A emocionante classificação do Vivo/Minas



27-25, 17-25, 26-24, 20-25, 8-15, 26-24, 25-20, 29-31, 24-26, 18-16, 20-25, 23-25, 25-19, 25-19 e 15-13.

Este foi o placar do playoff mais equilibrado da Superliga masculina até agora. Após três tie-breaks, o Vivo/Minas, quinto colocado na fase de classificação, eliminou a Cimed/SKY, quarta, e está na semifinal.

O duelo decisivo no abarrotado Capoeirão foi um turbilhão de emoções para as duas torcidas. Os catarinenses festejaram muito no início, após o time abrir 2 a 0. Dava pinta de que o mando de quadra faria diferença mais uma vez na série. Mas os mineiros tinham Marcelinho, um levantador que faz a sua melhor temporada nos últimos anos, calando muitos críticos. Engraçado como um lance pode transformar alguém no jogo. No terceiro set, após um ponto de bloqueio de Gustavo em Otávio, a bola quicou embaixo de rede. O meio da Cimed e o levantador do Minas a disputaram, já depois de o lance ser concluído. Um princípio de confusão, que parece ter acendido ainda mais Marcelinho, pois a virada começou a ganhar corpo ali. Sorte de Filip, tcheco que vinha jogando menos do que tem potencial neste playoff, e acabou como maior pontuador do jogo. Sorte do Vivo/Minas, que continua surpreendendo nesta Superliga e se enche de moral para buscar uma vaga na final. Méritos de sobra para Marcelo Fronckowiak, um técnico que soube, dentro de um orçamento mais baixo entre os principais times do país, escolher peças que muitos torcedores torceram o nariz. É só lermos comentários de meses atrás aqui mesmo no blog. Hoje, o elenco que era chamado de desconhecido e limitado está entre os quatro melhores da Superliga.

Vale citar aqui também outro fato importante. A arbitragem, tão questionada em outros jogos, foi decisiva ao acertar a marcação em lances dificílimos no tie-break. No primeiro, João Paulo Tavares bateu a mão na parte superior da rede. O primeiro árbitro não viu e deu ponto para a Cimed/SKY. O segundo entrou em ação, corrigiu e corretamente a decisão foi mudada. Ponto para o Minas. No fim da parcial, ace de Filip. Bola na linha, que poderia facilmente ter enganado o olho humano, já que o auxílio da TV ainda não está presente na regra. Mas a arbitragem acertou novamente. Num playoff como este, a diferença entre o vencedor e o derrotado é tão pequena que um mísero ponto faz muita diferença.

 



  • Rafa

    A última vez que me emocionei com o time do Minas, foi na última vez que o Minas foi campeão, com Samuel jogando após a morte do irmão dele. Depois daquele jogo não vi mais os jogadores tão dedicados a honrar a história do time. E nesse playoff de quartas vi TODOS os jogadores lutando, jogando com a torcida e para a torcida. Todos os jogadores são ídolos da torcida, graças a uma grande organização da comissão técnica.
    Você ressaltou, Daniel, o trabalho do Marcelo Fronckoviak. Ele trouxe a paixão que faltava ao Minas. Enfim, estou muito orgulhoso do Minas.

  • Amo o Minas Tenis Clube

    Da-lhe minas com muito orgulho, com muito amor.
    Marcelo Fronckowiak, eh o cara. como conseguiu realmente encaixar tudo certinho. junto com Marcelo Mendez são os melhores do Brasil no masculino.
    Time que sempre correu atras no marcador e virou jogos considerados perdidos merece muito ser campeão.
    Vamo, vamo, vamo minas.
    Agora quem vai segurar???

