é excelente PARADO!! Coloca uma bola ultrarápida forçando as bloqueadoras a se movimentarem pra ver o que dá!! Bloqueio americano e brasileiro bem mais completos e eficientes. No jogo EUA e Rússia, as americanas fizeram 14 a 11 em bloqueios.

        Pelo favoritismo teórico, daria BRA X EUA na final, mas sabemos que qualquer outra combinação é possível, inclusive com as Dominicanas, que tem nada menos do que atacantes fortes e a melhor líbero no momento. Chinesas são jovens, mas tem muito potencial, Italianas com uma experiência e torcida a favor que podem fazer a diferença e a Rússia, por sua vez, que a meu ver tem Gamova e KOSHELEVA, que podem arrasar, mesmo sem recepção.

        Roberto, meu caro, tudo pode acontecer, tudo mesmo!! O amistoso de time B contra B, foi só um treino pra dar ritmo e oferecer uma oportunidade a mais pra observar falhas, marcações, esquema tático, etc…não pra saber quem é melhor que quem ou tem mais banco!

  • os jogos do brasil serão ás 15 hrs corrija aí daniel

    sobre as chaves era todo que eu sonhava,china e rd quer chave mais fácil que essa…

    nas semi acho que o brasil pega a itália,acho difícil a rússia passar pelo que vem jogando,aí seu voloch vai quebrar a cara.

    o que a girafamova cheira no tempo técnico alguém aqui sabe?

    • Fernando

      Ela cheira Sal, dizem que diminui o estresse e aumenta a concentração

    • Daniel Bortoletto

      Não será, Ícaro. 12h30 nos sites da FIVB e no release da CBV

      • Edu

        A Itália, como equipe da hospedagem da competição, teve a primazia de fazer os jogos de fundo dessa fase.O Brasil joga nessa fase de duas partidas mesmo as 12:30(no nosso horário)

  • Sergio

    Brasil e Rússia na semifinal. Mas, antes disso, americanas e russas “vão se matar” para escapar do Brasil na semi (vai ser um jogão…). Brasil e USA na final, com a vitória das brasileiras, claro.

    • Concordo Sérgio. Só vou acrescentar um detalhe: estava nas mãos dos EUA mandar a Russia pra casa mais cedo, bastava vencer 2 sets da Sérvia e depois perder o jogo por 3×2 que a Sérvia estaria classificada e a Russia eliminada. Não fizeram isso e agora vai ter que se matar contra a própria Russia pra conseguir a classificação. Poderia muito bem deixar a Sérvia com a vaga, pois elas bateram a Sérvia muito mais fácil do que a Russia (olha os sets 34-32 – 27-25). Vai acontecer de novo com as americanas o que ocorreu nas olimpíadas. Venceram um jogo que não valia nada e depois perdeu o ouro justamente para a seleção que poderia ter mandado embora e não fizeram. Espero que não ocorra de novo, de perderem a vaga justamente para a Russia que estava nas mãos das americanas mandarem pra casa e não fizeram, venceram a Sérvia por 3×0 e classificaram a Russia.

  • Antonio

    Meu palpite:

    [passada esta terceira fase] na semifinal, Brasil bate Italia e China bate USA. Na final, Brasil bate China e USA fica em terceiro.

  • Marcio T.

    Apesar de todo mundo ter gostado da chave do Brasil eu preferia ter uma equipe como EUA ou Rússia na chave para evitar um cruzamento na semi final. Como do outro lado pode passar qualquer seleção, as semi finais serão durissimas!!!

    • Daniel_Sam

      Tem razão, não tinha pensado por esse lado.

  • Bernardo

    Não vejo muita dificuldade do Brasil chegar as semis, mas depois será um duelo espetacular, será a hora de mandar russas ou americanas para casa nas semi-finais.

  • Aline

    Bah!!! CHINESAS??? ETERNAS FREGUESAS DO BRASIL!!!
    A CHINA sempre PEI-DA pra jogar com Brasil…
    Dominicanas TIME IMPREVISÍVEL DEMAIS!!!
    Essas dominicanas podem ganhar de qualquer time da mesma forma que podem perder de qualquer time. Elas são de Lua, se tiverem num dia inspirado dão show, do contrário perdem a cabeça!!!
    A outra chave É MUITO MAIS PESADA, GRUPO DA MORTE MESMO!!!
    Acredito em Itália e o que restar de EUA e Rússia.
    Com o retorno de COSTAGRANDE e LO BIANCO para o Mundial, a itália se tronou favorits,também, ao título!

    • Fernando

      Costagrande e Lo Bianco todas ferradas e caindo aos pedaços, que reforço!

