A boa estreia brasileira na Liga



Gostei da primeira partida oficial da Seleção masculina. Vitória por 3 a 1 (25-22, 25-20, 22-25 e 25-15) sobre a Polônia, atual campeã da Liga Mundial, na casa do adversário, com os principais atletas (Kurek, Bartman, Mozdonek…) em quadra.

Chamou minha atenção o equilíbrio entre os principais pontuadores do Brasil: Lucarelli (17), Leandro Vissotto (16) e Lucão (15).  Eder e Dante fizeram 11 cada. Ter cinco atletas com dois dígitos, com certeza, faz muita diferença neste nível de jogo. Como forma de comparação, a Polônia teve quatro nesta faixa de pontuação: Kurek e Bartman (15), Mozdonek (13)  e Kubiak (11). O quinto elemento desequilibrou: Nowakowski anotou apenas três.

Finalizando o quesito números, o bloqueio da Seleção funcionou muito bem, com 14 pontos, dois a mais do que o rival.

Outro ponto positivo foi o volume de jogo que o time brasileiro apresentou em quase toda a partida. Mario Junior conseguiu colocar muitas bolas para cima na defesa, permitindo vários contra-ataques. A dupla troca com William e Wallace oscilou um pouco, não funcionando na primeira mexida, mas depois sendo mais eficiente.

Como início de trabalho para um novo ciclo, a estreia foi animadora.

PS – Engraçado como os poloneses não provocam quando estão atrás no placar, né?

 

 

 



MaisRecentes

São Bernardo desiste do Paulista. Alerta ligado na Superliga



Continue Lendo

Brasil leva virada dos Estados Unidos em terceiro amistoso



Continue Lendo

Vaivém: Fronckowiak anunciado por clube polonês



Continue Lendo