A lista de Zé Roberto para o Mundial



http://www.lancenet.com.br/minuto/Ze-Roberto-Monique-Mundial-Volei_0_1210679080.html#ixzz3DCyy89vS

Vai começar a chuva de críticas, acusações, lamentações e teorias da conspiração. Tem sido sempre assim. Na minha modesta opinião, um tremendo exagero e uma grande injustiça.

Eu prefiro acreditar, sempre, e não apenas na Seleção feminina de vôlei, que questões técnicas, possibilidades de variações táticas e, é claro, convicções da comissão técnica fazem parte dos critérios de escolha.

Que as opções de Zé Roberto possam surtir o efeito desejado no Mundial da Itália!

 

 



  • filhodedavid

    Na minha opinião, quem tinha que ser cortada era a Adenízia. Carol e Monique deveriam ir ao Mundial.

    • ALINE

      Concordo plenamente contigo filhodedavid!
      Não é exagero nem injustiça criticar os critérios de corte e convocação.
      Injustiça sim é privilegiar algumas jogadoras que SÃO INTOCÁVEIS MESMO SEM ESTAR 100% FISICAMENTE em detrimentos de outras que estão no auge da forma e não tem oportunidades.
      Natália não estava contundida e SEQUER PARTICIPOU da fase final do GRANDPRIX?
      Zé repetiu Londres e vai levar Natália sem estar 100% da forma física e cortar jogadores que estão no auge da forma?
      Porque Natália é sempre privilegiada? Porque sofre MIL CONTUSÕES e NUNCA É CORTADA DA LISTA FINAL?
      É justo Natália ir e Monique ou Andreia ficarem de fora?
      Monique nunca deixou a seleção na mão e sempre correspondeu dentro de quadra, é uma jogadora completa, muito técnica e obediente taticamente.
      Andreia arrebentou na Superliga, mas sequer teve chances de mostrar seu jogo na seleção, pois nem ficava em quadra.
      Bia é a central novata mais promissora, é a que deveria ir como terceira central pois tá jogando muito no SESI, MAS PEDIU DISPENSA DA SELEÇÃO.
      CAROL tá muito melhor que Adenízia na atualidade.
      Se Natália não teve condições de disputar as finais do GRAND PRIX em menos de UM MÊS está pronta para o MUNDIAL?
      Mesmo antes de se contundir, Natália só entra pra sacar?
      Se for levar alguma jogadora SOMENTE PRA SACAR que LEVE A AMANDA, que é indiscutivelmente a MELHOR SACADORA DO BRASIL… Ora bolas, não que eu ache que deva ter alguma jogadora só pra sacar na seleção… MAs se Natália cumpre só essa função, então a AMANDA É MAIS EFICIENTE no QUESITO:SÓ PRA SACAR!
      É ser muito inocente acreditar que critérios técnicos ou táticos estão acima da PREFERÊNCIA PESSOAL na hora do corte. Entendam PREFERÊNCIA PESSOAL como APADRINHAMENTO, QUERIDINHA, AMULETO, PANELA, PROTEGIDA ou qualquer outro termo do tipo.
      Só sei que não dá pra engolir certas FIGURINHAS REPETIDAS que nunca saem DESSA LISTA DE CARTAS MARCADAS!

      • Rafa

        Lá vem o chororô…
        Pessoal, era lógico que a Monique seria cortada: função tática, ou agora a Monique virou a melhor passadora da seleção?
        Pra que 3 opostas?
        Não querendo defender a Natália, longe disso, mas quem disse que ela não está 100%? Ela foi apenas poupada pois teve uma contratura muscular, simples assim. Jogadora de alto rendimento se recupera em menos de 1 semana.
        Bora torcer galera… Esse time é o que temos pra disputar o único título que nos falta…

        • Fernando Lopes

          Falta também o título da copa do mundo.

          • Rafa

            OK Fernando, concordo com você mas acho que é um título de menor expressão visto que muitos times estão preocupados em garantir as 3 vagas para as olimpíadas deixando como segundo plano o título.
            Mas a seleção feminina de fato não tem esse título

      • Juliano

        Discordo. Neste momento, em pleno mundial, o corte da Adenízia acarretaria os mesmos efeitos de Londres. Traduzindo, Thaísa, Brait, Sheila e outras tomariam as dores, e isto acabaria com o time. Na fase inicial, com Turquia, Bulgária e Sérvia na orelha, não há como ficar aguardando a melhora dos ânimos.