  • Luiz Rodrigues

    Gostei do nosso grupo, está bem mais fácil que o outro. Em minha opinião o Brasil se classifica em primeiro e a China em segundo e no outro grupo acho que as Americanas ganham o grupo com Rússia e Itália fazendo um jogo dificílimo, a Rússia tem um time melhor, mas elas perdem uns jogos tão esquisitos que acho que tudo pode acontecer. Se der a lógica, pelo que estão jogando Brasileiras e Americanas fazem a final e quiçá o Brasil agora finalmente ganhe.

  • Arlindo

    Vendo o que as três equipes do grupo da Itália estão jogando, não dá pra apostar em nada, nem na classificação dos Estados Unidos.

    Que esses jogos sirvam pra estabilizar ainda mais o jogo do Brasil pq as semifinais vão vir aí com tudo!
    Vai ser emocionante.

    • Arlindo

      E eu não descarto a Rep. Dominicana das semifinais não.

      Elas jogaram bem contra a China no sábado e só bobearam no final do tie-break.
      Acho que a única garantida, felizmente, é a nossa seleção.

  • Guilherme

    Daniel, li em um outro blog uma crítica sobre a forma física da jaqueline, dizendo que esta magra acima da media e não consegue ganhar massa. Sinceramente vejo a mesma jogadora voando em quadra e sendo a melhor jogadora da seleção. O que você pensa da fase atual da jaque?

    • Luiz

      querido. O Bruno Voloch é amiguinho da comissão técnica do Zé Roberto. Não duvido nada que eles tenham reclamado do sim da vaidade da Jaqueline. Isso casa com o que o próprio Zé Roberto já disse no passado, que tem jogadora que por vaidade se recusa a pegar mais pesado na malhação. Só no entendo o porque da questão, já que se ela se acostumou a jogar assim não vai mudar.

    • Fernando

      a Jaquelãine Tedesco sempre recebeu críticas, até o momento vem sendo a melhor jogadora do Brasil e lídera as estatísticas de ataque.

      Desde que cumpra com o seu papel, está de bom tamanho. E a Garay que tá de mal a pior com míseros 20% de ataque???

      • Sergio

        Voloch é barraqueiro. Besides, he loves gossiping…

  • Teoricamente o grupo do Brasil é mais fácil. Mas certamente jogarão tanto a Republica Dominicana como a China, sem responsabilidade alguma contra o Brasil. Aí o Brasil precisará ter uma cabeça muito boa para não complicar seus jogos.Mas sinceramente, não vejo como o Brasil não ir para a semi final. A outra chave totalmente indefinida.Pelo retrospecto Usa sairia em primeiro e Itália em segundo, mas como a Russia está acostumada a jogos com muita pressão e os Usa costumam borrar as calcinhas em momentos decisivos….,totalmente em aberto outro grupo.A unica coisa que eu tenho certeza é que só vai ter jogão!

    • Não concordo Rafael. É jogo que vale vaga pra semi-final, não existe essa de jogar sem responsabilidade. Veja no basquete, todo mundo perde, mais vc percebe que ninguém joga sem responsabilidade, muito pelo contrário, voce ve o desespero estampado na cara dos adversários. Acredito que o sonho de toda equipe hoje é vencer a seleção brasileira. Veja você, se o Brasil conquistar o mundial o Brasil vai ser atualmente a campeã de todos os torneios internacionais do volei mundial, quais sejam: Campeão Mundial, Olimpíco, Grand Prix e Copa do Mundo. Ou seja, acredito que qualquer adversário quando joga com o Brasil não vai sem responsabilidade não, vai é extremamente tenso, procurando concentração total, porque jogar contra o Brasil sem responsabilidade é levar de 3×0 em 10 minutos – 25 -0 25-0 25-0.

      • Daniel_Sam

        O Brasil não é Campeão da copa do mundo de Volei.
        Esse torneio ocorre a cada 4 anos , e será no ano que vem. talvez vc está confundindo com Copa dos Campeões(que o Brasil conquistou ano passado, e já havia conquistado em 2005 tbm, mas a Copa do Mundo de Volei o Brasil nunca foi campeão, poderá ser ano que vem!)

  • Eu acho que o brasil tem tudo para colocar em prática tudo o que foi estudado e treinado a china por ser um time jovem creio que se o brasil entrar mandando bala leva facilmente pois controla bem os ataques de Zhu já as dominicanas é aquele jogo que a seleção não pode se desconcentrar pois é muita força e pouca técnica e o jogo das torres, agora nas finais eu gostaria de ver as russas novamente mas eu posso crer também que as italianas por mais time que as russas podem ter e tem mas o passe é desastroso então a defesa italiana e o saque funcionando bem elas podem bater sim as russas pois por enquanto Gamova não entrou na competição e a Itália com a Centoni sempre nas maiorias das vezes vence a Rússia não imagino as americanas em apuros com a velocidade de jogo que tem mais é bom ver na prática mesmo e deixar as teorias pra depois #go brasil!!