  • ana maria

    Bom, sou MInas então estou muito feliz desde a temporada passada e também credito ao Marcelo Fronckoviak a virada, ter ido buscar em cada jogador o seu melhor. penso que nessa temporada esse duelo com a Cimed enterrou o baixo astral de ter perdido consecutivamente pra eles em temporadas anteriores. Claro que individualmente há contribuições importantes, como a do Marcelinho, do Filip, do Lucarelli. Mas o time jogou como time. A equipe técnica me parece muito focada e eu espero que os dirigentes sejam sensíveis e mantenham uma equipe que cresceu e pode ainda crescer. É lindo ver veteranos como o Henrique (de quem particularmente sou fã) jogarem com paixão. Ele também dá uma cara pro time. Penso que time tem que ter cara e pra isso é preciso continuidade, manutenção…Bom foi lindo ver o jogo de ontem, como tem sido ultimamente ver o Minas jogar.

  • Adriano

    Você falou tudo, Daniel. O Marcelo é O cara! Que treinador espetacular! Eu o admiro desde que ele foi campeão da SL, na sua primeira temporada como treinador, em 02/03. Para quem não se lembra, aquele foi o primeiro grande ano do Ricardinho, e foi a partir daquela temporada que ele se tornou titular da seleção.

    Torci muito pelo Minas no ano passado, principalmente por causa dele, e não me surpreendi muito com o time chegando nas semis, mesmo sendo individualmente mais fraco que outros times que foram eliminados antes. Mas esse ano, com um time teoricamente mais fraco ainda, sem ter podido segurar a base do ano passado, eu realmente não achei que ele fosse poder repetir a façanha.

    Acho que pelo que o Minas tá mostrando, tem chance até de ser campeão. Ele vai cruzar com o Sada, que é um time contra quem seu jogo encaixa. E aí, na final, pode dar qualquer coisa.

    Enfim, foi uma série sensacional, mas o Minas mereceu muito. Nunca desistiu do jogo, mesmo nos momentos mais adversos.

    Nesse terceiro jogo, eu destacaria o Otávio, que cresceu muito em 1 ano ou coisa assim, desde a última vez que eu o vi jogar; e o Marcelinho. Sempre gostei dele, mesmo sendo muito criticado, como você citou. Acho que ele foi uma das melhores coisas da campanha do Pinheiros, de 2 anos atrás. E ele lidera esse time muito bem. A meu ver, ele está abaixo apenas do Ricardo, como todos os outros grandes levantadores brasileiros estão – William, Bruno, Marlon, Rapha, etc.

  • Luiz Fernando Andrade Ferreira

    Dá lhe Minas!!

    Dá lhe Marcelinho.
    Viva este grupo de guerreiros.

  • sergio florencio

    LINDA A VIRADA DO MINAS NA NOITE DE ONTEM. QUE O TÍTULO VENHA PRA MINAS POIS ACREDITO QUE O SADA/CRUZEIRO VENCERÁ O DUELO DE HOJE. O TIME QUE FOR PARA A FINAL REPRESENTARÁ MUITO NOSSO VOLEIBOL MINEIRO.

    CHAMO A ATENÇÃO PARA O NARRADOR DA SPORTV DURANTE A PELEJA DE ONTEM, TORCEU SEM ESCONDER PARA A EQUIPE CIMED, O QUE NÃO DEVERIA ACONTECER NUMA TRANSMISSÃO DE UM JOGO DE ALTO NÍVEL. FICA AQUI CLARA A MINHA DECEPÇÃO QUANTO AO FATO. PARA COMPROVAR BASTA VER OS MELHORES MOMENTOS EM CADA PONTO FINAL DOS “SETs”. ENFIM, O MINAS MERECEU VENCER E ESTÁ DE PARABÉNS. QUE O TÍTULOVENTA PRA NOSSO ESTADO. mereceu vencer e está de parabéns

  • Carlos E

    Que vergonha a narração do Sportv. O clima de velório que o narrador deu a partir do 4º set foi de dar vergonha, Carlão é bem imparcial, mas o narrador…. que coisa e n é a primeira vez.

    Mas o importante é que essa equipe lutadora chegou nas semis. Esse grupo aí merece demais, fez com que os velhos tempos do Minas voltassem, esse aí o minas tenis que a gente conhece um time que tem garra, que joga junto da torcida, que nao desiste jamais.
    É um prazer ver o Vivo/Minas jogar.