        Já a Monique é “nova”, não tem aquela amizade como a Adenízia, e a sua saída não desestruturaria o grupo.

        Infelizmente, por ser voleibol feminino, estes detalhes JAMAIS podem passar despercebidos.

        Natália pode ser péssima no passe, mas, se improvisada, dá uma banho na Monique na função de oposto. Lembrando que no último mundial quem segurou as pontas foi ela. Ademais, em pleno Grand Prix 2011, com Rússia praticamente completa (faltou Sokolova), Brasil bateu por 3 a 0 numa semi com Natália e Garay no passe. Portanto, não dá para criticar a escolha do ZR.

        Ressalto que, futuramente, caso a queda de rendimento continue, acredito sim que o ZR pode cortar a Adenízia. Ele a retirará aos poucos até ela ser dúvida no Rio/16. Agora, do nada, depois de sempre ser convocada, é mero suicídio na competição mais importante do ano. Como dito, a experiência já nos mostrou que este corte brusco não dá certo. Panela ou não, é para o bem da seleção.

  • Juju

    Bom Daniel, eu não acredito, ainda mais no Brasil, somente nestes motivos que você listou, um claro exemplo disso é a convocação da equipe de tênis para a Copa Davis, mas desta vez acho que a convocação do Zé foi coerente, não gosto muito deste negócio de cortar jogadora de última hora, é meio cruel com a atleta, até porque a Tandara joga mais que a Monique, então por que não define logo. Desta vez sem teoria da conspiração.rsrsrsrsss…

  • Fernando Lopes

    Falta também o da copa do mundo.

  • Luiz

    O mais do mesmo. E o Zé Robeto SEMPRE confiando na sua superstição e mandingas – achando que ninguém do time titular vai se contundir. Foi assim em Londres ao confiar em uma Natália “quebrada” no banco d reservas. Agora, façam um exercício mental e pense se por algum motivo Sheilla, Taissa/Fabia e Garay acordarem num dia ruim ou sofrerem lesão, pode apostar que o time do Zé (e não mais do Brasil) fica capenga. Isto poderia ter acontecido em Londres. Que ele tenha sempre a “sorte” ao seu lado.

    • iuri

      Eu nao sei se vc sabe, pq provavelmente nem acompanhou os jogos de Londres e esta falando um monte de bobagem a toa, mas o time titular de Londres tinha Paula e Fernandinha q foram pro banco durante o torneio. Garay e Dani Lins entraram no lugar, respectivamente. Entao antes de falar que o Ze so acredita e so confia no seu time titular, va estudar um pouco mais, pesquisar, ver videos, porque pelo visto voce esta bem por fora de muita coisa q aconteceu no passado recente.

      • Luiz

        Venceu, na SORTE. E recolha-se no seu insignificante lugar.

        • Felipe

          SORTE kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk bater Russia num tie break e EUA numa final dps de perder de 25×11 é pura SORTE kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk vc é demente!

    • Paulo

      Concordo em gênero, número e grau. O que aconteceu em Londres foi um milagre, daqueles que só acontecem uma vez.

    • billy

      Oi Luiz estava com saudades de você amiga.Ainda estou na Polonia e quando eu voltar lhe trarei uma lembrancinha.Olha esses dias eu tirei umas fotos com o Matt Anderson (EUA).Você não esta com inveja de mim nesse momento? Pois você acha ele um gato,né! Brincadeiras á parte-quero lhe dizer que concordo com o seu comentário dessa vez á respeito da convocação.Abraços á você e á todos do blog.

      • Luiz

        Querida, inveja nunca. Nunca vi o Anderson pessoalmente, mas a gente se fala. Vamos deixar isto pra lá, porque já revelei até demais. Continue ai lavando banheiros. Represente bem o Brasil.

    • billy

      LUIZ você também é supersticiosa como o ZRG? Gostaria que voce me esclarecesse por que não gosta muito do Bernardinho(se você puder e quiser,lógico) Abraços de quem sentiu muito a sua falta(sinceramente-te acho Divertido às vezes) Beijinhos…

  • Juliano

    Apesar de sentir falta de uma ponteira com P, que vira bolas altas quando o passe não sai, gostei das escolhas.