  • Luiz

    Eu que sou boca dura às vezes esqueço de falar da Taíssa. Não gosto muito como pessoa, mas é uma baita jogadora. Está sempre jogando com garra, defendendo a camisa. Diferente do Lucão que está sempre com aquela cara de to nem aí, já estou rico. O Bernardinho não vê que tem vários jogadores na zona de conforto como se nunca fossem perder posição. Seria hora de chacoalhar o grupo como o Zé Roberto (nojento) faz.

    • Billy

      Como sempre são de você os comentários mais ínuteis e bobocas deste blog.Estou na Itália neste momento e assistirei todos os jogos ao vivo(infelizmente-prá você- essa mordomia não é pro seu bico).Conforme-se invejosa…

  • Gratcheva

    Jogadoras russas em evolução, fizeram sua melhor partida contra a Sérvia quando mais precisaram do resultado. Goncharova voltou ao nível que apresentou em Londres. Kosheleva estar voando e a Gamova já deu o ar da graça no 3 set contra as servas. Elas tem um poder de ataque enorme e são favoritas contra as italianas e americanas. Contra as americanas na 1 fase fizeram um jogão em que quase venceram. Na 2 fase contra o BRA, as russas esconderam o jogo porque sabiam que vencendo ou perdendo teriam que vencer a Servia de qualquer jeito no dia seguinte. Marichev foi questionado por um repórter brasileiro e ele preferiu não responder, mas afirmou que Gamova resolveria na hora certa. Mas não só Gamova estar em ascensão, a Goncharova foi líder em pontuação nos 2 últimos jogos.

    • Gratcheva, acho que voce assistiu outro jogo. Eu não vi o time da Russia dominando a Sérvia. O que eu ví foi um time da sérvia muito lento, morrendo de medo da Russia, errando ataque, defesa e saque. A vitória da russia pra mim não foi por mérito, e sim por insegurança da Sérvia. A Sérvia vive apanhando da Russia no campeonato Europeu. Pode observar, a Sérvia morre de medo de enfrentar a Russia e o Brasil. Observe como a Sérvia erra tudo quando joga com essas duas equipes. As vezes acontece isso, é psicológico. As jogadoras Sérvias cresceram vendo a seleção brasileira e a Russia dominando o mundo do volei. Elas desde nenezinho morrem de medo do Brasil e da Russia.

  • cesinha

    se o ze trocar a levantadora que fabiola e muito mais que pane lins e barrar a sheila que nao esta jogando nada pode vir qualquer uma dessas adversarias nao da para nenhuma delas a russia e horrorosa penou pra ganhar da servia que convenhamos e amadora a mesma russia tava com o jogo na mao contra a turquia e perdeu e o usa nao nada mais do que aquilo de ontem as outras francamente nao poe medo em ninguem

    • Sergio

      Fabíola, infelizmente, “treme” e erra muito nos momentos de maior tensão. Já a Dani é mais “fria” quando o bicho pega…

      • Concordo Sérgio. A Fabíola realmente é ótima levantadora, mais em momentos decisivos é mais insegura que a Dani Lins.

        • Na verdade eu digo mais. Agora que pude observar o time reserva do Brasil em ação um jogo inteiro. A diferença das reservas para as titulares não está na competência. Todas tem competência e técnica. O problema é a irregularidade, por exemplo, as titulares dificilmente erram em sequência. As reservas demonstraram que repetem várias vezes o mesmo erro durante uma partida. Olhe a Nathália na recepção……. foram várias as vezes que sua recepção foi péssima. Tem que errar pouco. Várias vezes já verifiquei como a Nathália tem uma péssima recepção, já era tempo dela ter praticado e treinado para melhorar isso, por isso continua na reserva.

  • gui

    Jamais vi um time tão perfeito quanto o nosso. Essas meninas são múltiplas , exibem técnica em vários posicionamentos na quadra . Fazem a leitura do que está errado e sempre recuperam , Maravilhosas ! Não acredito que possa haver uma equipe igual . Jogo é jogo, porém confio totalmente nesta capaciadade delas;eu as amo !

