Fifa 15: cartas do modo Ultimate Team passam a ter valores tabelados



Preço de Messi nos leilões, por exemplo, terá que ser 5 e 7, 5 milhões (Foto: Divulgação)

Preço de Messi nos leilões, por exemplo, terá que ser 5 e 7, 5 milhões (Foto: Divulgação)

A semana começou com uma notícia que pegou os fãs de Fifa, mais precisamente do modo Ultimate Team, de surpresa. A EA Sports anunciou a introdução de uma nova política no mercado de transferências, que irá se chamar “Price Ranges” (categoria de preços). Ela irá fixar um valor mínimo e máximo para todos os itens negociáveis do FUT (jogadores, consumíveis, cartas de forma e itens de clube).

Na teoria, a medida, segundo a produtora canadense, servirá para ajudar os gamers a compreender o valor dos jogadores em seus clube, garantir condições de uma concorrência equilibrada nos leilões e, é claro (e principalmente), restringir mais a circulação de moedas “ilegais” no mercado.

Via Twitter, a EA Sports anunciou que os leilões, que ficaram boa parte desta segunda fora do ar, estão liberados já com os valores das cartas contendo um mínimo e máximo. E, também, explicou que o critério dos preços tabelados é baseado em uma análise das médias dos itens ao longo dos últimos anos. Já as cartas especiais (IF), só receberão uma faixa de preço após a liberação das mesmas, podendo ser ajustadas futuramente.

(Foto: Divulgação)

(Foto: Divulgação)

E aí, fifeiro, o que você achou da nova política adotada pela pela EA? Deixei sua opinião nos comentários.

 

 



MaisRecentes

Qualificatório aberto para Rainbow Six OGA PIT, na Croácia, acontece neste fim de semana



Continue Lendo

NiP e FaZe tropeçam e briga pelas duas vagas no mundial esquenta na Rainbow Six Pro League



Continue Lendo

Perto do retorno da Pro League, coaches analisam a importância dos atletas ‘polivalentes’ no Rainbow Six Siege



Continue Lendo