    E o Marcelinho, foi o maior “cala a boca” que o volei viu nos ultimos tempos rssrsrs Tá jogando, mais é muito mesmo.

  • César Castro

    Parabéns para o Minas Tênis Clube. Tem jogado com honra nas ligas masculinas e femininas. Eu sou do tipo que prefere casas de concreto do que castelos de açúcar.

    Parabéns desde o Ceará!!!

  • Kaio

    Virada e mais gostoso

  • joao

    deu o time mais tradicional do volei brasileiro!!!! torco para o minas no volei, e quero q ele venca o cruzeiro, mesmo eu sendo cruzeirense, pois meu no volei sou minas. O minas eh a paixao do nosso estado, sempre levou o nome do esporte mineiro, por isso aq em minas conheco alguns atleticanos q torciam pro minas na epoca q as falinhas tinham time de futsal, msm coisa q tah acontecendo agora no volei. minas eh paixao!!!!!!!! rumo ao penta!!!!!

  • Naty

    Que que foi esse jogo…pra mim o melhor da Superliga…pela qualidade técnica e pelo que valia…
    Como é lindo ver o Henrique, jogador já experiente, jogar com tanta paixão…é impressionante como ele transmite isso….joga com o coração mesmo! Parabéns ao Minas!

    • Alessandra França

      Tambem acho linda a forma como o Henrique se entrega ao Minas. É questão de amor, de respeito mesmo. Isso muitas vezes é raro no esporte, por isso nos chama tanta atençao. Um exemplo

  • BIL

    VAMOS MINAS !!!!!!

  • Luiz

    Eu que sou o que mais pega no pé do Bruninho não gostaria de tripudiar, mas o que adianta ser “o melhor” levantador da superliga (segundo as estatísticas maculadas da CBV) se na hora H ele faz as escolhas erradas?
    Ontém o João P. Tavarez não atacou bolas no meio fundo, e o Rivaldo só se deu bem mesmo ao cruzar com o Marcelinho e o Bruno Tempone na rede.
    E esta hisrória de ficar repetindo bolas? E a infantilidade de ficar devolvendo bolas de segunda sempre que o levantador adversário vira uma? Se deu mal ontém!!!

    E LONDRES VEM AÍ, MINHA GENTE.

    Só mais uma coisa:
    Que burrice foi aquela do técnico do Minas iniciar os dois primeiros sets com o Marcelinho na rede? A rede não virava, e o Bruno deitou e rolou sobre o bloqueio do Marcelinho.

    • Mariana

      Procurar tecnico pra que, povo… Luiz pra tecnico da seleção, o único que sabe de tudo, já to sacando… rsrsrsrrsrs

    • Fabi

      Eu estive esperando Luiz!kkkkkk homem obcecado!

    • Luiz

      Obrigado pelos elogios.

      Mas a verdade é que Bruinho ano passado caiu nas quartas para o Ricardinho e este ano caiu nas quartas para o Marcelinho. Iso quer dizer algum coisa.

      • Fabi

        Copie observações de outro blog? kkkk …. Bruninho fez uma grande Superliga, o fato de que sua equipe perdeu não muda a sua grande forma.

        • Luiz

          Não, querida. Eu comento em vários blogs com a mesmo nome. É só você prestar atenção.
          E o fato da equioe daquele filhinho de papai ter perdido só demonstra a falta de experiencia de um levantador limitado, que na hora H fez escolhas erradas.

          • Fabi

            Ah, mas então Ricardo que nos clubes não ganhou nada durante tantos anos? Ah, sim … ele não tem experiência ….

  • Bruno César

    Que grande vitória do Minas.
    Marcelinho jogando muito.
    Henrique com uma raça de outro mundo.
    Lucarelli uma grata revelação.
    Manius que eu critiquei muito no Camp. Mineiro me surpreendendo.
    Otávio não se intimidou em jogar no Capoeirão lotado.
    Polaco trabalhando bem na recepção(mas tem hora que ele me faz raiva demais)
    Philip mete a mão na bola sem dó. Bela contratação do Minas
    Bruno Temponi quando entra dá conta do recado.
    Marcelo Fronckowiak trabalhando bem demais com um orçamento bem menor do que muitos rivais da SL.
    Acho que os “Marcelos” são o principal motivo dessa campanha surpreendente do Minas.