  • amigos o time das meninas …esta jogando muito, a virada contra a Russia foi sensacional uma das mais linda vitoria do volei do brasil…..fazia algum tempo que nos vinhamos apanhando das russas,, elas lavaram alma.. A vitoria contra os EUA, nao diz nada foram os 2 times reservas. Agora é pra valer na minha otica a china é um time forte encardido…pela republica dominicana a gente passa…. o confronto direto é que vai decidir….china e brasil… quem passar….. acho na minha opiniao que da.. BRASIL E RUSSIA…..POIS ELA GANHA DAS AMERICANAS NO CONFRONTO DIRETO………CAMPEAO BRASIL……… ESSE É MINHA ANALISE SIMPLISTA MAIS OBJETIVA O BRASIL TRAZ O CANECO………AS RESERVAS NOSSAS SAO MELHORES QUE AS RESERVAS DOS OUTROS TIMES O BRASIL TEM BANCO PARA DESCANSAR AS GAROTAS….A DENISIA, GABI, TANDARA, ENTRARAM BEM NO MEIO DAS TITULARES…..HELDER FERREIRA

  • Edu

    Não se pode inferiorizar as adversárias.Em tese, uma chave mais tranquila.A China tem como objetivo principal a medalha de ouro no Rio 2016.Tem dominado todos os títulos das categorias de base e acesso no feminino.A Lang Pin é a responsável técnica por todas as seleções e esta montando o time definitivo com esse objetivo.Enfrentaremos um time alto e forte que esta se ajustando ainda.Carece de certa rodagem e os ajustes serão feitos nessas competições intermediárias até a chegada do certame olímpico.A Republica Dominicana é uma equipe naturalmente forte fisicamente e alta com uma excepcional libero que regulariza a flagrante ausência de refinamento técnico compensado na base da força física e raça de alguma jogadoras que inspiram falta de um melhor preparo físico especifico para o voleibol.Teve imensos méritos por estar nessa fase.Se a seleção brasileira já iniciar pontuando numa distancia confortável parece se acomodar com a partida.A seleção B( a das suplentes) com a Fabizona venceu confortavelmente a titular da República Dominicana na fase do Grand Prix da Tailândia. Quanto ao desconforto das semis, elas são inevitáveis para todas as equipes nessa fase de torneio.

  • Fabrício

    Acho que esse mundial é dos EUA! Não tem time jogando mais do que o grupo titular delas.

    Essa história de amarelar já cansou o mundo inteiro… sendo que as americanas só deram pra trás mesmo em 2012. Em 2008, a seleção brasileira era muito superior a todas as demais, sem chances. Ali os EUA perderam pq não teve jeito mesmo, rsrs. Em Pequim, o Brasil teve a melhor seleção da sua história.

    Kiraly vem preparando muuuito bem esse time jovem, e isso inclui a parte emocional como já é de lei os americanos trabalharem esse lado. Quando se pensou que elas pudessem cair, contra a Rússia (melhor jogo do mundial até aqui: EUA X Rússia), elas foram firmes nos momentos de maior pressão.

    Glass, Hill, Harmotto, Akinradewo e Murphy jogando como nunca se viu. Se eles conseguirem colocar a Larson de volta nos eixos será um time duríssimo de ser batido. Sem contar que a Robinson vem crescendo significativamente de produção.

  • Gratcheva

    Final: USA x RUS.

    • Luiz

      Caraca! Embora eu ache que a seleção brasileira leva este título mundial, eu já havia pensado nesta final USA x RUS também, com vitória das americanas. Será?

  • Alex Lima

    Minha previsão pra semifinal:
    3 Brasil X Rússia 2
    3 Estados Unidos X China 1

    Final:
    3 Brasil X Estados Unidos 1

  • Fabio Botelho

    Brasil Campeão, com certeza!

  • Se os Estados Unidos tivessem usado a inteligência era só ganhar 2 sets da Sérvia e depois entregar o jogo em 3×2. A Sérvia estaria classificada, as russas já teriam ido embora. Mais como sempre, as americanas bobearam. Agora vão ter que fazer uma dura batalha com a russia pela classificação. Com certeza se tivesse a Sérvia o caminho seria muito mais fácil. Já pensou a Russia desclassificando os EUA? Elas vão lembrar que era só perder o jogo para a Sérvia que a Russia já estaria em Moscou. Pois é, inteligência sempre.;;;;;

  • Os EUA tinham que perder o jogo para a Sérvia. Com isso, as russas cairiam fora na hora. Agora vão se matar pra se classificarem. Tem que fazer igual o Brasil no masculino na Liga Mundial. Perdeu para o Iran e desclassificou a Russia. A Russia é um time excelente no volei que só perde nos detalhes, sempre que tiver a chance de desclassificar não pode perder, porque a Russia não perde 2 vezes para ninguém no mesmo campeonato.

    • Stepanova

      Com certeza. Perfeito o análise. Russas não perdem 2 vezes.

  • Apesar do brasil está bem eu escalaria com certeza Natalia e tandara não pode ficar de fora . Tiraria do time Jaqueline e Fernanda garay.

MaisRecentes

Um líder por pontos ganhos. Outro por pontos perdidos



Continue Lendo

Camponesa/Minas quebra longa invencibilidade em Osasco



Continue Lendo

Placar RedeTV!: Futebol 2 x 0 Vôlei



Continue Lendo