    Não gostei foi a demora do corte. Já devia tê-la tirado do grupo quando anunciou o corte da Tiemi e da Andreia.

    Aquele jogo contra a Turquia, no Grand Prix, fez toda a diferença na convocação final.

    Reparei também que Monique não conseguia mais fazer aces ou desestabilizar a recepção adversária quando entrava para sacar, coisa que Carol conseguiu quando era chamada. Nem esta característica, portanto, a Monique não estava na frente. Se, porém, Tangorda se machucar mais uma vez, agora em pleno mundial, ela já pode ter certeza que Monique toma o lugar dela daí para frente.

  • Bil

    Vejo o Bruno com um maior entrosamento com o Lucarelli, com a saída de Giba, perdemos o fundo meio, estou com mais esperança agora, com as pipes, que Lucarelli, voe hoje contra a Rússia.

  • Bil

    Ops, meu comentário anterior foi no post errado. Desculpas.

    Mas aproveitando, temos que confiar nesta lista do Zé, e torcer. Torci para que a Andreia, repetisse as boas atuações no Pinheiros, mas infelizmente não deu, ela precisa ganhar mais força e explosão, pois técnica tem de sobra, go Mundial.

  • Eu discordo de uma posição, levantadora, o zé deveria levar Ana tieme, no lugar da Fabiola, a Ana é uma jogadora promissora, este mundial iria acrescentar muito em seu currículo, não me venha o Zé Roberto as véspera da olimpíadas cortar a Fabiola e levar a Ana, ai parei.

  • Renato

    Bom dia!

    As convocações do JRG são sempre contestadas, lamentável, um profissional tri campeão olímpico, seja na base da sorte ou não, dispensa qualquer justificativa.
    A convocação inicial, é sim baseada no que as jogadoras renderam em convocações anteriores e na disputa da Superliga ou Ligas estrangeiras, após isso o que define é o dia-a-dia, quem trabalha ou trabalhou com o voleibol feminino sabe bem o que é isso. Todas as jogadoras convocadas sabiam que os cortes iam acontecer, atleta profissional convive com isso. Sem delongas, eu levaria a Andreia por ser ex meio, no mais, gostei da convocação, pois manteve a base que foi a Londres e está levando atletas que podem atuar em duas posições, pois, o voleibol é um esporte de improvisos.

  • Mário

    Depois do que houve nas Olimpíadas de Londres, com tamanhas injustiças com Fabíola e Mari, tudo agora é bobeira. Venceu por pura sorte. Jamais foi o melhor time. Mas o que vale neste país é o resultado, não é? Se esta turminha não trazer o Ouro, aí poderá haver tiro no galinheiro. E como não sou – e nem devemos ser boizinhos de presépio -, não acredito em seleção sem atacantes de ponta e nem em timinho de composição. Gosto de volei de verdade. E esta seleção não é nem de longe àquela que tinha PP4 e Mari. A melhor, efetivamente, do mundo. Que saudades…

  • Edu

    Pesou ,sem demérito, a favor da manutenção da Adenizia seu histórico e medalha olímpica na seleção. Adenizia ficou doze jogos consecutivos fora sem apresentar nenhuma lesão aparente.Não ficando e nem sendo relacionada -às vezes – nem no banco enquanto que Carol e Monique tiveram alguma oportunidade.Se somarmos os últimos vinte jogos, Adenizia não ficou nem dez minutos em quadra.Ela é um pessoa inteligente e sabe que caso não reverta essa situação técnica seu espaço na equipe para 2016 esta seriamente ameaçado.Dessa vez, ela vai mais pela perspectiva do que pode apresentar do que realmente tem demonstrado efetivamente.

  • CARLOS

    Inaceitável ouvir nesses comentários que o Brasil ganhou a Olimpíada por sorte.
    Nós tinhamos o melhor time e que não chegou bem e se encontrou.
    Pelo amor de deus!!

MaisRecentes

Joelho afastará Gabi das quadras



Continue Lendo

As primeiras transmissões da Superliga na TV



Continue Lendo

Vaivém: Thaisa jogará a Superliga



Continue Lendo