  • Luciano

    Bom definitivamente foram 3 jogaços, isso que é voleibol brasileiro, o melhor do mundo mesmo, paixão nacional. Entre os 4 times que estão nas semi finais o único que não acho justo que ganhe é o RJX. Não gosto de time que chega do nada e banque o melhor só porque tem um patrocinador que tem dinheiro e não compromisso com o esporte, acho que o Sesi e o Campinas são exemplos a serem seguidos. Compromisso e tradição no Volei neste momento apenas o Minas, porém o Sada se firmou e espero que lute pelo título, o VF investiu e já está também merecendo pois está se firmando no cenário nacional. Nosso volei vive hoje uma Super Liga masculina como a melhor de todas desde que começou. Para o ano seguinte os times terão que pensar em fazer em montar um elenco coeso e não catado, e que não desapareçam times do nada e surgem outros do nada sem base.

    Obs.: Daniel uma dica para bombar seu Blog na minha opinião é no final da Super Liga fazer um balanço sobre cada time, todos mesmo e depois as especulações sobre a montagem dos elencos, opinião sobre estrangeiros, times que irão surgir e que se despede. Valeu

    • Luiz

      Falou TUDO!!!

  • voleyball

    Visível o descontentamento do nosso “querido” narrador da Sportv Sérgio Maurício. Foi parcial à Cimed a todo momento e quando o Minas fazia um ponto era como se fosse nada algo frívolo. Amargou e engoliu as palavras do Marcelinho no final.
    Frankoviak deu um banho tatico no Douglas. Mudou redes até coincidir com o rodízio que melhor fosse pro seu bloqueio, teve coragem de mudar quando viu que sua escalação não deu certo e como no jogo anterior fez a diferença. Douglas foi omisso e no ginásio da de perceber que não tem liderança nenhuma sobre o time.
    Em poucas vezes acontecem esse fato: Para coroar esse post vale destacar a arbitragem 100%.

  • volei mania

    O pior do jogo ontem foi ter que aguentar o narrador tendencioso da Sportv torcendo o tempo todo para o Cimed. Foi patético e ridículo!!!
    A cada ponto do Cimed o narrador berrava no microfone, enaltecendo o tempo todo a “qualidade” do time de floripa… quando o Minas começou a mandar no jogo o sujeito baixou o tom de voz e ficou parecendo que estava num velório… bem feito!!! Este tipo de profissional na TV deveria ser banido… os assinantes merecem, no mínimo, respeito.
    Está cada vez mais difícil acompanhar o esporte pela Sportv, porque os narradores são muito tendenciosos.. e não é só com o Minas… hoje, no jogo do feminino, era nítido o narrador da Globo torcendo pelo time do Rio… e o pior é que ontem, ao final do jogo, com a vitória do MInas, parecia que a seleção Brasileira tinha sido eliminada, porque não se fez o mínimo esforço para enaltecer as qualidades do time vitorioso… profissionalismo e imparcialidade no jornalismo esportivo JÁ!
    Detalhe: ontem o berrador do Sportv, em todos os lances do Cimed: ESPETACULAR!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    Já nos pontos do Minas: Virou Lucarelli, ponto do minas…
    Alô, Sportv, deixe o Rogerio Correia e outros narrarem. Sumam com esse Sergio Mauricio pelo amor de Deus!

  • Alex Rufino

    Uma equipe questionada por muitos, porém acreditada por muitos outros.
    Quem conhece o trabalho de Marcelo Fronckowiak, sua dedicação e competência não está surpreso com a campanha do Vivo/Minas.
    Parabéns!!!!!!!

MaisRecentes

O novo conceito da FIVB para 2018



Continue Lendo

Apenas Lebes/Canoas faz o dever de casa na rodada



Continue Lendo

Um líder por pontos ganhos. Outro por pontos perdidos



Continue Lendo